Guanambienses e Brumadenses estão desde às 03h30 em ônibus quebrado da Novo Horizonte em Maracás.

Diversos guanambienses e brumadenses estão desde às 03h30 da madrugada desta segunda-feira (17) aguardando um ônibus da empresa Novo Horizonte para prestar socorro na cidade de Maracás

PERÍMETRO IRRIGADO DE CERAÍMA: OITO ANOS SEM PRODUÇÃO AGRÍCOLA

O Perímetro Irrigado de Ceraíma, ao longo da sua história, foi o maior responsável pela produção e abastecimento de hortifruticultura da região de Guanambi.

Câmara de Vereadores de Guanambi aprova Projeto de Lei que institui a Política Municipal de Meio Ambiente

Hoje (107, foi realizada a sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Guanambi onde o tema principal foi a aprovação do Projeto de Lei Nº 5 do Poder Executivo

Prefeito Jairo Magalhães sanciona Lei que institui a Política Municipal de Meio Ambiente de Guanambi.

No dia 20, no gabinete do Prefeito de Guanambi, aconteceu a solenidade de promulgação da Lei Nº 1.107 de 19.04.2017 do Poder Executivo, que institui a Política Municipal de Meio Ambiente, seus princípios, objetivos e diretrizes, criando o Sistema Municipal de Meio Ambiente.

GUANAMBI: ATRAVÉS DE NOTA EMBASA DIZ QUE NÃO CUMPRIRÁ DECISÃO DO TJ/ BA.

Em nota divulgada na manhã desta quarta feira (19) a Embasa informou que não irá cumpri a Decisão Liminar proferida por unanimidade pelo plenário do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia.

fevereiro 29, 2008

SAÚDE: REUNIÃO NA 30ª DIRES




O Hospital Regional muda de direção neste sábado

Neste sábado, 1º de março, às 10 horas da manhã, a empresa Castro&Lopes passa oficialmente o hospital para o um processo de estadualização, ou seja, a Secretaria de Saúde da Bahia passa a gerir na forma de administração direta a unidade de saúde. Para tanto, os últimos meses foram de intensa preparação; uma equipe da Secretaria de Saúde, com o apoio logístico da DIRES, a colaboração de Edson Luis (Luia) e do Dr. Ariovaldo Boa Sorte, muitas providencias foram tomadas para que a transição não provoque impactos e problemas no atendimento. Foi elaborado um diagnóstico indicando as necessidades do hospital em termos de aparelhamento e de recursos humanos; o governo autorizou a realização de um Processo Seletivo (REDA), especialmente para composição dos quadros de médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e agentes administrativos.

Segundo informações extra-oficiais, o Regional terá um numero maior de servidores, uma carga de trabalho equilibrada para todos os profissionais, objetando qualidade e humanização no atendimento à população. Tomará posse, como diretor administrativo o médico e ex-prefeito de Guanambi Dr. Ariovaldo Boa Sorte, que será auxiliado por Dr. Rui, Dr. Vanilson Flores e outros profissionais; está prevista na solenidade a presença do Secretário Estadual de Saúde, Dr. Jorge Sola e técnicos da Secretaria. O Diretor da DIRES, Dr. Luia, nos informou que estará chegando à cidade nesta sexta-feira, uma equipe do Ministério da Saúde, que virá fazer uma inspeção para instalação do Serviço Médico de Urgência SAMU- 192, cuja implantação está prevista para muito em breve.

Fonte: Por: José Roberto Teixeira

VISITAS IMPORTANTES EM GUANAMBI (2)




SESAB e PMG define detalhes para implantação do SAMUR

O Prefeito de Guanambi, Nilo Coelho ao lado Secretário Municipal de Saúde Robério Moraes, recebeu em seu Gabinete o Secretário de Saúde do Estado Dr. Jorge Sola, acompanhado do Superintendente de Ações Estratégicas da Sesab, Alfredo Boa Sorte, Diretor do Hospital Regional Dr. Ariovaldo Boa Sorte,Diretor da 30ª Dires, Dr. Edson Luiz, Dr. Adson França, representando o Ministério da Saúde. Participaram do encontro os Vereadores Rui Azevedo e Paulo Costa, Dep. Estadual Luiz Augusto, vice Prefeito Charles Fernandes, Presidente do PT Gilmar Pereira, entre outras
lideranças.

Fotos/Fonte: Farol da Cidade

VISITAS IMPORTANTES EM GUANAMBI


Dr. Adson França

Dr. Alfredo Boa Sorte Júnior

Dr. Jorge Solla

O Governo do estado da Bahia está cada vez mais prestigiando a cidade de Guanambi.

Na semana passada recebemos as visitas ilustres do Secretário de Relações Institucionais, Rui Costa; e do guanambiense, Secretário de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Nilton Vasconcelos.

Hoje(29), estamos recebendo as visitas dos guanambienses, Anselmo Amaral Baleeiro - Coordenador Estadual do Projeto Produzir III/CAR; Dr. Alfredo Boa Sorte Júnior, Superintendente da Atenção Integral à Saúde; Dr. Adson França, Representante do Ministério da Saúde, bem como do Dr. Jorge Solla, Secretário de Saúde do Estado da Bahia.

I ENCONTRO DE ASSOCIAÇÕES RURAIS DE GUANAMBI


Rumildes Evangelista, Presidente do STR de Guanambi e Dr. Anselmo Amaral Baleeiro, Coordenador Estadual do Projeto Produzir da CAR

Vereador Paulo Costa (PCdoB), Marcelo (Comitê Gestor do Programa Luz para Todos) e Zé de Doutor (Presidente da FETAG-BA)

Plenária do encontro

Hoje(29), está sendo realizado o I Encontro de Associações Rurais de Guanambi, no Colégio Modelo, promovido pela FETAG-BAHIA e Sindicato de Trabalhadores Rurais de Guanambi.

O evento conta com as presenças de 220 lideranças do campo e mais de 90 associações rurais do município. O principal objetivo é diagnosticar a realidade social e econômica da população rural e debater com os órgãos públicos as diversas demandas e alternativas de melhoria da qualidade de vida do povo da zona rural.

Na parte da manhã, a mesa de abertura do evento foi composta por: Zé de Doutor, Presidente da FETAG-BA; Rumildes Evangelista, Presidente do STR de Guanambi; Vereador Paulo Costa (PCdoB); Marcelo, representante da FETAF-BA no Comitê Gestor do Programa Luz para Todos; Alípio Guimarães, Presidente do Sindicato dos Comerciários; Toninho Lélis, CODEVASF; Secretaria de Agricultura de Guanambi; Gerentes do Banco do Brasil e do BNB; Waldimir, ASA; e representantes de diversos órgãos (EBDA, ADAB,CAR,etc.).

No período da tarde, às 14 horas, o guanambiens e Coordenador Estadual do Projeto Produzir III - CAR, Anselmo Amaral Baleeiro, fará um importante palestra sobre o projeto Produzir III.Também o representante do Comitê Gestor do Programa Luz para Todos debaterá sobre o objetivo do programa e um balanço sobre a atuação do Comitê e a execução do Luz para Todos em Guanambi.

fevereiro 28, 2008

FHC E O FMI


Fonte: Blogonipresente

CUIDADO COM ELA...


ESPORTE: SEGUNDO TEMPO


Programa Segundo Tempo será lançado no sábado

A Secretaria Estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) inicia em março as ações do programa Segundo Tempo. O lançamento acontece no próximo sábado (1º), a partir das 9h, no anfiteatro do Parque da Cidade, no Itaigara, com a presença do ministro do Esporte, Orlando Silva, dentre outras autoridades.

O Segundo Tempo trabalha o esporte como importante instrumento pedagógico, fortalecendo o vínculo da criança com a escola. Este ano, o programa vai beneficiar cerca de 60 mil crianças de 130 municípios baianos, incluindo Salvador, com atividades em 30 bairros.

Os municípios contemplados estão distribuídos em 24 dos 26 territórios de identidade da Bahia e o investimento na iniciativa é de mais de R$ 10,6 milhões. Os alunos participantes têm garantidos fardamento, material esportivo e reforço alimentar no período em que estiver no núcleo – três dias na semana.

Outra vantagem do Segundo Tempo é contribuir para a geração de renda, ao remunerar 100 coordenadores e 575 monitores, que são jovens estudantes do curso de Educação Física e desportistas.

Para o desenvolvimento do programa, foram formalizadas parcerias com universidades, escolas, terreiros de candomblé, centros sociais urbanos (CSUs), associações de moradores, ligas desportivas e comunidades indígenas, o que possibilitou a construção coletiva da ação.

Finalidade


Idealizado pelo Ministério do Esporte, o Segundo Tempo nasceu para democratizar o acesso do estudante às atividades esportivas e de lazer realizadas no contraturno escolar. A finalidade é colaborar para a inclusão social, bem-estar físico, promoção da saúde e desenvolvimento intelectual e humano, além de assegurar o exercício da cidadania.

Por orientação do secretário Nilton Vasconcelos, o empenho é para que cada vez mais seja ampliada a relação da escola com o programa. O coordenador de Esporte da Setre, Weslen Moreira, explicou que as atividades estarão em sintonia com o projeto pedagógico da escola e não substituem o espaço da Educação Física.

Ele informou que já foram realizadas atividades de capacitação dos coordenadores e monitores, em parceria com o Ministério do Esporte. Essa ação serviu para orientá-los com instrumentos pedagógicos adequados para que possam desenvolver um bom trabalho em sintonia com as diretrizes estabelecidas pelo governo federal.

Coordenação

Assim como outros programas federais, a coordenação do Segundo Tempo é colegiada e distribuída por várias cidades baianas. Em Salvador e Guanambi, a responsabilidade está a cargo da Universidade do Estado da Bahia (Uneb).

O núcleo do programa na Uneb vai realizar atividades no Campus I, no bairro do Cabula, em Salvador, e no Campus XII, em Guanambi. As inscrições acontecerão simultaneamente nas duas cidades, nos dias 4 e 6 de março, das 8 às 12 e das 14 às 18h.

Em Salvador, os interessados devem comparecer ao Campus I, na Quadra 2 (ao lado do Auditório Caetano Veloso). Em Guanambi, os interessados devem procurar um representante do Núcleo de Atividade Física, Esporte e Lazer (Nafel), na secretaria do Departamento de Educação (DEDC). Mais informações no site www.uneb.br.


fevereiro 27, 2008

CHARGE DE NOVAES PARA A GAZETA MERCANTIL

EDITORIAL


Territórios da Cidadania deixa oposição ainda mais desesperada

Sem projeto para o Brasil, cega pelo desejo de derrotar o governo federal e um projeto de mudanças para o país, e desesperada por ver suas inúmeras tentativas nesse sentido serem infrutíferas. Esta é a situação da oposição, que agora tem mais uma pedra no seu sapato: o programa Territórios da Cidadania.

Desde seu lançamento, nesta segunda-feira, a oposição tem feito a maior gritaria contra o programa, qualificado pelo presidente Lula como um segundo passo para acabar com a pobreza. O primeiro seria o Bolsa Família.

Com um investimento de R$ 11 bilhões para ações que irão envolver 19 ministérios nas regiões mais carentes do país, o programa compreende medidas para diminuir as desigualdades econômicas e sociais dos bolsões de pobreza, principalmente nas áreas rurais.

O programa é ousado e de fato avança em relação ao primeiro, particularmente pela visão integrada das ações que compreendem três grandes áreas: apoio às atividades produtivas, cidadania e acesso a direitos, e qualificação da infra-estrutura.

Taxado de eleitoreiro e alvo de uma ação do DEM no Supremo Tribunal Eleitoral para tentar impedir a sua implementação, o Territórios da Cidadania incomoda, na verdade, por ser uma política concreta que irá gerar desenvolvimento e, com isso, certamente ampliar a já boa aprovação do governo Lula entre os brasileiros.

O argumento do DEM é que tal programa, lançado em um ano eleitoral, beneficiaria politicamente as candidaturas vinculadas ao governo. Ora, sendo assim, os governos, eleitos para governar por quatro anos, só poderiam fazê-lo por dois anos, já que no Brasil as eleições acontecem ano sim ano não.

Na verdade, esse argumento é uma cortina de fumaça para ocultar o verdadeiro objetivo da oposição, que é engessar o governo e paralisar o país.

PSDB E DEM: CONTRA O POVO POBRE


DEM e PSDB vão ao Supremo contra programa
"Territórios da Cidadania".


DEM e PSDB anunciam que vão ao Supremo Tribunal Federal (STF) com Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) contra o Programa Teritórios da Cidadania lançado pelo presidente Lula. Não é uma iniciativa contra o Governo Federal. É uma iniciativa contra o povo brasileiro. Nem sequer questionam o conteúdo do programa. Isso seria impossível. Como ser contra um programa que vai investir R$ 11,3 bilhões no Nordeste brasileiro? Questionam então a formalidade jurídica. Medida Provisória não pode, tem que ser Projeto de Lei. Na verdade, apavorados com a perspectiva eleitoral deste ano, tentam carimbar um programa social legítimo de "eleitoreiro". DEM e PSDB cometem um crime contra o povo.

Também argumentam que o programa se concentra em ministérios comandados pelo PT. Quanta bobagem. O programa Teritórios da Cidadania combate a pobreza rural numa intensidade nunca vista na história do Brasil. A população - moradores, prefeitos, vereadores, sindicalistas - organizada em colegiados territoriais que são instâncias de discussão sobre as prioridades regionais vai acompanhar de perto a execução das seis mil obras, fiscalizar o programa, denunciar irregularidades e desvios. As denúncias podem ser encaminhadas ao PORTAL DA INTERNET criado pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário. Pela grandeza do programa Territórios da Cidadania é uma mesquinharia, uma pequenez injustificável, tentar carimbar a iniciativa governamental de eleitoreira. Afinal, são 958 municípios beneficiados, selecionados com base no índice baixo de IDH, existência de asentamentos da reforma agrária, agricultura familiar, comunidades indígenas e quilombolas.

http://www.bahiadefato.blogspot.com/

LIBERTE-SE DO PARTIDO DA IMPRENSA GOLPISTA (PIG)




Fonte: BLog Desabafo País

PSDBcard

OPOSIÇÃO DA OPOSIÇÃO AOS POBRES


Máximas e Mínimas 974

. O programa “Territórios da Cidadania” renovou a oposição da Oposição aos pobres.

. Arthur Virgilio Cardoso, Sérgio Guerra, Rodrigo Maia e Agripino Maia reocuparam o espaço que provisoriamente tinham perdido no PIG para atacar o programa: querem acabar com o programa.

. Os argumentos não têm “consistência”, como a candidatura José Serra à Presidência da República, segundo a colonista Eliane Cantanhêde.

. O mais grave deles é o de que estamos num ano eleitoral.

. Logo, num ano eleitoral, eles contam (até quando, Catilina ?) com o Ministro (?) Marco Aurélio de Mello na presidência do TSE.

. E, se dependesse de Mello, o Presidente Lula, sequer, tinha tomado posse ...

. Desde a campanha para derrotar a CPMF, a oposição, sob a liderança do Farol de Alexandria, demonstra que o problema não é com o Governo Lula.

. É com os pobres.

. E agora vai ao Supremo, ao MP, à Policia Federal, ao Vaticano, ao Bei de Tunis, à Corte Internacional de Haia, onde for, para impedir que o programa “Luz para Todos” ou o “Sorridente” chegue aos pobres.

. Hoje, nesta quarta-feira, o PIG parece indignado com o fato de, sem a CPMF, a arrecadação em janeiro ter sido muito boa.

. Clique aqui para ver a manchete indignada do Globo - apenas para assinantes do Globo, clique aqui para ler a manchete do Estadão e clique aqui para ler a manchete da Folha.

. Um horror: o plano do PIG de “starve the beast”, matar o Estado de fome, não deu certo, ainda !

. O horror é que o Governo Lula pega esse dinheirão e destina aos pobres !

. Onde já se viu isso ?

. Arthur Virgilio Cardoso tem razão: ele é o único candidato “consistente” da Oposição: ele é contra os pobres e, logo, contra os impostos.

. Ele é o nosso Bush, o nosso Sarkô.

LULA 4 x 1 FHC



Salário mínimo é 4,3 vezes maior do que o de FHC

SALÁRIO MÍNIMO: LULA 4 X 1 FHC

Paulo Henrique Amorim

Máximas e Mínimas 976


. O PIG vai se estrebuchar.

. O Farol vai se apagar !

. A Miriam Leitão não vai analisar !

. Os colonistas vão explicar: a parafuseta do virabrequim, associada à disfunção do M4 nos meios de pagamentos da Islândia, o consumo de suínos na China e a luminosa gestão de Alan Greenspan ... tudo isso para explicar que:

. No último dia do Governo Fernando Henrique, um salário mínimo do trabalhador brasileiro equivalia a US$ 56.

. A oposição, como o senador Paulo Paim, se esgoelava o tempo todo para que o salário mínimo no Governo FHC fosse de US$ 100.

. O novo salário mínimo do Governo Lula será, segundo o Ministro Paulo Bernardo de R$ 412, 40.

. Com o dólar a R$ 1,68 – que horror ! -, o salário mínimo do Governo Lula chegará a US$ 245.

. Ou seja, no Governo Lula, o salário mínimo é 4,3 vezes maior do que o do Governo FHC !

. O pobre não merece tanto !

. Para que tanto salário mínimo ?

. Ninguém mais vive de salário mínimo !

. A Previdência vai estourar !

. Se é assim, temos que acabar com o Bolsa Família, o Sorridente, o Luz para Todos, porque o pobre nada em dinheiro (ou melhor, em dólares...) ...

. É um desperdício !

. Precisamos enxugar o Estado!

GLOBO: TÔ FORA!



Fonte: Blog Amigos do Presidente Lula

CHARGES DO BESSINHA - Online


TERRITÓRIOS DA CIDADANIA


VELHO CHICO - BAHIA

O Território

O Território da Cidadania do Velho Chico (BA), com 46.334,80 quilômetros quadrados, é formado pelos municípios Barra, Bom Jesus da Lapa, Brotas de Macaúbas, Carinhanha, Feira da Mata, Ibotirama, Igaporã, Malhada, Matina, Morpará, Muquém de São Francisco, Oliveira dos Brejinhos, Paratinga, Riacho de Santana, Serra do Ramalho e Sítio do Mato.

Com 349.689 habitantes, dos quais 201.052 (57,49%) vivem na área rural, o IDH médio do território é 0,62. O Velho Chico tem 29.822 agricultores familiares, 8.759 famílias assentadas, 6.522 pescadores, 20 comunidades quilombolas e três terras indígenas.

Ações do Governo Federal

Este conjunto de ações será realizado pelo Governo Federal neste Território ao longo de 2008. Todas as ações serão debatidas no Colegiado Territorial, com participação de representantes dos governos Federal, Estadual e Municipal e da sociedade.

Total para este território: R$ 220.043.703,44
Total de ações: 77


Ações

DIREITOS E DESENVOLVIMENTO SOCIAL
SAÚDE, SANEAMENTO E ACESSO À ÁGUA
EDUCAÇÃO E CULTURA
APOIO À GESTÃO TERRITORIAL
AÇÕES FUNDIÁRIAS

Mais ações do Governo Federal

ORGANIZAÇÃO SUSTENTÁVEL DA PRODUÇÃO
APOIO À GESTÃO TERRITORIAL
AÇÕES FUNDIÁRIAS

Leia todos os detalhes do programa e do Território do Velho Chico: www.territoriosdacidadania.gov.br

fevereiro 25, 2008

PREVISÃO DO TEMPO: 15 DIAS

STR DE GUANAMBI E FETAG-BAHIA



ENCONTRO MUNICIPAL DE ASSOCIAÇÕES RURAIS DE GUANAMBI

Dia 29/02/2008 (SEXTA-FEIRA), no auditório do Colégio Modelo, acontece um encontro municipal de associações rurais promovido pelo Sindicato de Trabalhadores Rurais de Guanambi e pela FETAG-BAHIA. O evento contará com as presenças de diversos dirigentes de órgãos federais, estaduais e local: Anselmo Amaral Baleeiro, CAR/Produzir III; Zé de Doutor, Presidente da FETAG-BA; Marcelo, Comitê Gestor do Programa Luz para Todos; Secretaria Municipal de Agricultura; ADAB; BNB; Banco do Brasil; EBDA; CODEVASF, entre outros convidados. Participe!

PROGRAMA SOCIAL DO GOVERNO LULA


Lula: Territórios da Cidadania ampliam distribuição de renda e inclusão social

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou que o programa Territórios da Cidadania, lançado por ele nesta segunda-feira (25), vai ampliar as possibilidades de inclusão social e econômica de milhões de brasileiros que vivem nos municípios mais pobres do país.

Por esse motivo, de acordo com o presidente, o novo programa não irá substituir o Bolsa Família, mas servir como complemento das ações do governo voltadas para a redução das desigualdades.

“Eu não tenho pressa de acabar com o Bolsa Família. O Bolsa Família vai acabar no dia em que a sociedade brasileira conseguir construir as políticas de distribuição de renda, para que não precise mais da política do governo”, disse Lula.

Ainda numa referência ao Bolsa Família, Lula disse que os novo programa será o segundo passo para acabar com a pobreza no país.

O Territórios da Cidadania tem investimento previsto de R$ 11,3 bilhões e atingirá regiões do País com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Ele prevê ações de forma integrada em 60 territórios neste ano e outros 120 em 2009, em todo o País. A iniciativa reunirá 135 ações de 19 ministérios que pretendem atender em 2008 cerca de mil municípios brasileiros.

O presidente lembrou que, em muitos lugares do país, principalmente naqueles distantes de áreas urbanas, ainda existem pessoas que não são beneficiadas com o Bolsa Família. “Espero que o Territórios faça essa complementação e que essa gente tenha mais espaço neste País”, disse.

Lula disse que, como o programa envolve 19 ministérios, os ministros terão de viajar muito, e incentivou que todos eles se dirijam aos locais atingidos pelo Territórios da Cidadania.

Leia também:
Governo lança programa que destinará R$11,3 bi para municípios mais pobres


Fonte: Site Nacional do PT

VISITA DO SECRETÁRIO DE PROMOÇÃO E IGUALDADE


O Secretário de Promoção e Igualdade do Governo do Estado, Luiz Alberto Silva dos Santos, visitou ontem (24) a cidade de Guanambi, acompanhado do Presidente do PT, Gilmar Pereira. Na oportunidade, os dirigentes do PCdoB, Dr. Luia, Alípio Guimarães, Toninho Lélis e Latinha Lélis, tiveram um importante contato com o secretário, que assumiu o compromisso de defender a bandeira da construção da adutora do algodão, bem como o apoio a cultura popular, através de um projeto de resgate da Marujada, Vai-de-Virá e do Festival de Reisado de Morrinhos.

fevereiro 24, 2008

ALGODÃO


Algodão colorido orgânico chega à UE

Tinha tudo para ser uma batalha perdida. Mas a produção de algodão orgânico colorido do Brasil dobrou o seu maior inimigo - o bicudo - e chega esta semana ao mercado europeu.

Desenvolvido em Bom Sucesso, no interior da Paraíba, com o apoio da Embrapa, o algodão orgânico colorido é uma experiência inédita no país. A primeira safra, colhida no fim de 2007, totalizou 20 toneladas de pluma nas cores marrom, rubi, verde e branco.

"Muita gente achava uma loucura, mas isso mostra a viabilidade do projeto", diz Maysa Motta Gadelha, presidente da cooperativa CoopNatural, que apresenta o resultado do projeto na Biofach Nuremberg, a maior feira do mundo de alimentos e produtos orgânicos realizada todos os anos nesta cidade da Alemanha.

Ela se mostra orgulhosa e otimista com o futuro. E não sem razão. A produção orgânica proíbe o uso de agrotóxicos, o que poderia ser um tiro no pé no caso do algodão. Isso porque a cultura é extremamente vulnerável ao ataque de pragas, como o curuquerê e o famigerado bicudo, que no passado recente praticamente dizimou lavouras no país.

Com a ajuda da Embrapa, os 40 hectares da Fazenda Santo Antônio tiveram estragos controlados, com apenas 4% de incidência em alguns lotes. Em outros, no entanto, a incidência chegou a 60%. "É uma praga, mas na média o resultado foi bom", afirma Maysa.

Renato Gadelha, dono da Fazenda Santo Antônio e marido de Maysa, diz que um fator-chave para o controle de pragas foi a criação de barreiras de proteção de quatro metros de largura, com plantações de sorgo e gergelim, e a aplicação de caulim (mineral que camufla a planta). Ele também usou óleo de neen, originário da Índia, que exala um odor que afasta o bicudo e outros insetos.

Mas a produtividade é baixa. Enquanto o algodão convencional chega a 3 toneladas de pluma por hectare, o orgânico não conseguiu alcançar 1,5. "Não adianta querermos fazer como o Mato Grosso, onde a produtividade é de 4 toneladas. O orgânico é diferente". Segundo Maysa, a intenção é agregar valor ao produto.

A cooperativa de 31 associados transforma as plumas em peças de vestuário e para casa. Com as sobras de tecidos faz bonecos e bichinhos. A primeira venda à Europa é de 800 peças, entre brinquedos e almofadas. Cada uma custou por volta de R$ 20.

Enquanto ela fala, curiosos circulam pelo estande da cooperativa. "Muitos querem a matéria-prima, o fio de algodão, mas isso nós não vendemos. Quero agregar valor ao algodâo da Paraíba", diz Maysa. Renato, ao seu lado, consente com a cabeça. E diz que terá novidades em breve. Algumas empresas "grandes" do setor varejista estariam interessadas em investir na área plantada com o algodão colorido para aumentar a produção da fazenda.

A partir deste ano, a cooperativa começará a trabalhar com assentamentos de 14 municípios do Estado, o que deverá elevar a área dos 40 hectares para 200.

"Eles são uns heróis", diz Alexandre Harkaly, diretor do IBD, a certificadora do algodão orgânico colorido. "Cerca de 16% dos agrotóxicos consumidos no mundo são aplicados somente no algodão".

A jornalista viajou a convite da Organics Brasil.

Fonte: SEAGRI

REAÇÃO


Retomar a iniciativa política

A oposição neoliberal, juntamente com a mídia conservadora, tentam, novamente, definir a pauta política, aumentando sua pressão contra o governo com um festival de denúncias semelhante ao de 2005. É preciso mudar a agenda conservadora e revanchista, enfatiza Renato Rabelo. É preciso retomar a iniciativa política, diz ele, neste cenário em que, de um lado, a direita e sua mídia vociferam contra o governo, enquanto Lula e seu governo tem índices de aprovação muito altos, superiores aos de 2003. Dados do levantamento feito pela CNT/Sensus mostram que o governo é aprovado por 52,7% dos consultados (mais do que em outubro de 2007, quando a aprovação era de 46,5%); a avaliação pessoal do presidente também cresceu, passando de 61,2% para 66,8% no mesmo período.

Mas, mesmo assim, a direita continua no mesmo esforço para acuar o governo. As denúncias em relação aos cartões corporativos atingem, pela primeira vez, o ministério do Esporte, cujo titular - Orlando Silva - tem todo apoio do Partido Comunista do Brasil, para quem é preciso dar resposta imediata às acusações infundadas contra o ministro, e também tirar lições do episódio.

A mídia conservadora também não repercutiu o balanço de um ano do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC); aliás, a grande imprensa procura desmoralizar o plano, desconhecendo os avanços alcançados. Aliás, a mídia desempenha este papel mesmo em relação a propostas anunciadas mas ainda não apresentadas, como a reforma tributária, cujo anúncio será feito no próximo mês, mas que já é enxovalhada pela mídia. Eles vão, com estas tergiversações, tentando construir uma agenda, que procuram impor ao país, sem levar em conta as mudanças significativas, embora ainda limitadas, que já ocorrem. O cenário previsto para 2008 é de crescimento da economia, sem maior impacto da crise internacional; a estimativa de criação de novos empregos formais é de 1,8 milhões, mais do que em 2007; há previsão de crescimento industrial (principalmente no setor de bens de capital), de ampliação do crédito, do consumo de bens duráveis (como automóveis), atração de investimentos estrangeiros, etc. A taxa de investimento poderá chegar a 19% do PIB, e o nível de reservas internacionais do país superou a marca de 188 bilhões de dólares, levando o Brasil, pela primeira vez desde o final da Segunda Guerra Mundial, à condição de credor internacional, e não devedor, como normalmente tem sido.

Renato Rabelo - Presidente do PCdoB

ELEIÇÕES NOS ESTADOS UNIDOS


A Charge Online

PREVISÃO DO TEMPO: 15 DIAS


Fonte: Somar Meteorologia

GOVERNO DE SP


Fonte: A Charge Online

FLAMENGO X BOTAFOGO


Fonte: A Charge Online

CHARGE DO BESSINHA - Online

A IMPRENSA E O GOVERNO LULA


Luiz Antonio Magalhães: o fracasso da oposição e da imprensa

Se um marciano chegasse no começo de janeiro de 2008 ao Brasil e começasse a ler o que estava saindo nos grandes jornais nacionais ou a assistir e ouvir ao noticiário das emissoras de televisão e rádio, em poucos dias formaria a seguinte opinião sobre o país:


Por Luiz Antonio Magalhães*, para o Correio da Cidadania

1. O presidente da República não passa de um fanfarrão corrupto, cuja popularidade só pode ser negativa. A oposição, em franca ofensiva política, já deveria estar preparando os termos de um pedido de impeachment.

2. A economia do país estava em vias de sofrer uma verdadeira hecatombe por causa de uma gravíssima crise nos Estados Unidos que já ameaça devastar o sistema capitalista e acabar com a oferta de crédito no sistema financeiro internacional.
Permanecendo no Brasil, o marciano começaria a circular pelo país, a conversar com as pessoas, ouvir a tal voz rouca das ruas de que falava um ex-presidente de triste memória. Em pouco tempo, certamente começaria a achar estranho que quase tudo o que sai na imprensa tupiniquim não corresponde muito bem ao que ele consegue apreender no contato com a população e na observação dos fenômenos da economia local.

Em fevereiro, o marciano começa a desconfiar que a mídia brasileira é um tanto esquizofrênica, pois começa a ler notícias sobre a altíssima popularidade do presidente da República e uma seqüência de excelentes notícias para a economia nacional: geração recorde de empregos, aumento vertiginoso na venda de automóveis, fim da dívida externa do país, a moeda nacional apreciando e os mercados financeiros bastante animados.

Alguém já disse que entender o Brasil não é tarefa para amadores. De fato, nada por aqui é muito fácil. Como explicar, tendo em vista o efusivo apoio da imprensa, o absoluto fracasso da oposição na campanha que vem sendo realizada desde a primeira posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em janeiro de 2003, para colar nele a pecha de corrupto, inepto, beberrão e ignorante? Como explicar que, a despeito de todo o esforço que a mídia brasileira tem realizado para reduzir as expectativas dos brasileiros no sucesso do país, este entusiasmo com o crescimento siga tão inabalável, de maneira a fazer a economia girar com novos investimentos, contratação de mão-de-obra e uma firme aposta no desenvolvimento do mercado interno?

A má vontade da imprensa brasileira com o governo Lula já é parte da história do Brasil, embora esta história não esteja ainda escrita, é claro. No futuro, os pesquisadores terão nos jornais uma excelente fonte para entender o comportamento de uma elite que resiste a largar o osso. O preconceito contra o presidente-operário, a negação de que qualquer fato positivo no país possa ter a mais remota relação com atos do governo, tudo isto ainda vai ser objeto de exame mais detido pelos futuros historiadores, mesmo porque ainda há muito por vir sob a presidência de Lula. De qualquer forma, a marca mais forte do governo Lula até agora parece mesmo ser o fracasso das oposições e da imprensa em tentar jogar o povão contra o presidente. Mas este é um jogo que continua em curso.

*Luiz Antônio Magalhães é editor de política do DCI e editor-assistente do Observatório da Imprensa.

Correio da Cidadania

fevereiro 23, 2008

CONVENÇÃO DO PDT DE GUANAMBI


Hoje(23), no Colégio Modelo, foi realizada a convenção municipal do Partido Democrático Trabalhista (PDT), onde foi feita uma homenagem ao saudoso nacionalista Leonel Brizola.

Diversas lideranças políticas marcaram presenças no evento: Hugo Costa, Presidente do CDL; Suplente de Vereador, Latinha Lélis (PCdoB); Vereador do PT, Dr. Ruy Azevedo; Presidente do PV, Dr. Ari Boa Sorte; representante do PSDB, Joaquim do Detran; Suplente de Deputado Federal do PDT, Tio Dedé; Vereador do PDT do Iuiú, Silvano; Deputado Estadual do PP, Luiz Augusto; Prefeito em Exercício de Guanambi, Charles Fernandes; Ex-Deputado Estadual, Walguimar Cotrim; e o jornalista da Folha do Algodão, Gilson Medina.

Diversos oradores reafirmaram a necessidade da formação de uma frente ampla de oposição com o objetivo de disputar o poder local e fortalecer o projeto popular do Governo Lula e do Governo Wagner, com vista a conquista e a formação de um governo democrático e popular, que garanta os investimentos para a classes menos favorecidas da população, através do orçamento participativo e da aplicação do orçamento para gararantir emprego e renda e melhoria da qualidade da educação, saúde, cultura, esporte e lazer.

Finalizando a convenção, o Presidente Roberto, eleito por unanimidade, fez um pronunciamento defendendo a necessidade de que em Guanambi de ter candidaturas de situação e de oposição com vista a fortalecer o processo democrático.

fevereiro 22, 2008

CASA PRÓPRIA PARA R.E.G.



No dia 18/02/2008 aconteceu a Sessão da Câmara de Vereadores de Guanambi, marcando a reabertura dos trabalhos legislativos da cidade. A tribuna livre foi utilizada por Edmilson Nascimento (Júnior), morador e representante da Residência do Estudante de Guanambi – R.E.G., o qual fez uma síntese da situação atual da residência.

Houve o relato de que 7 moradores fizeram vestibular, sendo que todos passaram na primeira etapa ou da UFBA ou da UNIVASF. Dos 7 moradores 4 obtiveram aprovação final, todos na UFBA, nos cursos de Arquitetura, Direito, Medicina e Nutrição, portanto uma aprovação de 57% (valor este, bastante significativo).

O estudante também citou vários projetos realizados pelos moradores da residência: criação da biblioteca da R.E.G.; criação deste blog, sendo que cada morador deve participar das postagens, projeto este que incentiva a leitura e escrita dos mesmos; criação da videoteca, projeto que tem por finalidade a locação de filmes didáticos, inclusive os exigidos pela UFBA; realização de uma atividade social, em junho de 2007, nos bairros Alvorada, Ipiranga e Araújo, onde foram discutidos temas como meio-ambiente, política, cidadania e saúde; confraternização natalina em 2007 no Lar dos Velhinhos; realização do Intensivão da R.E.G. em janeiro de 2008, destinados a alunos que iriam participar do vestibular da UNEB.

O aluno também deixou claro que estes pontos citados acima, divulgaram o nome da R.E.G. e isso fez com que a procura pela residência aumentasse consideravelmente, mas infelizmente a casa já está com sua capacidade de moradores preenchidas, pois o apartamento não tem capacidade para mais de 13 pessoas.

Edmilson finalizou sua fala, dizendo que este retrospecto justifica a aquisição de uma casa própria por parte da prefeitura, pois estaria possibilitando a abertura de mais vagas para pessoas carentes de Guanambi, além de ser do ponto de vista econômico, uma vantagem para o município, pois seria um investimento único. O mesmo salientou que vários municípios da Bahia possuem casa própria em Salvador: Macaúbas, Boquira, Ipirá, Itapetinga, dentre outras. Portanto, uma casa própria para R.E.G. é uma causa não só dos moradores da mesma, como também uma causa da nossa cidade.

STR DE MALHADA


Liderada pelo trabalhador rural Salvador Bernardo da Conceição, a nova Diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Malhada foi eleita com 328 votos no último dia 9 de dezembro. O atual presidente, empossado no dia 6 de janeiro, se compromete a fazer uma administração participativa com seriedade e honestidade em parceria com todos os diretores do STR de forma que beneficie todos os agricultores familiares da região. O Pólo Sindical da Fetag/BA em Guanambi acompanhou todo o processo eleitoral.

PROJETO ÁGUA E CIDADANIA

FETAG EXECUTARÁ OBRAS DO PROJETO ÁGUA E CIDADANIA



A falta de água não será mais um problema na vida dos agricultores familiares que vivem no sertão da Bahia. Foi o que garantiu o governador Jaques Wagner ao assinar junto com o Ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, um convênio, no dia 20 de fevereiro no município de Irecê, para a construção de cisternas na região semi-árida do Estado. Trata-se de uma iniciativa do Projeto Água e Cidadania do Governo Estadual, que conta com recursos do Governo Federal.

A ação faz parte do Programa Água para Todos e vai beneficiar mais de 60 mil pessoas em 115 municípios do semi-árido baiano.

Serão investidos R$ 24 milhões para a construção de 12.270 cisternas de cimento, sendo que 11.310 com capacidade de armazenamento de 16 mil litros de água serão destinadas ao consumo humano e 960 serão construídas para a produção agrícola, com capacidade de armazenamento de 50 mil litros de água.

O governador Jaques Wagner e o ministro Patrus Ananias visitaram o Assentamento Novo Esplendor, no município de Central, distante 36 quilômetros de Irecê, e fizeram a entrega da primeira cisterna do programa. Eles ainda plantaram algumas mudas no local. O governador afirmou que está trabalhando em benefício do povo e que trazer água de qualidade para a população é mais que obrigação dos governos estadual e federal.

O Projeto Água e Cidadania, da Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate a Pobreza – SEDES – garantirá a segurança alimentar de diversas famílias da região semi-árida e será responsável pela instalação de 70% das cisternas. A meta do projeto é construir 100 mil cisternas para consumo humano, 25 mil para produção agrícola e 1.000 barragens subterrâneas.

A Fetag Bahia executará a construção de 1.200 cisternas em 10 municípios, beneficiando mais de 5.000 trabalhadores e trabalhadoras rurais. A Fetag atenderá os municípios de Itapicurú, Senhor do Bonfim, Monte Santo, Ibicoara, Maracás, Retirolândia, Campo Formoso, Guanambi, Tanhaçú e Boa Nova.

A MÍDIA GOLPISTA E A CORRUPÇÃO DO PSDB



Ultima Postagem

ARCEBISPOS CONVOCAM CATÓLICOS PARA GREVE GERAL

247 BRASIL Líderes católicos de diferentes estados estão convocando a população para a greve geral organizada por centrais sindicais ...