dezembro 19, 2014

Governador visitará municípios do sudoeste baiano

BRUMADO NOTÍCIAS
18 Dez 2014 - 16h00
Governador visitará municípios do sudoeste baiano
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias
Na próxima sexta-feira (19), às 10h, o governador Jaques Wagner (PT) estará no município de Lagoa Real. Na cidade, o chefe do executivo estadual vai inaugurar os sistemas de abastecimento de água das localidades de Serapião e Brejo Grande, orçado em R$ 260 mil. A obra beneficiará os moradores da zona rural do município, que passarão a receber água de qualidade. Wagner também vai entregar na cidade um ônibus escolar e equipamentos de mecanização agrícola para a Associação dos Produtores Rurais da Comunidade de Cercado, além de um trator com implementos agrícolas, orçado em R$ 240 mil. Às 11h30, o governador estará no município de Riacho de Santana, onde entrega aos agricultores locais um trator com implementos agrícolas. Às 13h, Wagner visita a cidade de Sebastião Laranjeiras. Na localidade, ele vai inaugurar a restauração e pavimentação de 54 km da BA-263, trecho entre os municípios de Palmas de Monte Alto e Sebastião Laranjeiras. O investimento total é de R$ 18.447 milhões.

Homenagem ao Professor Celito Brito!


O Professor Celito Brito teve uma participação importante no Projeto de Resgate da Marujada - Fundação Joaquim Dias Guimarães. A educação e a cultura de Guanambi perde um militante ativo. Descanse em PAZ amigo!


Eleição para a diretoria do STR de Palmas de Monte Alto

ABÍLIO - PRESIDENTE.
DIA 20.12 (Sábado)
VOTE CHAPA 2
EXPERIÊNCIA COM RENOVAÇÃO E LUTA!


Porto Sul se encontra em meio a uma crise internacional

Bahia Notícias

por Ricardo Luzbel / Luiz Fernando Teixeira
Porto Sul se encontra em meio a uma crise internacional
Foto: Reprodução / Ibama
A construção do complexo Porto Sul no distrito de Aritaguá, em Ilhéus, no sul baiano, se encontra em meio a uma crise internacional que pode suplantar a investigação realizada pelos Ministérios Públicos Federal (MPF) e do Estado da Bahia (MPE). O indiano Pramod Agarwal, proprietário da mineradora suíça Zamin Ferrous, administradora da Bahia Mineração (empresa responsável pelo Porto Sul), vendeu o investimento para a empresa ENRC, do Cazaquistão, por US$ 1,4 bilhão. Porém, os compradores exigiram que o empreendimento tivesse a Licença de Implantação do Ibama para pagar a última parte da transação, de cerca de US$ 220 milhões. Apesar do governador Jaques Wagner (PT) ter conseguido a autorização em tempo hábil, a ENRC não quitou o valor restante devido. Isso teria acontecido porque o preço da tonelada do minério de ferro despencou de US$ 140 para US$ 70 – a metade do preço – e a cotação da empresa na bolsa de valores caiu de US$ 30 bilhões para apenas US$ 9 bilhões, com passivo de US$ 8 bilhões. Dessa forma, para eles não seria mais comercialmente interessante o pagamento dos US$ 220 milhões. Então a ENRC entrou com uma ação na Corte Arbitral Holandesa, onde o contrato foi celebrado, questionando a licença que foi concedida pelo Ibama para não ter que desembolsar o dinheiro. Em contrapartida, a Zamin argumentou que a empresa cazaque faliu. O porto iria ser construído originalmente em Itacaré, mas o empresário Roberto Marinho, dono de uma casa na região, fez pressão para que a construção fosse 50 km distante. Com a construção avaliada em US$ 3 bilhões, o Porto Sul se encontra em meio a um impasse internacional, além do questionamento dos ministérios que pode trazer prejuízos para o desenvolvimento da Bahia. A Ferrovia Oeste-Leste (Fiol) também pode ser prejudicada por conta do imbróglio. 

dezembro 18, 2014

Execução judicial de TAC não suspendeu licença de implantação do Porto Sul

Quinta, 18 de Dezembro de 2014 - 12:20

Bahia Notícias

Execução judicial de TAC não suspendeu licença de implantação do Porto Sul
Foto: Divulgação
execução judicial de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para a suspensão da licença de implantação do Porto Sul, em Ilhéus, pedida pelo Ministério Público Federal (MPF) em Ilhéus e pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), não cancelou os efeitos da licença, de acordo com a Casa Civil do governo do Estado. “A Casa Civil do Governo da Bahia, órgão responsável por coordenar o monitoramento do projeto Porto Sul, esclarece que a decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) foi de manter o TAC, sem qualquer efeito de cancelamento ou de suspensão da licença de instalação concedida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Assim, permanece autorizada construção do empreendimento, localizado no município de Ilhéus”, diz o comunicado da pasta. A Casa Civil ainda acrescentou que “os trabalhos voltados à consolidação do projeto Porto Sul encontram-se em andamento, dentro da normalidade, e sem impedimentos legais”.

NOITE DE CHUVA INTENSA EM GUANAMBI




Durante toda a noite desta quarta-feira e madrugada de quinta-feira as chuvas caíram com intensidade em toda Guanambi e de acordo noticias, em toda a região. 

Ceraíma teve precipitação de até 120 mm, e um aumento dois metros e dez centímetros no volume de água da barragem.
Ainda segundo as ultimas informações, tem entrado um volume muito grande de água, que arrastou alguns animais que estavam em pastagens na vazante, causando estragos também em algumas plantações.
Aqui no perímetro urbano, nas proximidades da Feira Livre, o Rio do Belém mostrando sua força, estrangulado pelas construções de suas margens, corre ameaçador causando muita apreensão, ante o quadro chuvoso que hora é desenhado.

Deputados baianos receberão R$ 25 mil a partir de 2015

BAHIA Política Livre

Foto: Reprodução
O aumento salarial para ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), para o Procurador-Geral da República e para deputados e senadores a partir de 2015 vai incidir nos contracheques dos 63 deputados estaduais eleitos para a nova legislatura. O salário dos parlamentares baianos passará dos atuais R$ 20.042,44 para R$ 25.322,5.Com isso, o custeio da Assembleia Legislativa da Bahia terá um impacto de mais de R$ 4,324 milhões por ano – despesa que será negociada com o governador eleito Rui Costa (PT) antes de a lei orçamentária para 2015, em tramitação na Casa, ser votada na próxima segunda-feira. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo (PDT), informou que o projeto propondo o reajuste do salário dos deputados também será colocado em votação segunda. Questionado se o orçamento previsto para o Legislativo em 2015, de 453,11 milhões (2,1% maior do que o deste ano), tem como contemplar esse aumento, Nilo afirmou: “Vou conversar com o governador (Rui Costa) para ver se é possível um aporte de R$ 4 milhões no nosso orçamento”, informou Nilo. “Tudo será negociado”. Nilo disse que “torceu” para que não tivesse o aumento. “O salário do parlamentar está em bom patamar, mas sou obrigado a reajustar, a regra tem efeito cascata sobre os demais poderes”, justificou , lembrando que o último reajuste foi há quatro anos, agora corrigido pela inflação calculada pelo IPCA no período. Informações do jornal A Tarde.