Sítio arqueológico de 2 mil anos é encontrado no canteiro do Parque Eólico de Brumado

Um sítio arqueológico foi encontrado dentro do canteiro do Parque Eólico da Serra das Araras, na região do Distrito de Cristalândia, em Brumado.

Confira Os Melhores Destinos Para o Ecoturismo Na Região, Comocoxico, Pesma, Morro do Chapéu, Serra dos Montes Altos

O São João está chegando e muitos já planejaram onde vão curtir este período festivo, considerado por alguns, como a melhor época do ano. No estado da Bahia as cidades da microrregião de Guanambi vêm se destacando como roteiro alternativo

FIOL É OFERECIDA AOS CHINESES COMO 1º TRECHO DA FERROVIA

O secretário de Desenvolvimento da Infraestrutura do Ministério do Planejamento, Hailton Madureira, disse em matéria no jornal o Estado de São Paulo, que o governo dialoga com o setor privado para ver se há interesse das empresas em construir um trecho da Ferrovia de Integração Oeste-leste (Fiol)

REVIVENDO O SÃO JOÃO DO PASSADO EM GUANAMBI

Os colonos portugueses trouxeram a tradição do São João para o Brasil. As festas juninas têm origem no meio rural e visava saudar os elementos da natureza – o sol, o céu, a água – dançando e cantando em comemoração à fartura da colheita.

UNAJUF postula perda do cargo de Gilmar Mendes

O Juiz federal João Batista de Castro Júnior, vice-presidente da União Nacional dos Juízes Federais (UNAJUF), assinou juntamente com o presidente da referida entidade, Eduardo Cubas, uma representação por Improbidade contra o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF)

30 de abr de 2015

SISPUMUR: Caminhada do Trabalhador e pela Paz


O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Guanambi realizou na manhã desta quinta - feira a caminhada do trabalhador e pela paz. Os participantes disseram não ao PL 4330, não a precarização do trabalhador, ao assédio moral, não às milhares de contratações no município que usam a mão de obra do trabalhador com uma baixa remuneração, não ao descaso à saúde do trabalhador. Os manifestantes gritaram por concurso público com vagas reais, liberação de licenças - prêmio na educação, aposentadoria digna, coordenadores concursados e deram o grito pela PAZ, em apoio ao Projeto "Família do Bem, fortalecendo vínculos" da rádio 96 FM. O SISPUMUR agradece atodos os participantes

Sindicato de Professores do Paraná diz que ação da PM foi ‘truculenta’

uinta, 30 de Abril de 2015 - 10:20

Bahia Notícias

Sindicato de Professores do Paraná diz que ação da PM foi ‘truculenta’
Foto: Divulgação/Joka Madruga/APP-Sindicato
A direção do Sindicato dos Professores do Paraná (APP-Sindicato) classificou de “truculenta” a ação da Polícia Militar (PM) durante protesto da categoria e de outros servidores na tarde desta quinta-feira (29), em Curitiba, contra o projeto de lei que altera a Previdência do estado. Segundo o sindicato, participaram do protesto 20 mil pessoas. A PM não divulgou o número de manifestantes. Em greve desde segunda-feira (27), os professores da rede estadual de ensino e de universidades estaduais estão acampados em frente à Assembleia Legislativa do Paraná. A Polícia Militar traçou um perímetro de isolamento, com grades e policiais, em torno do prédio. Os professores representam 70% do funcionalismo estadual. De acordo com Luiz Fernando Rodrigues, da direção do sindicato, tudo começou quando os deputados estaduais decidiram seguir com a votação do projeto. “Quando nós anunciamos que o governo não havia aceitado tirar o projeto, houve uma revolta muito grande, e [os manifestantes] tentaram avançar sobre a cerca. Imediatamente, o Batalhão de Choque, a mando do secretário [de Segurança Pública do Paraná, Fernando Francischini] veio com todo seu armamento para cima das pessoas”, disse. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, 1,6 mil policiais participaram da ação. “A ação foi contra os educadores que estavam na praça. Foi abuso da PM. Jogaram bombas de gás, spray de pimenta, jatos de água contra os trabalhadores. A polícia não parou de jogar bomba na gente mesmo depois de uma hora. Foi uma barbárie o que aconteceu hoje em praça pública”, disse Rodrigues. Pelo menos 170 manifestantes ficaram feridos, segundo a prefeitura de Curitiba e o Tribunal de Justiça do Paraná, onde ocorreram os primeiros atendimentos. Entre eles, 45 foram levados para unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e hospitais da região. O governador do Paraná, Beto Richa, disse, em entrevista coletiva, que os policiais reagiram a provocações de algumas pessoas que estavam na praça. “Sete black blocks foram presos. Os policiais, ao serem afrontados por esses bardeneiros e black blocks, reagiram, em uma proteção natural de sua integridade física.” A Secretaria de Segurança Pública do Paraná diz que 20 policiais ficaram feridos. “A reação, a agressão, não partiu dos policiais. Os policiais ficaram parados para proteger o prédio da Assembleia Legislativa. Na medida em que eram impedidos, reagiram. A polícia não partiu para cima dos manifestantes uma única vez. Tem filmes que comprovam o que estou dizendo”, disse. Segundo a Secretaria de Segurança será aberto um inquérito policial militar, com participação do Ministério Público, para apurar as ações durante a confusão.

Fusão do PSB com PPS vai obrigar Joceval a ‘encontrar seu caminho’, diz Lídice

uinta, 30 de Abril de 2015 - 00:00

Bahia Notícias

por Alexandre Galvão
Fusão do PSB com PPS vai obrigar Joceval a ‘encontrar seu caminho’, diz Lídice
Foto: Montagem/Bahia Notícias
A fusão entre o PSB e o PPS não deve mudar muita coisa na Bahia para os socialistas, de acordo com a presidente do partido no estado, senadora Lídice da Mata. “O PSB é um partido maior do que o PPS e não vamos mudar de posição. Nem mesmo a direção do partido vai mudar. O que vamos fazer é incorporar 30% da direção do PPS”, apontou a senadora ao indicar que todas estas resoluções são ainda iniciais. De acordo com Lídice a fusão vai “abrir uma janela” para que políticos insatisfeitos com suas legendas migrem para o PSB e, em Salvador, o PPS – que hoje é a liderança do prefeito ACM Neto na Câmara Municipal de Salvador (CMS) – deve se integrar ao PSB – que tem dois vereadores e faz parte do bloco oposicionista. Perguntado sobre a situação do vereador Joceval Rodrigues (PPS) – líder de Neto na Câmara – Lídice foi taxativa: “ele vai ter que encontrar o caminho dele. Nós temos uma linha política e não vamos mudar em Salvador”. Em entrevista ao Bahia Notícias, Joceval disse que “tem que ter todo o cuidado” com a fusão e que não está aflito com estas questões de posição política. “Cada dia com sua agonia. As diferenças terão o seu momento para ser discutidas”, amenizou. Apesar das muitas reviravoltas que o processo trará, Rodrigues disse ver a união “com bons olhos”.

PPS e PSB dão início a processo de fusão das legendas

Política livre

Foto: Divulgação/ PSB
Até o mês de junho as negociações sobre a fusão entre o PSB e PPS devem ser concluídas. Segundo informações do jornal O Globo, ainda está sendo discutido o nome e número resultantes da fusão. O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira defendeu que o nome passe a ser PSB40 e seja mantido o número dos socialistas. “É uma marca consagrada que teve 23 milhões de votos em 2014″, lembrou Siqueira. Já o presidente nacional do PPS, Roberto Freire, disse no entanto que ainda não há definição.A saída da senadora Marta Suplicy do PT foi recebida pelos dois dirigentes com empolgação. Suplicy deve concorrer a prefeitura de São Paulo pelo PSB no ano que vem. Segundo Siqueira, ela será a candidata mais competitiva do país.

Câmara de Vereadores realiza mais uma sessão ordinária

 
Terça, 28 de Abril de 2015  
 
A Câmara de Vereadores de Guanambi realizou nesta segunda-feira, 27, sessão ordinária semanal contando coma presença, na Tribuna Livre, de representantes da comunidade abordando temas de interesse comum. A diretora da 96 FM, Carla Viviane, acompanhada da equipe da emissora, falou da campanha pela paz que está sendo desenvolvida pela rádio nas redes sociais. Já a presidente dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais, Vilma Moura, fez uma exposição da situação do funcionalismo reivindicando apoio da casa para as demandas no que diz respeito a salário e plano de carreira. O presidente da Associação, Dionísio Villas Boas, destacou o trabalho social desenvolvido pela entidade e solicitou apoio do legislativo para a construção da sede.

Infraestrutura

Tribuna da Bahia - Raio Laser

A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) lamentou ontem a tragédia que se abateu sobre Salvador no início desta semana por causa das fortes chuvas que caíram sobre a cidade. A socialista, que visitou as áreas mais atingidas pelo temporal, solidarizou-se com as pessoas que perderam familiares e afirmou que a tragédia é uma clara demonstração da necessidade de intervenção imediata em macro e microdrenagem das águas fluviais na capital baiana. “É necessário que sejam feitos investimentos maciços das três esferas de governo para resolver este grave problema, que tem posto em risco a vida de milhares de pessoas”, disse.

Mortes de jovens

Por iniciativa da senadora Lídice da Mata (PSB), foi anunciada na sessão de ontem do Senado, em Brasília, a composição da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que irá investigar o assassinato de jovens no Brasil. A parlamentar baiana diz que é preciso averiguar em detalhes os crimes que acometem a juventude, principalmente negra e das periferias, e anunciou que na próxima semana deverá ocorrer a instalação da Comissão. De acordo com quadro apresentado em um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a cada três jovens assassinados no País, dois são negros. Tribuna da Bahia - Raio Laser

Quase parando

Coluna Tempo Presente - A Tarde
Ansiosamente aguardado ontem na Comissão da Fiol, na Assembleia, o diretor de operações da Valec, Bento José de Lima, frustrou as expectativas dos deputados.
Mandou um e-mail dizendo que foi convocado para uma audiência com o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, e não pôde comparecer ao encontro.
Ele iria explicar o que está acontecendo com a obra, já que as construtoras da ferrovia estão devagar quase parando, mais para parando, no rastro da Lava Jato.
Demissões — Dados do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada da Bahia apontam que há demissões em todos os sete lotes da ferrovia, de Ilhéus a Barreiras, já superando a casa dos dois mil.
No sul e sudeste baiano a preocupação é generalizada. Se a Fiol está assim, do Porto Sul nem se ouve falar.

28 de abr de 2015

GOVERNADOR, PREFEITO E MINISTRO SOBREVOAM ÁREAS AFETADAS PELA CHUVA

Bahia econômica
28/04 - 09:03hs -
 
 
O governador Rui Costa (PT), o Prefeito ACM Neto( DEM) e o Ministro da Integração Regional Gilberto Occhi, sobrevoam na manha desta terça-feira as áreas devastadas pelas chuvas que causaram 13 mortes em Salvador. A informação foi dada pelo Governador Rui Costa em entrevista a Rádio Metrópole, enquanto aguardava a chegada do ministro. 
 
A presidente Dilma Rousselff ligou ontem no final tarde para o Governador Rui Costa e para o Prefeito ACM Neto manifestando solidariedade e colocando a o poder federal a disposição para ajudar as vitimas. Nesse sentido a expectativa e que com vinda do ministro sejam disponibilizados recursos para amparar os desabrigados
 
O Governador Rui Costa disse também que a expectativa é que recursos sejam alocados na contenção de encostas e outras obras fundamentais para a infra estrutura do combate a deslizamentos da cidade.  Ontem, Rui sobrevoou a cidade verificando que havia contenção de encostas nas áreas da San Martins e outras porém não foi suficiente para solucionar o problema.

Número de mortos em deslizamentos de Salvador já chegam a 11

Segunda, 27 de Abril de 2015 - 20:59

Bahia Notícias

Número de mortos em deslizamentos de Salvador já chegam a 11
Foto: Amanda Palma/ Correio
Já chega a 11 o número total de vítimas fatais por conta dos deslizamentos causados pelas fortes chuvas que atingiram Salvador nesta segunda-feira (27). Foram contabilizados oito mortes em um desabamento na avenida San Martin. No Bom Juá, foram quatro vítimas fatais, incluindo dois irmãos adolescentes que estavam desaparecidos. De acordo com o Correio, Duas casas desabaram e atingiram sete pessoas, na manhã desta segunda-feira (27), no Bom Juá, em Salvador. Segundo informações da polícia, uma mulher e um menino de 12 anos, além de dois irmãos, que estavam desaparecidos e foram localizados sem vida por volta das 14h - Joice Bispo Ribeiro Reis, 15 anos, e Jonathan Bispo Ribeiro Reis, 12 anos.

26 de abr de 2015

Comissão da Fiol recebe presidente do Valec para debater obras da ferrovia

Na próxima quarta-feira (29/04), às 10h45, a Comissão da Ferrovia Oeste Leste (Fiol) e do Porto Sul da Assembleia Legislativa receberá o presidente nacional da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A, o engenheiro Bento José de Lima. A reunião de trabalho acontece na Sala Herculano Menezes.
A presidente do colegiado, deputada Ivana Bastos, conduzirá um debate sobre o atual estágio de desenvolvimento das obras da Fiol no estado, e falará ainda sobre questões orçamentárias, demissões e o cronograma geral da obra para o ano de 2015.

“Já nos reunimos para debater questões trabalhistas relacionadas com as obras e agora precisamos saber quais são as perspectivas para o seu andamento. Esperamos mais um grande debate, com muitos questionamentos e esclarecimentos”, declarou Ivana Bastos.

PACOTE DE R$ 150 BI SERÁ AGENDA POSITIVA DE DILMA




Números ainda não estão fechados, mas estima-se que o novo pacote de concessões do governo federal, debatido ontem em reunião ministerial, possa chegar a R$ 150 bilhões, com novos leilões de aeroportos, portos, estradas e ferrovias; devem entrar no plano aeroportos de Porto Alegre, Curitiba, Recife e Fortaleza; com as concessões ao setor privado, governo espera reativar a economia no momento em que o setor de construção foi duramente atingido pela Operação Lava Jato.

Leia mais...
247 Brasil

Caetité: Audiência Pública discute adequação do Plano Municipal de Educação

BAHIA Política Livre


Na última quinta-feira (23), a Câmara de Vereadores de Caetité abriu as portas para uma importante discussão: a adequação do Plano Municipal de Educação (PME) ao Plano Nacional. A Audiência Pública contou com a participação da equipe da Secretaria de Educação, comandada por Rosemária Joazeiro, professores, empresários do ramo educacional e pessoas interessadas no tema.De acordo com Rosemária, a discussão é apenas o começo de uma tarefa árdua e cautelosa que deve ser concluída até junho, quando vence o prazo para aprovação do documento. “Essa reunião de hoje marca o início de um trabalho de revisão e reestruturação do nosso Plano Municipal de Educação, que o município já possui, mas que precisa ser adequado ao Plano Nacional”.O PME, segundo a secretária, é um importante instrumento para o planejamento da educação do município. “É esse documento que vai nortear todo o trabalho no setor educacional no município nos próximos dez anos, por isso é fundamental que a gente o construa com bastante cuidado”, disse.Depois de passar pelo processo de adequação ao Plano Nacional, o PME seguirá para votação no Plenário da Câmara de Vereadores de Caetité. Só depois de aprovado, o documento terá o reconhecimento do Ministério da Educação e, a partir daí, o município estará apto a receber os investimentos de projetos específicos do governo federal. O PME é a diretriz educacional dos próximos dez anos.

25 de abr de 2015

Reunião da Executiva Estadual do PSB-Bahia



Membros da Executiva Estadual do PSB estão reunidos na sede do partido, neste sábado, para debater, entre outros assuntos, o processo de reorganização da legenda em todo Estado, após a efetivação das novas comissões provisórias. Participam da reunião a presidente estadual do partido, senadora Lídice da Mata, o deputado estadual Marcos Manassés, o superintendente de Defesa Civil do Estado, Rodrigo Hita, o presidente da Fundação Pedro Calmon, Zulu AraújoAntonio Carlos Tramm, presidente da Junta Comercial, Major Tadeu Fernandes, entre outros.

Implantação da Coleta Seletiva em Guanambi



Assessoria PMG

A Prefeitura Municipal de Guanambi irá implantar em breve a coleta seletiva em nosso município. Serão instalados vários Ecopontos, também chamados de PEV – Ponto de Entrega Voluntária, em diversos pontos da cidade, dando oportunidade ao cidadão de entregar os resíduos recicláveis sem grande transtorno ou dificuldade. A participação população será de grande importância para o sucesso da coleta seletiva, a qual também contará com a parceria entre prefeitura e a Cootaeg – Cooperativa de Trabalho dos Agentes Ecológicos de Guanambi e a  Recivida – Reciclando e Educando para Vida. Também será realizada a coleta porta a porta em dias programados e avisados à população.



Posicionamento da Senadora Lídice da Mata sobre a terceirização


Depois da votação de ontem na Câmara dos Deputados, sinto-me na obrigação de reforçar a minha posição contra o PL 4330! Eu digo não!

Ilha

Coluna Raio Laser - Tribuna da Bahia

A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) se reuniu com o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, para tratar de um tema que tem preocupado os moradores de Itaparica: a desistência da empresa vencedora da licitação de operar a linha hidroviária Salvador-Itaparica, sob alegação de inviabilidade econômica. A parlamentar pediu que o secretário envide todos os esforços para assegurar a continuidade do serviço, inclusive com a contratação de empresa para operação emergencial do transporte entre a capital e a ilha.

Deputadas pedem celeridade em caso Almiro Sena e querem campanha de conscientização

Sexta, 24 de Abril de 2015 - 19:50

Bahia Notícias

por Alexandre Galvão


Deputadas pedem celeridade em caso Almiro Sena e querem campanha de conscientização
Foto: Tiago Melo/ Max Haak/ Bahia Notícias
A demora no julgamento do promotor e ex-secretário de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia, Almiro Sena, tem mobilizado deputadas estaduais. Sena é acusado de assediar sexualmente 16 funcionárias da secretaria e seu julgamento, no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), tem sido adiado reiteradas vezes. Deputada pelo PT, Luiza Maia diz que “resolver o caso” é uma “obrigação, pois as acusações contra ele mancham o Estado”. “É um negócio lamentável. Como é que ele comete um crime desses, sendo secretário do estado, e ficam adiando o julgamento?”, questionou. De acordo com a parlamentar, ela foi procurada pelo movimento de mulheres e, no meio da semana, deve articular uma manifestação em frente ao TJ-BA para pedir mais celeridade no processo. “Tem que se fazer justiça. Hoje, quem tem dinheiro não é condenado. Não podemos deixar que esse caso acabe no esquecimento”, protestou. Presidente da Comissão de Mulheres da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Fabíola Mansur (PSB) disse que o colegiado também pediu mais agilidade à Corte. “Na audiência pública que realizamos, demonstramos nosso apoio às vítimas, nosso repúdio ao ato e pedimos que a justiça tenha celeridade”, relata. Ainda de acordo com a socialista, a bancada feminina quer que o Estado faça uma campanha de conscientização em todas as repartições públicas para coibir outras agressões desta e de outras naturezas.

Sindmed não concorda com parcelamento de reajuste e diz não aceitar proposta de Rui

Sexta, 24 de Abril de 2015 - 21:23
Bahia Notícias
por Alexandre Galvão


 Sindmed não concorda com parcelamento de rejuste e diz não aceitar proposta de Rui
Luiz Américo| Foto: Reprodução/ TV Record
O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindmed) também não aceitou o reajuste proposto pelo governo do Estado ao funcionalismo público, nesta sexta-feira (24). De acordo com o vice-presidente da entidade, Luiz Américo, o parcelamento do aumento de 6,41% anunciado pelo governador Rui Costa não está "agradando a classe". "O problema não é nem esse reajuste. O problema é o parcelamento. Ele coloca uma parte em novembro e outra em março, mas queremos a primeira em janeiro, que a data base", explicou. Segundo Américo, está é uma posição primário do sindicato em relação ao anúncio, mas uma assembleia será convocada e a prposta será colocada para discussão. Além do Sindmed, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, Rui Oliveira, disse ser contra a proposta. "APLB é contra. Não concordamos com a decisão do governo e dos outros sindicatos. Hoje (nesta sexta), realizamos um ato com os professores e não sei o que eles debateram e nem como chegaram neste entendimento, pois eu estava com minha classe, na Praça da Piedade", afirmou, em entrevista ao BN. Nesta sexta, Rui diz ter fechado acordo com o funcionalismo público. "O projeto de lei já foi enviado, nesta sexta-feira (24), para a Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (Alba). O pagamento será parcelado: 3,5%, retroativos a março, e 2,91% em novembro. Os servidores que permanecerão com vencimentos abaixo do salário mínimo, mesmo após a concessão dos 3,5%, sairão desta faixa no mês de novembro, quando receberão, além dos 2,91% previstos, um reajuste complementar de 2,43%, totalizando um ganho de 8,84%", explicou o governador.

Governo do Estado e servidores fecham acordo para reajuste salarial; APLB é contra

SBahia Notícias
por Alexandre Galvão, com assessoria


Governo do Estado e servidores fecham acordo para reajuste salarial; APLB é contra
Foto: Mateus Pereira/GOVBA
O governador da Bahia, Rui Costa (PT), e os servidores públicos do Estado fecharam um acordo para o reajusta salarial da classe. Segundo o acerto, o funcionalismo público receberá 6,41%. O projeto de lei já foi enviado, nesta sexta-feira (24), para a Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (Alba). O pagamento será parcelado: 3,5%, retroativos a março, e 2,91% em novembro. Os servidores que permanecerão com vencimentos abaixo do salário mínimo, mesmo após a concessão dos 3,5%, sairão desta faixa no mês de novembro, quando receberão, além dos 2,91% previstos, um reajuste complementar de 2,43%, totalizando um ganho de 8,84%.O reajuste geral, que contempla o conjunto de servidores, cerca de 260 mil, representa um acréscimo na despesa de pessoal de 2015 do Estado de, aproximadamente, R$ 390 milhões. O acordo foi fechado após reunião com representantes da Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia (Fetrab) e de sindicatos de diversas categorias do funcionalismo. O secretário da Administração, Edelvino Góes, avalia que “este é um momento importante e valoroso, conseguimos em rodadas de discussões com os sindicatos onde a gente evidenciou as dificuldades financeiras deste ano e construímos uma proposta que garante a reposição da inflação do ano passado, de 6,41%, e também a garantia da manutenção das promoções e progressões, dos ganhos já assumidos. Isso vai na direção da nossa política de valorização do funcionalismo”. Professores e coordenadores em efetivo exercício têm assegurado, através da Lei 13.185, uma promoção extraordinária para junho deste ano, que propiciará um ganho médio de 8% aos professores e trará um impacto de R$ 122 milhões para a folha estadual. Contatado pelo Bahia Notícias, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, Rui Oliveira, disse ser contra a proposta. "APLB é contra. Não concordamos com a decisão do governo e dos outros sindicatos. Hoje (nesta sexta), realizamos um ato com os professores e não sei o que eles debateram e nem como chegaram neste entendimento, pois eu estava com minha classe, na Praça da Piedade", afirmou, em entrevista ao BN.(Atualizado às 20:50).

24 de abr de 2015

Após aprovarem acordo de campanha salarial, trabalhadores da construção pesada encerram greve


Na manhã desta quinta-feira (23), os trabalhadores da construção pesadaencerraram a greve decretada na última quinta-feira (16)
De acordo com o Sintepav (Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada e Montagem Industrial), durante a assembleia os trabalhadores aprovaram a proposta de reajuste salarial de 7,68% com o pagamento da diferença dos meses de março e abril de 2015 preferencialmente no adiantamento quinzenal ou junto com a folha de pagamento do mês de maio; acréscimo de R$ 20 aos valores atualmente praticados nas cestas básicas; manutenção das negociações referentes à PLR (Participação nos Lucros ou Resultados) e a manutenção das demais conquistas firmadas nas convenções anteriores. R7

Caetité: prefeito participa de audiência com ministro dos Transportes

Politica Livre

Foto: Divulgação
O prefeito de Caetité, Zé Barreira participou de uma audiência em Brasília na última quarta-feira com o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, o deputado federal Zé Rocha (PR), o diretor-geral-interino do Dnit Adailton Cardoso Dias, e a prefeita de Igaporã, Rosana Cotrim, para reivindicar investimentos que visam melhorar a situação das estradas que ligam Caetité a outras cidades da região. Entre as solicitações feitas por Zé Barreira estão a recuperação asfáltica do trecho da BR-430, que liga Caetité ao município de Igaporã, e também ações na BR-122 – trecho que liga a sede do município ao distrito de Maniaçu. Segundo o prefeito, essas são obras necessárias para a cidade. “A recuperação asfáltica dessas vias é de grande importância para Caetité, por isso fiz questão de pedir ao ministro atenção especial a essa solicitação”, ressaltou Zé. Além de solicitar a recuperação asfáltica das estradas que dão acesso a Igaporã e Maniaçu, Zé Barreira defendeu a importância da obra que retira as rodovias do centro urbano de Caetité. “A construção do anel viário vai significar um grande avanço desse governo para a infraestrutura de nosso município, dando mais segurança a população”.

DILMA ROUSSEFF ASSEGURA VERBAS PARA O RIO SÃO FRANCISCO

Bahia Econômica
24/04 - 08:49hs -

A presidente Dilma Rousseff disse, ontem, que a revitalização do Rio São Francisco é prioridade em seu governo e assegurou que os R$ 175 milhões previstos no orçamento da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba) para este fim não serão impactados pelo programa de ajuste fiscal.

O anúncio foi feito em reunião no Palácio do Planalto, em Brasília, que contou com os ministros Gilberto Occhi, Izabella Teixeira, Nelson Barbos e Jaques Wagner, além do presidente da Codevasf, Elmo Vaz e do senador Otto Alencar.

Dilma pediu aos ministros um plano que deve ser apresentado em 30 dias, para intensificar as ações de revitalização ao longo dos 2.700 Km do Rio São Francisco.

EXCLUSIVA - O que ainda atrasa a concessão do alvará do metrô


Política Livre
Rui Costa garantiu que ficaria tudo bonitinho, como na maquete acima, destravando as conversas
O prefeito ACM Neto (DEM) confirmou à sua equipe mais próxima o que disse ontem a jornalistas. Ele quer ver resolvida a questão da concessão do alvará para a construção do metrô da Paralela em, no máximo, 15 dias.
O prefeito não quer problemas com o governador Rui Costa (PT), empenhadíssimo em tocar, o quanto antes, a construção do equipamento, que será executada pela empreiteira CCR.
O problema é que não param de chegar à mesa de Neto observações sobre omissões no projeto do empreendimento. As mais novas descobertas dos técnicos da Prefeitura dizem respeito à ausência de previsão para retornos na via.
Desta forma, quem mora no Condomínio AlphaVille, por exemplo, será obrigado a fazer o retorno nas imediações do Aeroporto ou então pelas vias que levam à Orla.
“A maior preocupação da equipe neste momento é assegurar que o metrô não impactará negativamente no trânsito da cidade”, diz um técnico da Prefeitura.
Ele alega que problemas desta ordem serão naturalmente colocados na conta do prefeito, que é quem, por direito, tem que buscar cuidar da cidade.
A primeira queixa dos setores da Prefeitura em relação ao projeto dizia ao impacto visual do equipamento sobre o canteiro arborizado da Paralela.
Chegaram a utilizar a metáfora de que a principal via de acesso à cidade pelo Aeroporto ficaria parecendo a Bonocô, que foi profundamente enfeiada com a construção do primeiro tramo do metrô.
O governador foi então a público garantir que o projeto não traria problemas estéticos à cidade, o que destravou as conversações que vinham ocorrendo em torno do tema. Agora, surge o problema dos retornos.
Governo e Prefeitura têm os 15 dias sugeridos por Neto para dar uma solução ao novo conflito, garantindo uma alternativa para motoristas que trafeguem pela via.
Com muito conversa pode-se evitar que quem pegar a Paralela não precisará ter que ir até Lauro de Freitas se tiver que retornar ou vice-versa.

Lídice quer autorizar operação de vans em pequenos trechos


Política Livre


Foto: Divulgação

Secretários de todo o país discutiram ontem, durante reunião do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes do Turismo (Fornatur), na World Travel Market, em São Paulo, a possibilidade de regulamentação do transporte interestadual através de vans. O projeto de Lei do Senado 657/2011, de autoria da senadora Lídice da Mata (PSB), que esteve presente no encontro, recebeu o apoio dos gestores, encabeçados pelo presidente do Fornatur e titular da pasta no Distrito Federal, Jaime Recena. Na ocasião foram colocados exemplos de estados que estão a menos de 500km de distância e, em especial, da cidade de Brasília, no Distrito Federal, que territorialmente é cercada pelo estado de Goiás. Lídice, que também é vice-presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo, colocou o mandato à disposição do pleito e pediu empenho dos secretários junto às suas bancadas nos estados. Atualmente, embora a lei não especifique, normas infralegais em vigor estipulam que esses serviços só podem ser realizados por ônibus com capacidade mínima para 20 passageiros sentados. A restrição, segundo Lídice, tem sido alvo de questionamentos de usuários e prestadores do serviço. Ela propõe que a capacidade mínima seja reduzida para oito passageiros sentados. Na opinião da senadora, a norma decorre da suposição de que as viagens implicam longos percursos. No entanto, afirma, trata-se de uma dedução equivocada, haja vista as reduzidas distâncias que separam diversas capitais do litoral brasileiro, bem como a proximidade de alguns estados do Sul com países vizinhos, que constituem alguns dos principais destinos de viagens turísticas. Estamos falando de viagens de pequenas distâncias, de viagens de 250 km, de 300 km, algo claramente possível de ser feito em outro tipo de transporte”, disse Lídice durante a reunião da CDR. Sem opções, acrescenta a senadora, grupos pequenos são obrigados a se deslocar em veículos superdimensionados, caros e inadequados aos seus interesses.

Guanambi: MP pede inconstitucionalidade de lei que cria 459 cargos comissionados

Bahia Notícias

Guanambi: MP pede inconstitucionalidade de lei que cria 459 cargos comissionados
Foto: Reprodução
O Ministério Público da Bahia (MP-BA) ingressou com uma ação direta de inconstitucionalidade para derrubar artigos da 710/2013 que criam 459 cargos comissionados no município de Guanambi, no sudoeste do estado. O documento, assinado pelo procurador-geral de Justiça Márcio Fahel e pelo promotor Paulo Modesto, aponta que os cargos foram criados de forma irregular, sem especificar atribuições de chefia, direção e assessoramento ou com funções típicas de cargos efetivos e de carreira, o que desvirtua o comando Constitucional. O órgão pede uma medida cautelar para suspender os efeitos da lei e do anexo que lista os cargos e a vedação de qualquer interpretação que possibilite a nomeação de pessoa que não seja servidor público efetivo do Município de Guanambi para os cargos listados. Ao final do julgamento, que seja declarada a inconstitucionalidade dos artigos e de parte do anexo. A ação indica que houve um acréscimo de 300% no percentual de cargos em comissão na cidade. Quase metade dos cargos da estrutura administrativa é composta por servidores comissionados, “sem preenchimento de requisitos mínimos de caracterização de atribuições especiais”. A isso, o documento acrescenta que a norma cria “desproporcionalmente um número excessivo de cargos em comissão em detrimento dos cargos efetivos”. Entretanto, a Constituição Federal e a Estadual exigem para a investidura de qualquer servidor no serviço público a prévia aprovação em concurso público de provas ou de provas e títulos. O MP afirma que os cargos em comissão devem ter suas atribuições plenamente pré-definidas em lei, com interpretação restritiva. Segundo o órgão, alguns órgãos de Guanambi são estruturados quase que exclusivamente através de cargos em comissão, ainda que para atividades próprias de servidores efetivos. O pedido pede que os efeitos da inconstitucionalidade não sejam retroativos, valendo apenas a partir da decisão judicial, a fim de resguardar os valores pecuniários auferidos pelas pessoas admitidas no serviço público com base na lei municipal, desde quando iniciaram as suas atividade até a exoneração.

José Carlos Latinha (PSB) visita Candiba



Hoje(24), Latinha visitou a cidade de Candiba e foi recepcionado pelo Vereador Messias - Bico Doce (PSB). O objetivo foi debater sobre o fortalecimento do partido no município e organização da Comissão Provisória do PSB. Na oportunidade, o jovem Eltom Lima filiou-se ao PSB e passou a compor a Comissão Provisória. Eltom Lima é pré-candidato a vereador em 2016 e tem como meta contribuir com a organização da juventude e dos estudantes da cidade.

Latinha também visitou a Associação Beneficente Rosa Choque, visando contribuir com a legalização estadual da entidade, bem como fez contatos com lideranças rurais para atender reivindicações de poços artesianos.

23 de abr de 2015

Artigo sobre a Terceirização


O Blog do Latinha recomenda a leitura do artigo da advogada Karla Borges, publicado na quarta-feira, 22 de abril, no jornal A TARDE. Ela fala sobre o PL 4330, que regulamenta a terceirização. Vale a pena conferir.

Festa de São João como patrimônio imaterial do Brasil




Hoje (24), a Senadora Lídice da Mata (PSB) participa do Seminário São João do Brasil, em São Paulo. O evento reúne secretários de Cultura e Turismo de diversos estados, além de dirigentes da Embratur, Ministério do Turismo, artistas e empresários. A Senadora Lídice é autora de um projeto para classificar a Festa de São João como patrimônio imaterial do Brasil.

Diretor da Uneb de Brumado pode ser preso e até pagar multa de R$ 10 mil se descumprir decisão judicial

Brumado Notícias
22 Abr 2015 - 17h30


Diretor da Uneb de Brumado pode ser preso e até pagar multa de R$ 10 mil se descumprir decisão judicial
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias
Na última sexta-feira (18), o diretor da Uneb, campus de Brumado, Manuel Castrillon foi intimado a cumprir em 48 horas um mandado de segurança que está sendo movido por advogados dos alunos e de alguns docentes que lecionam na instituição. Caso não cumpra a determinação, o diretor pode ser preso e multado em R$ 10 mil. A liminar pede esclarecimento das reiteradas negativas do diretor em atender a solicitação para a abertura de um diálogo para a realização da eleição do coordenador, de forma democrática, já que o processo estaria, segundo os impetrantes, sendo conduzido de forma unilateral. Na ação, ainda foram feitas várias denúncias graves de supostas irregularidades que poderão vir a configurar ato de improbidade administrativa. Se comprovadas, o diretor poderá ser exonerado. De acordo com o dossiê que está sendo formado pelos advogados, existem fortes indícios de que as contas do campus teriam inconsistências. As mesmas devem resultar, segundo os magistrados, na abertura de uma auditoria contábil. Acusado de estar dirigindo o campus de forma arbitrária, Castrillon ainda teria que prestar esclarecimentos sobre a possível mudança da sede da entidade para as instalações onde funcionava o Derba, local que seria totalmente inapropriado. Mesmo com a doação do terreno já efetivada, os impetrantes estão convictos de que uma ação popular poderá destituir o ato, já que existe, segundo eles, indícios de que a transação poderá ter algum beneficiário.

Fazenda e Administração recomendaram renegociar acordo com professores, diz Rui

Bahia Notícias
por Alexandre Galvão/ Fernando Duarte
Fazenda e Administração recomendaram renegociar acordo com professores, diz Rui
Foto: Alexandre Galvão / Bahia Notícias
Após o impasse entre sindicatos de servidores públicos e o governo do estado sobre o reajuste linear de 2015, o governador Rui Costa (PT) ressaltou estar “indo além dos limites” para cumprir os acordos feitos durante o governo anterior, sob a tutela do também petista Jaques Wagner. “Estou indo além dos limites. Além dos conselhos que recebi da Fazenda e da Saeb [Secretaria de Administração], que aconselhavam mais prudência, inclusive chamar os sindicatos para tentar uma renegociação do que foi acordado. Apesar de toda a dificuldade nós vamos perseguir esse esforço”, afirmou o petista. Segundo ele, há uma dificuldade generalizada em todo o país para negociar o reajuste dos servidores. “Nós estamos longe de corresponder ao que está no orçamento do ponto de vista da arrecadação. Tanto é que nenhum dos governadores do país fala de reajuste. O estado de São Paulo está mais de 30 dias em greve e até hoje não conseguiu uma solução para negociação com os professores. No nosso caso estamos com muito esforço honrando os acordos, o que significa um esforço grande”, sinalizou o governador. “Fizemos e refizemos conta e oferecemos um conjunto de propostas aos sindicatos e parcelamos em duas vezes o reajuste”, completou Rui.

Plenário da Câmara aprova emenda que altera pontos do projeto da terceirização; conheça

Bahia Notícias


Plenário da Câmara aprova emenda que altera pontos do projeto da terceirização; conheça
Foto: Maryanna Oliveira/ Câmara dos Deputados
O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 230 votos a 203, emenda do relator do projeto de lei sobre terceirização (PL 4330/04), deputado Arthur Oliveira Maia (SD-BA), e do PMDB, que muda alguns pontos do texto. De acordo com a Agência Câmara, além de manter a possibilidade de terceirização da atividade-fim, a emenda diminui de 24 para 12 meses a quarentena que o ex-empregado de uma empresa deve cumprir para que possa oferecer serviços à mesma empresa no âmbito de uma contratada de terceirização. A aprovação da emenda prejudicará várias outras emendas apresentadas anteriormente, restando apenas mais três destaques para análise. A emenda também determina que, nos contratos de terceirização não sujeitos à retenção na fonte de 11% da fatura – prevista na Lei 8.212/91 para serviços de limpeza ou segurança, por exemplo – ou às alíquotas relativas à desoneração da folha de pagamentos, a contratante será obrigada a reter o equivalente a 20% da folha de salários da contratada, descontando da fatura. Outra mudança feita pela emenda diminui o recolhimento antecipado do Imposto de Renda na fonte de 1,5% para 1% para empresas de terceirização dos serviços de limpeza, conservação, segurança e vigilância. Em relação à sindicalização, fica mantido o trecho do texto-base que prevê a filiação dos terceirizados ao mesmo sindicato da contratante apenas se ambas as empresas pertencerem à mesma categoria econômica. Entretanto, a emenda retira a necessidade de se observar os respectivos acordos e convenções coletivas de trabalho. Quanto à responsabilidade da contratante, a emenda torna solidária a responsabilidade da contratante em relação às obrigações trabalhistas e previdenciárias devidas pela contratada. Nesse tipo de responsabilidade, o trabalhador pode processar tanto a contratada quanto a contratante.

TRT-BA prevê fim da greve dos trabalhadores da indústria da construção pesada

Bahia Notícias



TRT-BA prevê fim da greve dos trabalhadores da indústria da construção pesada
Foto: Reprodução
Um acordo firmado na Seção Especializada em Dissídios Coletivos (SEDC) do TRT da Bahia deverá pôr fim à greve de cerca de cinco mil trabalhadores da indústria da construção pesada nos canteiros de obras do Metrô e da Avenida 29 de Março, ambos em Salvador – de acordo com o TRT. Após duas horas de negociações, patrões e empregados concordaram com a proposta conjunta apresentada pelo presidente do Tribunal, desembargador Valtércio de Oliveira, e pelo representante do Ministério Público do Trabalho, procurador regional Antônio Messias Bulcão, que definiu percentual de reajuste, valor da cesta básica e forma de compensação dos dias parados. Pela proposta, os trabalhadores que recebem até o limite de R$ 7.100,00 terão reajuste de 7,68% a partir de 1º de março, data base da categoria, cujo retroativo será pago preferencialmente na folha de pagamento do mês de maio. Já a cesta básica será reajustada em R$ 20,00 sobre o valor atualmente praticado por cada empresa. Quanto à compensação dos dias parados - o principal impasse nas negociações - ficou decido que ela ocorrerá de segunda à sexta-feira, com o acréscimo de uma hora a mais sobre a jornada. A decisão quanto à compensação dos dias parados, se poderá ocorrer aos sábados, ficará a critério de cada empresa envolvida. Uma assembleia com os trabalhadores para a ratificação do acordo ocorrerá às 7 horas desta quinta-feira (23), mas segundo o vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplanagem do Estado da Bahia (Sintepav), Irailson Warneaux, eles já foram orientados a comparecerem fardados para o retorno imediato ao trabalho, caso assim deliberem. O dissídio coletivo foi suscitado pelo Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada (Sinicon) depois do início da greve no último dia 16, interrompendo as negociações que vinham acontecendo desde fevereiro, com a apresentação da pauta de negociações da data base da categoria.