• Leão vai a China apresentar oportunidades de investimentos na Bahia

    O vice-governador da Bahia, João Leão (PP), inicia nesta segunda-feira nova viagem à China, onde apresentará "as grandes oportunidades" oferecidas pelo maior estado nordestino a empresários e autoridades chinesas; a comitiva liderada pelo vice-governador visitará Pequim, Tianjin, Xian e Shenzhen

  • TRABALHO SOCIAL DO CAPS AD II EM GUANAMBI

    Hoje (7), às 9 horas, a TV Latinha/Blog do Latinha visitou a sede do CAPS AD II - CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL ÁLCOOL E DROGAS DR. GERALDO CORREA DE-VECCHI, que fica localizado na Rua Osvaldino Pereira Donato, s/n no bairro São Sebastião em Guanambi.

  • Abertura Oficial da III Conferência Municipal de Educação de Guanambi

    Ontem (5), no auditório do CETEP, aconteceu a abertura oficial da III COMEG – Conferência Municipal de Educação de Guanambi com uma importância palestra com o Coordenador do Fórum Estadual de Educação da Bahia, Professor Drº. Marcius de Almeida Gomes, que fez uma abordagem sobre o tema “A consolidação do Sistema Municipal de Educação (SME) e o Plano Municipal de Educação (PME): monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica”.oblemas.

  • SEMINÁRIO TERRITORIAL DO PDI BAHIA 2013 EM GUANAMBI

    Ontem (5), no Campus da UNEB Guanambi, aconteceu o seminário de elaboração do Plano de Desenvolvimento Integrado – PDI Bahia 2035 dos Territórios Sertão Produtivo e Bacia do Paramirim com a participação dos municípios de Guanambi, Candiba, Botuporã, Paramirim, Brumado, Érico Cardoso, Rio do Antônio, Livramento e Macaúbas.

  • Pavimentação e urbanização da avenida do bairro e do Riacho dos Brindes

    No dia 20 de abril de 2017, o Prefeito Jairo Magalhães sancionou a Lei Nº 1.107 que institui o Sistema Municipal de Meio Ambiente - SISMUMA, estabelecendo o cronograma administrativo e políticas públicas com ações, programas e projetos, gestão de fundo municipal do meio ambiente.

Meteorologista do Canal Rural faz palestra na Câmara de Vereadores de Guanambi








Estivemos na noite desta quinta – feira, 27, participando de mais uma palestra do Meteorologista e Diretor do Instituto Somar Dr. Paulo Etchichury. Dr. Paulo passou informações climáticas do amplo cenário climatológico e previsões climáticas e análises e projeções para a safra de verão 2015/2016. Dr. Paulo também é diretor administrativo da Sociedade Brasileira de Meteorologia e também é um dos meteorologistas apresentadores do Canal Rural. Fonte/Fotos: Clóvis Junior
Share:

Eleições 2018: ‘se for necessário eu vou para a disputa’, diz ex-presidente Lula

Brumado Notícias
28 Ago 2015 - 11h30


Eleições 2018: ‘se for necessário eu vou para a disputa’, diz ex-presidente Lula
Foto: Reprodução
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira (28) que há a possibilidade de disputar a presidência da República em 2018 “se for necessário”, mas que essa não é a sua prioridade. "Não posso dizer que sou nem que não sou candidato. Sinceramente, espero que outras pessoas sejam candidatas. Agora, uma coisa é certa: se a oposição acha que vai ganhar, que não vai ter disputa, e que o PT está acabado, ela pode ficar certa do seguinte: se for necessário eu vou para a disputa e vou trabalhar para que a oposição não ganhe as eleições", declarou em entrevista à Rádio Itatiaia em Montes Claros, Minas Gerais. Lula participou do 1º Encontro dos Povos das Gerais, para discussão de políticas para comunidades indígenas, quilombolas e populações ribeirinha na cidade mineira.
Share:

CONVITE


Share:

CONTRA NILO, GOVERNADOR DEVE TRABALHAR PARA TER CANDIDATO FORTE EM GUANAMBI




Tiago Marques | Redação 96FM – I Foto Jadson Costa
11401280_1593299010957859_6979417834449357243_nDesde quando rompeu com o prefeito Charles Fernandes (PP), o ex-prefeito Nilo Coelho (PSDB) se colocou como pré-candidato à prefeitura de Guanambi para as eleições de 2016. Algumas notas de colunistas de jornais de Salvador davam como descartada a candidatura do ex-governador, mas rapidamente foram desmentidas. “Se for a vontade da minha Querida Guanambi eu serei candidato”, Respondia Nilo Coelho imediatamente. A coluna Tempo Presente do Jornal A Tardechegou a cogitar que Nilo seria candidato a prefeito de Vitória da Conquistainformação prontamente desmentida pelo pré-candidato
109Com Nilo na frente pela corrida, pelo menos no quesito definição, no início da semana, a deputada estadual Ivana Bastos (PSD), que também vinha sendo cotada para concorrer a vaga de Charles Fernandes, anunciou apoio a pré-candidatura do vereador Hugo Costa (PSB). Para ela, Hugo Costa tem o perfil de administrador que Guanambi precisa, embora jovem, possui bagagem política.
65666_104840633050574_1592039267_nO prefeito Charles Fernandes, que está em seu segundo mandato, ainda não definiu qual candidato apoiará nas eleições que acontecerão daqui a pouco mais de um ano. O preferido do prefeito é seu secretário de Planejamento, Jairo Magalhães, homem de extrema confiança do gestor. Jairo tem sido presença constante nos eventos da prefeitura e é uma importante peça da equipe administrativa. Em entrevista ao 96 Notícias 2ª Edição desta quarta-feira (26), Jairo disse que se sente lisonjeado por ter seu nome cogitado para o cargo, mas que não se alimenta da vaidade e espera que haja uma definição no sentido de o governador do estado ter um candidato único e forte na cidade. Ele ressaltou a parceria entre o prefeito, a deputada Ivana Bastos, o deputado Vitor Bonfim (PDT) e o governador do estado que tem trazido benefícios para o município. O deputado Vitor Bonfim também chegou a ser cogitado para a disputa. “O prefeito vai ouvir todo mundo antes de decidir seu apoio, a ideia é continuarmos caminhando juntos em prol de Guanambi”. Afirmou Jairo. No primeiro semestre, Charles Fernandes revelou o desejo de ter um candidato que tenha o apoio de todos os aliados do governador Rui Costa. Jairo e Charles estiveram em reunião na  terça-feira (24) com Ivana Bastos e com o Senador Otto Alencar (PSD).
1546437_872161832815537_3321544723450638329_nAlguns nomes também já aparecem como possíveis candidatos a  vice prefeito. Luiz Carlos Latinha (PSB) também anunciou recentemente que pretende colocar seu nome a disposição para ser postulante ao cargo. Latinha estava em seu 5º mandato na Câmara de Guanambi quando foi cassado por infidelidade partidária. Ele 412largou o PCdoB e foi para o PSB, onde foi candidato a deputado federal em 2014. Do mesmo partido de Hugo Costa, muita gente não crê na aproximação dele com o grupo de Charles Fernandes, quando era vereador, era o principal oponente do prefeito na câmara. Pelo lado de Nilo Coelho, já foram cogitados nomes como do médico e vereador Agostinho Lira, e também do atual vice-downloadprefeito Elder Guimarães.
Na manhã desta quinta-feira (27), o prefeito Charles Fernandes concederá entrevista à Rony Martins no 96 Notícias 1ª Edição a partir das 7:00.
Candidatura de Jovens e Mulheres
Faltando pouco mais de um mês para a o prazo para filiações para quem deseja se candidatar em 2016. O Mix 96 faz um alerta e um incentivo para que os jovens e mulheres entrem na política. A baixa presença é desdas classes enfraquece a representatividade. Dos 15 vereadores eleitos em 2012, apenas uma mulher e um jovem (menos de 29 anos) foram eleitos. O Congresso Nacional debate projetos que preveem cotas para mulheres e jovens nas casas parlamentares.
Tiago Marques - redação 96FM

Share:

Ilhéus será ligado à Fiol por acesso rodoviário durante construção do Porto Sul

Bahia Notícias
por Luana Ribeiro


Porto de Ilhéus será ligado à Fiol por acesso rodoviário durante construção do Porto Sul
Reunião desta quarta em Brasília | Foto: Camila Peres/Casa Civil
O Porto de Ilhéus, conhecido como Porto de Malhado, deve tornar-se ponto de escoamento dos produtos transportados pela Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), juntamente com o Porto Sul, cuja construção ainda não foi iniciada. Segundo informações do secretário da Casa Civil do Estado, Bruno Dauster, a ideia é utilizar o porto enquanto o Porto Sul não fica pronto, interligando-o à ferrovia por meio de um acesso rodoviário com aproximadamente 12 quilômetros. “O Porto de Malhado, se olhar em Ilhéus o acesso ao porto, não pode ser pelo centro da cidade, não pode ter tráfego de carga pesada ou semipesada pelo Centro Histórico. Isso ia acabar com o Centro Histórico, perturbar a vida das pessoas. Assim como se fez aqui a Via Expressa como acesso rodoviário ao porto, é preciso fazer esse acesso [em Malhado] como suporte para o início de escoamento de produção mineral e de grãos”, explicou. O titular da Casa Civil debateu o assunto nesta quarta (26) em Brasília, em reunião com o ministro da Secretaria de Portos da Presidência da República, Edinho Araújo, com a participação do governador Rui Costa.
 
Visão aérea do Porto de Malhado, em Ilhéus | Foto: Reprodução/Google Earth
 
No encontro também foram definidas as opções para que o porto possa ser integrado à Fiol, o que exige o aumento da profundidade, que atualmente só permite a operação de navios de calado pequeno. “Nossa ideia e isso foi o pleito que a gente colocou, é de que o porto passe para o estado ou que seja feita uma concessão pela Codeba. Mais provavelmente o que deve acontecer é que a Codeba licite e aí o concessionário fará o investimento na ampliação da capacidade de imediato. A perspectiva é de que isso aconteça muito rapidamente”, cogita Dauster. O secretário acredita que o custo da construção do acesso rodoviário deverá ficar na ordem de R$ 130 milhões a R$ 140 milhões, a depender dos detalhes do projeto. Já a melhoria do porto, que dependerá da profundidade alcançada pela dragagem, deve ficar em torno de R$ 40 milhões e R$ 50 milhões. Na avaliação do secretário, o Porto de Malhado deve continuar funcionando de forma interligada à Fiol mesmo após o começo da operação do Porto Sul, prevista para 2019, conforme anunciado por ele em maio deste ano. “O Porto de Malhado tem vocação para a cabotagem (navegação em águas costeiras e em pequenas distâncias), enquanto o Porto Sul tem vocação para transporte de longa distância. A perspectiva é de os dois operarem em suas respectivas vocações”, explica.
Share:

GOVERNO VIABILIZA VOO DA AZUL ENTRE SALVADOR E GUANAMBI

A Bahia vai receber mais um voo regional da companhia aérea Azul. O trecho inclui Salvador, Guanambi e Belo Horizonte. A informação foi divulgada pelo secretário de Infraestrutura da Bahia, Marcus Cavalcanti, em declaração ao Jornal A Tarde. O início da frequência está previsto para o final do ano.
Segundo o secretário, o novo voo é resultado do programa do governo do estado que dá desconto progressivo no ICMS para companhias aéreas que criam voos para o interior. Cavalcanti também avaliou o andamento do Programa de Investimentos de Aeroportos, que vai destinar R$ 800 milhões, em quatro anos, a programas de infraestrutura em aeroportos regionais, com aportes do governo federal.
O próximo edital aberto será o do aeroporto de Comandatuba, transferido de um hotel para a União. A seguir, serão licitados ao mesmo tempo os aeroportos de Caravelas e Teixeira de Freitas. Barreiras e Lençóis vêm em seguida. "O investimento de Comandatuba vai ser pequeno, porque o aeroporto já existe e terá poucos voos, dois por semana, para atender a demanda da região", afirma Marcus Cavalcanti.
Ao todo, a Seinfra administra 80 aeroportos regionais, entre eles Porto Seguro, Vitória da Conquista, Barreiras, Teixeira de Freitas, Feira de Santana, Lençóis e Valença. (A Tarde)  - Fonte - Bahia Econômica
Share:

Dendê na Mochila - Parque Estadual Serra dos Montes Altos - Episódio 013 - 08.08.2015


Share:

MONOPÓLIO NOVO HORIZONTE


Foto: Brumado Notícias 
Foto: Google

MONOPÓLIO



            A VIAÇÃO NOVO HORIZONTE é realmente uma empresa privilegiada e de muito prestígio político, tem demonstrado isso ao longo dos anos. Entra governo, sai governo, de situação ou de oposição, ela permanece firme, detendo o monopólio e a exclusividade das linhas de transporte de passageiros no sertão do sudoeste baiano, apesar dos péssimos serviços prestados, dos maus tratos e desrespeitos aos usuários.

            As queixas são muitas: ônibus velhos, imundos, cheios de baratas, cadeiras quebradas, não cumprem os horários predeterminados, utilizam-nos como transporte de cargas, quem sabe até de inflamáveis, e o pior e mais grave, ônibus sem as condições mecânicas de tráfego, colocando em risco a vida dos passageiros. Uma  irresponsabilidade e desrespeito às leis e à dignidade das pessoas.

            Tudo isso ocorre sob as vistas grossas do órgão encarregado da fiscalização. Será que há suborno? Ou é mesmo incompetência e inoperância? Ou é mais um órgão destes criados para servir de cabide de empregos para os apaniguados políticos, mantidos para barganha de votos e que se sustentam à custa do erário público? Ou que, nas eleições, os políticos, interessados em manter o "status quo", são financiados  pelas empresas beneficiárias?

            Parece que o povo, diante de tais descasos, ficou anestesiado, acostumou-se com a prática desses abusos, não reclama e não exige seus direitos, apesar de as leis existirem, como por exemplo, o Código de Defesa do Consumidor. Absorveram a máxima de que, no Brasil, as leis existem apenas no papel. Alguém já disse que no Brasil existem apenas dois códigos: um Civil que serve e protege os ricos e poderosos e um Penal que persegue e pune os desprotegidos.

            A irresponsabilidade dessa empresa é tamanha que interrompe a viagem no meio do percurso por falta de combustível (isso é o cúmulo dos absurdos). E mais, não dispõe de guincho nem de ônibus reserva para o devido socorro, ficando os passageiros no ermo da estrada sujeitos à ação dos marginais ou até que surja outro ônibus da empresa fazendo o mesmo percurso  para a baldeação.

            É bem verdade que a empresa foi pioneira, que desbravou os sertões de estradas de chão e precárias, porém não se justifica que não tenha acompanhado a evolução tecnológica, administrativa, não se modernizando para atender aos novos tempos globalizados da concorrência e da prestação de serviços de qualidade. Se não se adequou, foi por falta de competência administrativa ou  apostando na impunidade do Estado e da fiscalização conivente. Então, que o governo permita e abra espaço para os concorrentes mais eficientes e comprometidos com os anseios da população que cobram um serviço que lhe ofereça conforto, segurança e respeito aos seus direitos constitucionais. Chega de humilhação e desfaçatez.

            Aqui em Brumado, no ponto de apoio da empresa, as pessoas ficam amontoadas como se fossem animais, sem nenhum conforto, sanitários fétidos, nojentos e imundos. Entretanto, as passagens, além de caras, estão sempre com os preços atualizados. O ponto de apoio em Vitória da Conquista na Avenida Brumado envolve não só desrespeito ao usuário como demonstra a falta de competência administrativa e de um concorrente que a faça perder passageiros.

            O conceito que os utentes fazem  da empresa  NOVO HORIZONTE é por demais conhecido. Não há alternativa diante do monopólio dessa empresa, só resta botar a boca no "TROMBONE" para ver se muda de atitude, tratando condignamente as pessoas ou se o governo  sensibiliza-se  e passa a atender ao clamor da população.



            No Decreto nº 2.521/98 consta os seguintes direitos dos passageiros:

            Receber serviço adequado;
            Receber do Ministério dos Transportes e da transportadora informação para defesa de interesses individuais ou coletivos;
Ser transportado com pontualidade, segurança, higiene e conforto, do início ao término da viagem;
            Ter garantido sua poltrona no ônibus, nas condições especificadas no bilhete de passagem;
            Ser atendido com urbanidade pelos prepostos da transportadora e pelos agentes de fiscalização;
            Receber os comprovantes dos volumes transportados no bagageiro;
            Ser indenizado por extravio ou dano da bagagem transportada no bagageiro;
            Receber a diferença do preço da passagem quando a viagem se faça total ou parcialmente, em veículo de características inferiores às daquele contratado;
            Receber as expensas da transportadora, enquanto perdurar a situação, alimentação e pousada, nos casos de venda de mais de um bilhete de passagem para a mesma poltrona ou interrupção ou retardamento da viagem quando tais fatos forem imputados à transportadora;
            Receber da transportadora em caso de acidente, imediata e adequada assistência;
            Desistir da viagem até 3 (três) horas antes, devendo a importância paga ser devolvida ou se preferível, remarcando o bilhete para outra data;
            O passageiro, em nenhuma hipótese, deverá ser obrigado ao pagamento de seguro facultativo.

            Diante do que reza o referido decreto,  a transportadora  Novo Horizonte está obriga a cumpri-lo na integralidade.

            É imperioso  eleger-se  políticos comprometidos com os anseios da comunidade que  a representa direcionando suas ações políticas para os interesses da municipalidade que o elegeu. É preciso ter a consciência de não se votar nos corruptos, pois eles são os ladrões da consciência e do dinheiro do povo que paga seus impostos regularmente. Essa atitude desvirtuada  tem por finalidade cooptar as empresas para o financiamento de suas campanhas.

            Essa foi a síntese dos questionamentos na sessão da Câmara de Vereadores, em caráter extraordinário, para se tratar dos serviços prestados pela empresa Viação Novo Horizonte, realizada em 05 de junho de 2001.


Antonio Novais Torres
antorres@terra.com.br
 Brumado em  05 de junho de 2001.

Share:
26 Ago 2015 - 08h30


Deputado Vitor Bonfim comemora título da Bahia de destaque na geração de energia eólica
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias
De acordo com levantamento da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), a Bahia é o segundo Estado com a maior produção de energia eólica do Brasil, atrás apenas do Rio Grande do Norte e na frente de Estados como o Rio de Janeiro, Ceará e Pernambuco. A Bahia triplicou a geração deste tipo de energia, produzindo atualmente 406 MW médios, um aumento de 297%. O deputado estadual Vitor Bonfim (PDT) comentou o relatório da CCEE. “Esta é uma excelente notícia para todos nós baianos, principalmente para nossa região, que concentra grande parte dos parques eólicos, a exemplo de Caetité, Guanambi, Igaporã, Pindaí e Brotas de Macaúbas. Este é o resultado de uma gestão que tem os olhos voltados para o futuro. A produção de energia limpa é uma necessidade, já saímos na frente, e temos muito a oferecer. O bom andamento dos trabalhos para implementação dos Parques de Brumado e Riacho de Santana vai reafirmar definitivamente a posição de destaque de nosso Estado na geração de energia limpa”, destacou ele.
Share:

Estudo revela perfil do protesto Estudo revela perfil do protesto antigoverno


Com Luiz Fernando Lima
Manifestantes protestam contra o governo na Barra (Foto: Lúcio Távora | Ag. A TARDE)
Perfil ideológico e atitudes políticas dos manifestantes de 16 de agosto é o título da pesquisa que o Grupo Opinião Pública da pós-graduação em ciências sociais da Universidade Católica de Salvador, coordenado pela professora Helcimara Telles, realizou sobre a última manifestação contra o governo no Farol da Barra. Foram realizadas 190 entrevistas. O resultado aponta que a maioria tem perfil conservador, mais à direita.
Discordam da liberação da maconha 62,1%; 59,5% acham que as cotas raciais são um erro; 79,5% defendem a redução da maioridade penal; 54,2% são contra a pena de morte; 72,1% entendem que pessoas beneficiadas por programas como o Bolsa Família ficam preguiçosas; 75,8% são contra o MST; 52,2% concordam que os militares tomem o poder 'em caso de muita desordem'; e 61,1% acham que 'nordestinos têm menos consciência política na hora de votar'.
A pesquisa aponta que para esse público o maior problema é corrupção: 53,4%, depois a saúde, com 7,3%; em terceiro, educação, com 5,8%; e em quarto segurança, com 4,7%.
Defendem o fim da doação de empresas para campanhas 51,1%. E 73,7%, o fim da reeleição para cargos executivos.
Impeachment — O mesmo estudo aponta que 43,2% dos entrevistados acham melhor para o Brasil o impeachment de Dilma. Outros 33,7% preferem a renúncia; e 14,2%, a intervenção militar. Só 3,7% querem que ela fique.
Confiança — No universo entrevistado, a confiança nos partidos políticos vai mal: apenas 1,1%. O governo e o Congresso são os vice piores, com 3,2% cada.
E os mais confiáveis, as Forças Armadas, com 41,1%; a internet, com 31,6%; e a Justiça e a mídia, com 28,9% cada. A Tarde - Coluna Tempo Presente

Share:

Quinhão Guanambi

A Tarde - Coluna Tempo Presente

A distribuição de cargos regionais está dando dor de cabeça ao secretário Josias Gomes (Relações Institucionais).
A discussão com os deputados votados na região de Guanambi ontem foi interrompida abruptamente. Luiz Augusto (PP), inconformado com a parte que lhe coube, levantou e saiu, deixando para trás um Josias boquiaberto, Ivana Bastos (PSD), Vítor Bonfim (PDT) e Zé Raimundo (PT).
Ivana é a mais votada na região. Luiz Augusto diz que não se zangou, mas não aceitou.

Share:

Senado aprova projeto que regulamenta ações de revitalização do São Francisco


Bahia Notícias

Senado aprova projeto que regulamenta ações de revitalização do São Francisco
Foto: Agência Senado
A Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) aprovou nesta terça-feira (25), em decisão terminativa, um projeto de lei que regulamenta a coordenação das ações de revitalização da bacia do rio São Francisco e evitar a dispersão de esforços e recursos. O projeto, de autoria da senadora Lídice da Mata (PSB-BA) e relatado pelo senador Otto Alencar (PSD-BA), prevê que medidas para preservação de nascentes e melhoria do saneamento básico nas cidades ribeirinhas sejam incluídas no Programa de Revitalização do São Francisco. “Não podemos esperar pela boa vontade dos governantes. O São Francisco está em situação extremamente grave. Há locais onde se pode atravessar o rio a pé”, frisou Lídice. Otto apresentou uma emenda para que conste em primeiro lugar na lista de ações prioritárias a elaboração de cenários futuros, “por meio de modelagens hidrológicas e de sedimentos, que permitam avaliar o balanço entre oferta e demanda hídrica e o nível de degradação ambiental da bacia”.
Share:

ESTADO E GOVERNO FEDERAL TRAÇAM EXPANSÃO DE PORTOS BAIANOS

26/08 - 13h35m
Bahia Econômica


 
A expansão e modernização do setor portuário na Bahia está em discussão entre o Governo do Estado e a Secretaria de Portos da Presidência da República. Nesta quarta-feira (26), o planejamento estadual foi apresentado pelo governador Rui Costa ao ministro da Secretaria Nacional de Portos, Edinho Araújo, durante reunião em Brasília.
 
Com a participação da iniciativa privada, o governo baiano prevê potencializar o Porto de Ilhéus, batizado como Porto de Malhado. Segundo o secretário da Casa Civil, Bruno Dauster, que acompanhou o governador na agenda, o porto possui limitações em decorrência de sua profundidade. “É necessário fazer uma dragagem para elevar a profundidade do cais e do canal. Assim, teremos uma situação de operação continua”, disse ele ao explicar que atualmente apenas navios de calado (altura do casco) pequeno acessam o porto e que essa intervenção seria financiada pela iniciativa privada. 
 
Rui Costa explicou ao ministro que o Estado da Bahia quer interligar o Porto de Malhado à Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol), durante o período de construção do Porto Sul, que também será implantado em Ilhéus. Isso ampliará significativamente a quantidade de carga operada.Sobre o porto de Salvador ficou acordado a realização de uma licitação para a operação do terminal marítimo. “Essa era uma reivindicação do Estado. A licitação será feita imediatamente, permitindo maior conforto aos usuários de cruzeiros que vêm a Salvador e criará um novo equipamento para os trabalhadores da região do Comércio”, explicou Dauster. 
 
O secretário disse ainda que será lançada uma segunda licitação para a ampliação do quebra-mar do porto de Salvador, obra orçada em R$ 90 milhões, que proporcionará maior capacidade ao porto, permitindo que se opere com navios de qualquer classe de containers. "Será um avanço muito significativo para Salvador. Teremos um dos portos mais aparelhados e equipados e com melhores condições de atracação para containers no Brasil”.

Share:

DEPUTADA AGUARDA QUE EMPRESA PAGUE OS TRABALHADORES DA FIOL

26/08 - 15h36m
Bahia Econômica

A Comissão da Ferrovia Oeste Leste (Fiol) e do Porto Sul da Assembleia Legislativa foi informada, através da sua presidente, deputada Ivana Bastos, de que o Ministério da Fazenda já realizou o repasse de recursos para a Valec, empresa responsável pelas obras da ferrovia.

Em contato com o presidente da Valec, Mário Junior, a parlamentar também recebeu a informação de que valor já foi repassado para a Pavotec, empresa responsável pela execução das obras no Lote 5 (Guanambi).

Por sua vez, a gerência da empresa no lote informou à deputada que aguarda apenas a compensação bancária do repasse para iniciar os pagamentos pendentes, priorizando os encargos trabalhistas, como salários e rescisões em atraso.

A falta de pagamento aos operários foi o principal motivo das inúmeras manifestações que a categoria vem realizando em Guanambi nas últimas semanas. “Continuaremos vigilantes até que o efetivo pagamento dos valores devidos seja concluído”, afirmou a deputada.

Share:

Igaporã: Sindicato denuncia coação contra trabalhadores da Santa Rita e agressão a sindicalistas



Foto: redação Caetité Notícias.

Confusão com perseguição policial e prisão de dois sindicalistas da Força Sindical/BA movimentou as primeiras horas da manhã da quinta-feira, dia 21, em Igaporã.

Segundo informações do Sindicalista Valdeli Rosa, Diretor de Saúde e Segurança Ocupacional do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada e Montagem Industrial do Estado da Bahia (Sintepav/Bahia), dois representantes sindicais foram abordados e agredidos pela Polícia Militar, em Igaporã, enquanto atuavam conforme suas funções e respaldados pelo direito de greve.

Rosa relata que os companheiros estavam circulando para evitar que os ônibus transportassem os trabalhadores para os locais de trabalho no parque eólico, recolhendo as chaves dos coletivos e impedindo a saída.

A Polícia Militar foi acionada pela Empresa Santa Rita e iniciou uma perseguição aos representantes do Sintepav, pelas ruas da cidade. Os dois sindicalistas que temiam por suas integridades físicas, não obedeceram à ordem de parada e prosseguiram até a  Praça Bernardo de Brito, próximo a outros trabalhadores do parque eólico.

Rosa justifica a fuga que causou a perseguição policial, porque os representantes do Sintepav temiam uma abordagem policial longe dos outros trabalhadores. Informa que os policiais já chegaram agredindo os dois sindicalistas. Detalha, ainda, que ambos foram algemados mesmo sem oferecer resistência e conduzidos à Delegacia de Polícia no fundo da viatura.

Os detidos aguardaram algemados do lado de fora da Delegacia, que estava com as portas fechadas, até a chegada do Delegado. Uma grande quantidade de trabalhadores da Empresa Santa Rita, com colegas da Empresa Seta, que participam da construção do parque eólico, se aglomeraram em frente à Depol reivindicando a liberdade dos homens detidos. Rosa narra que um dos PMs sacou a arma e ameaçou atirar para o alto.

Segundo informações obtidas por nossa reportagem, os dois sindicalistas se recusaram a descer da viatura algemados e, posteriormente, sentaram no chão em sinal de protesto. Com a chegada do Delegado de Polícia, Dr. Nilo Efraim, iniciaram-se as negociações com os PMs para a retirada das algemas dos dois homens. Entretanto, os policiais resistiram e o Delegado conseguiu um acordo e a garantia de que os detidos entrariam na Delegacia para resolução da situação. O próprio Delegado abriu as algemas, sendo aplaudido pela multidão de trabalhadores. Os envolvidos na situação foram ouvidos e liberados.

A nossa reportagem teve acesso ao relatório da Polícia Militar sobre a ocorrência. Conforme narrativa dos PMs que participaram da operação policial, a corporação foi acionada por volta das 5h50, por um homem identificado como Cristiano Pereira Fernandes, informando que as chaves do ônibus que conduzia foram tomadas por dois indivíduos não identificados, que se dirigiram ao centro da cidade em veículo modelo VW Voyage, de cor branca, placa OUN 3911, de Camaçari/BA.

A viatura iniciou buscas ao veículo conseguindo localizar em poucos minutos. Os policiais informaram que o condutor desobedeceu à ordem de parada e iniciou uma fuga, sendo interceptado na Praça Bernardo de Brito. Durante a revista, foram encontradas as chaves do ônibus coletivo no interior do porta-malas. Os dois homens detidos foram identificados como Alessandro Santos Ribeiro e Diogo G. dos Santos.

A greve.


Segundo Valdeli Rosa o movimento grevista iniciado na última terça-feira, dia 18, tem por objetivo preservar os direitos dos trabalhadores da Empresa Santa Rita que, após várias tentativas do Sintepav, não se dispôs a negociar a pauta de reivindicações trabalhistas. A empresa foi convidada por diversas vezes, mas não compareceu às reuniões agendadas.

O sindicato reivindica a assinatura do acordo específico de parque eólico, que prevê o fornecimento de cesta básica diferenciada aos trabalhadores na área do parque eólico, a participação nos lucros e resultados, folga no dia do pagamento, visita familiar em outros estados a cada 60 dias e implementação de planos de saúde e odontológico.

O Sindicato alega que a empresa oferece folga a cada 90 dias para visitas à família, quando o trabalhador for originário de outro estado, com espaço de três dias destinados ao convívio familiar. Com esse prazo, o trabalhador não conseguiria se deslocar para retornar no tempo exigido. Na prática, Rosa denuncia que as folgas são permitidas a cada 120 dias.

O Sintepav esclarece que, diante da recusa à negociação, por parte da Santa Rita, deu entrada com um edital de greve na Justiça do Trabalho. Por sua vez, a Santa Rita entrou com uma Ação de Interdito Proibitório, para jogar o movimento na ilegalidade. A Justiça do Trabalho negou o pedido da empresa.

Valdeli enfatiza que o movimento grevista transcorre de forma pacífica, no entanto, reclama que a Santa Rita utiliza estratégias de coação contra os trabalhadores, forçando-os a trabalhar para esvaziar a greve, sob pena de demissão.

O Sindicato utiliza representantes para impedir a saída dos ônibus que transportam trabalhadores para o canteiro de obras, como uma forma de garantir o direito à greve. Na manhã desta sexta-feira, houve a interceptação policial quando os sindicalistas recolhiam as chaves dos ônibus utilizados pela Santa Rita. Para Valdeli, a empresa utiliza a PM contra o movimento grevista, como forma de evitar a paralisação das atividades.

Rosa informa que existem entre 3500 e 4000 trabalhadores atuando na construção dos parques eólicos em Igaporã, Caetité, Guanambi e Pindaí. Somente em Igaporã, o Sintepav calcula a existência de um número superior a mil trabalhadores. (Via Cristiano Fadel- Rádio Igaporã)
Tags: Caetité Notícias,Caetité,Cidade,éolica,confusão,prisão,protesto,renova energia

Share:

Após denúncia, água contaminada por urânio é vetada na Bahia

Bahia Notícias

por André Borges | Estadão Conteúdo
Após denúncia, água contaminada por urânio é vetada na Bahia
Foto: Divulgação/Maura Pezzato/Ascom INGÁ
O Ministério do Meio Ambiente e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) determinaram a suspensão imediata do consumo da água dos poços da região onde foi constatada contaminação por alto teor de urânio na Bahia. A decisão de apuração da situação foi ordenada diretamente pela ministra Izabella Teixeira. Além da medida tomada para assegurar a segurança da população, o Ibama informou que a estatal Indústrias Nucleares do Brasil (INB) poderá ser multada por omitir informações. Em nota assinada pelo diretor de Licenciamento Ambiental Thomaz Miazak de Toledo, o instituto declarou que "não recebeu da INB os laudos de qualidade da água que, segundo reportagem do Estado, apontam presença de urânio em níveis superiores aos estabelecidos pela Resolução 396 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) em poço localizado na região de Caetité". "Imediatamente após ser informado pela reportagem, o Ibama notificou a INB, a Cnen (Comissão Nacional de Energia Nuclear) e as autoridades de saúde competentes para que adotem as medidas necessárias de maneira que não haja risco para a população local", informou o órgão ambiental. "A eventual omissão da INB caracteriza descumprimento da condicionante 1.4 da licença de operação da mina de Caetité, fato que, se confirmado, implicará a aplicação de multa prevista no art. 66 do Decreto 6.514/2008". Laudos técnicos e despachos comprovam que a INB, responsável pela extração e produção de urânio, realizou duas inspeções em poço na região e encontrou água contaminada com índices do metal pesado mais de quatro vezes superiores ao limite estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Conama. 

Água contaminada com radiação em Barreiro, povoado de Caetité | Foto: Divulgação/Maura Pezzato/Ascom INGÁ
Apesar de ter feito coleta de água em outubro e em março, a INB só comunicou a prefeitura de Lagoa Real no fim de maio. No período, não houve comunicação da estatal sobre o caso para o ministério ou o Ibama, órgão responsável por licenciar e fiscalizar qualquer tipo de empreendimento ou denúncia envolvendo material radioativo. "Como órgão licenciador da mina, o Ibama exige que a INB encaminhe relatórios periódicos de implementação dos programas ambientais e, em caso de evento não usual que possa resultar em dano ao meio ambiente e risco à população, comunique imediatamente a ocorrência ao Ibama, à Cnen e ao Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia)", disse o instituto oficialmente. A INB nega irregularidades no caso, sob justificativa de que a área do poço contaminado, uma região conhecida como Varginha, está a 20 km de distância de sua mineração e não faz parte da área que deve fiscalizar. No entanto, como revelado no sábado (22), a própria estatal afirma, em documento disponível na internet, que inspeciona a qualidade da água na região de Varginha, comunidade de Lagoa Real. Em nota, a Cnen repetiu o argumento da INB, de que o poço não estaria em sua área de responsabilidade. "A INB tem obrigação de nos informar sobre os resultados das medidas nos poços de controle ambiental, que são justamente os que refletem os efeitos das atividades de mineração e beneficiamento de urânio. Esta obrigação tem sido cumprida", disse a comissão. "Se o alto teor de urânio da água encontrada no referido poço fosse proveniente das atividades da INB, a Cnen tomaria as devidas medidas. Neste caso específico, nos cabe apenas ratificar a recomendação da própria INB de que a água do poço não seja usada para consumo humano", informou, acrescentando que não cabe à comissão avaliar a potabilidade de água fora da área de influência dos empreendimentos que licencia. "Trata-se de responsabilidade mais afeita à vigilância sanitária." 
Share:

MINISTRA SUSPENDE CONSUMO DE ÁGUA DE POÇOS CONTAMINADOS POR URÂNIO NA BAHIA

24/08/2015 07:30
Bahia Econômica 

 

A constatação de que existe contaminação por alto teor de urânio na água de um poço na região  de Lagoa Real, em Caetité, causada pela empresa estatal Indústrias Nucleares do Brasil (INB) que explora uma mina de urânio na região, fez o Ministério do Meio Ambiente e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) determinarem a suspensão imediata do consumo da água dos poços da região.

A decisão de apuração da situação foi ordenada diretamente pela ministra Izabella Teixeira, assim que ela soube da denúncia publicada no final de semana pelo jornal Estado de São Paulo. Por outro lado o Ibama informou que a Indústrias Nucleares do Brasil (INB) poderá ser multada por omitir as informações, referentes à contaminação da água na região.

Apesar de ter feito coleta de água em outubro e em março, a INB só comunicou a constatação de contaminação à prefeitura de Lagoa Real no fim de maio e não houve comunicação da estatal sobre o caso para o ministério ou o Ibama. A INB nega irregularidades no caso, sob justificativa de que a área do poço contaminado, uma região conhecida como Varginha, está a 20 km de distância de sua mineração e não faz parte da área que deve fiscalizar.

O Bahia Econômica apurou que estão nos planos da INB a retomada e ampliação da produção de urânio da mina de Caetité, para que ela esteja em condições de atender à demanda atual de Angra 1 e 2, avaliada em 400 toneladas de urânio por ano, e a de Angra 3, cuja entrada em operação comercial está prevista para dezembro de 2018.  Com informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
.............................................................................................................................................................................................................................................

Share:

Organização do PSB de Livramento, Rio de Contas e Dom Basílio





Ontem(23), o ex-prefeito de Brumado - Eduardo Vasconcelos e José Carlos Latinha - membro da Comissão Estadual de Organização do PSB visitaram as cidades de Livramento, Rio de Contas e Dom Basílio com o objetivo de tratar da organização do partido e debater o Projeto Partidário 2016.
Share:

DILMA PROMETE INVESTIR R$ 2,5 BILHÕES NA REVITALIZAÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

21/08 - 15h25m
Bahia Econômica


Em discurso durante cerimônia em que inaugurou a primeira Estação de Bombeamento (EBI-1) do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF), em Cabrobó (PE), a presidente Dilma Rousseff disse hoje (21) que vai investir R$ 2,5 bilhões na revitalização do Rio São Francisco.

Segundo ela, desse montante, R$ 1,7 bilhão já foi investido em obras como conservação de nascentes, tratamento de esgoto e combate a processos erosivos. "O Rio São Francisco tem de ter vida. Quero deixar explicitado esse compromisso com a preservação do Rio São Francisco", discursou.

A presidente afirmou que as obras na região tornarão possível a convivência com a seca. "Impedir a seca nós não podemos. Só Deus pode impedir que tenha ou não tenha chuva. O que nós podemos fazer e fizemos é armazenar água, trazer água de um lugar e colocar em outro. Nosso objetivo é ser capaz de conviver com a seca quando ela vier e manter praticamente a vida normal".

Dilma pontuou que a obra faz parte de um projeto de governo que quer reequilibrar um país e diminuir a desigualdade. "Nos esforçamos para desenvolver o Nordeste e Norte do País, tradicionalmente regiões que não eram olhadas, a que não se destinava recursos."
Share:

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog