Senadora Lídice da Mata apoia greve geral de trabalhadores contra reformas

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) anunciou no plenário do Senado que participará, ao lado do povo, da greve geral anunciada para esta sexta-feira

DIA 28 - GUANAMBI VAI PARAR !

Hoje (27), às 8:20, na Rádio Cidade 104.9, a Comissão Organizadora da Greve Geral em Guanambi, representada pela Presidente do SISPUMUR - Vilma Moura, em entrevista ao Programa Val Rodrigues fez um balanço das mobilizações do movimento sindical de Guanambi e Região rumo à GREVE GERAL do DIA 28 - GUANAMBI VAI PARAR.

DESCOBERTA DE OURO EM IRAMAIA PROMETE RETOMAR CICLO DA MINERAÇÃO NA BAHIA

Cinco alvos promissores para exploração de ouro foram descobertas em Iramaia, na região de Jequié, que prometem reaquecer o mercado do ouro baiano e a economia da região.ivo

Conheça o Por do Sol mais bonito de Guanambi

No dia (25), a TV Latinha foi percorrer e conhecer as lagoas da saída de Palmas de Monte Alto - BR-030, que ficam localizadas nas proximidades do Centro Industrial, da Pedra do Leão e do bairro Por do Sol.

Com nota 5 MEC aprova transformação da Faculdade Guanambi em Centro Universitário

A Faculdade Guanambi (FG) recebeu aprovação da Comissão do Ministério da Educação para ser transformada em Centro Universitário Guanambi.

maio 31, 2013

Caetité: Câmara de Vereadores realiza audiência pública para debater aumento da violência


Quinta, 30 de Maio de 2013  
Por uma iniciativa da Câmara de Vereadores,  foi realizada nesta quarta-feira (29/05), audiência pública para debater a problemática do real aumento da violência na cidade de Caetité. Diversas autoridades foram convidadas a participar da audiência. Prefeitura, Ministério Público, Poder Judiciário, Policia Civil, Policia Militar, Governo do Estado como também outras lideranças do município e região.

► CLICK AQUI E VEJA MAIS FOTOS DO EVENTO:


Resumidamente toda a situação da segurança pública de Caetité foi  relatada e debatida durante o encontro. Sabemos que é dever do Governo do Estado esta questão. Mas o que fica claro, é a necessidade  de uma ação conjunta, urgente e rápida para amenizar a situação. É triste para um cidadão de bem, ouvir das autoridades o verdadeiro estado da segurança pública na Bahia e no Brasil.  Ações devem ser  tomadas a curto, médio e longo prazo em Caetité, haja vista que a delegacia da cidade no momento esta interditada, (apesar de estar em obras de reforma executada pela Prefeitura), não existem policiais civis suficientes para a demanda, o delegado no momento é substituto e responde por três cidades (apesar da sua imensa boa vontade) e o  número de policiais militares ainda não é o bastante para a cidade. Diante disto, ainda encarramos um código penal  brasileiro antigo e defasado que hoje  literalmente “defende” o criminoso.

Além dos problemas, soluções imediatas e a longo prazo foram apresentadas na audiência:


►Instalação de câmeras em todo o centro da cidade, para conter a onda de assaltos. (Iniciativa privada).  
► Fortalecimento da Polícia Civil com admissão de novos funcionários para elucidação de crimes.
► Aumento do contingente da Policia Militar.
► Atuação da companhia Caesg na cidade.
► Campanhas de conscientização da população sobre uso de drogas.
► Convênio entre prefeitura e estado para manutenção da segurança pública.
Essas ações serão cobradas pelo poder legislativa, através de documento assinado pelos presentes. A sociedade caetiteense e toda a população espera uma resposta dos poderes, bem como a participação ativa da iniciativa privada que estão presente no município. Empresas que foram tão lembradas na audiência pela maioria dos oradores.


Chega desta conversa de projeto tal,  de patrocínio aqui. O que queremos é um investimento em qualidade de vida, investimento este, tão pequeno comparado a fortuna que as empresas explorarão da  cidade.   Aguardamos ansiosos a chegada de dias mais tranquilos! E que a audiência não fique apenas no papel e palavras.  (Caetité Notícias / Fotos: Tribuna Popular)

Guanambi: Visita do Vereador Latinha ao Loteamento Liberdade

Hoje (31), o Vereador José Carlos Latinha visitou o Loteamento Liberdade conforme solicitação dos moradores, que reivindicam do proprietário do loteamento, do Poder Público e da Embasa soluções imediatas para os problemas que atinge os moradores da área: instalação do sistema de água para as ruas B e C e o esgotamento sanitário, tendo em vista o córrego de esgoto sanitário que provoca problemas de saúde pública para a comunidade.


Guanambi: Obras da Unidade Básica de Saúde do Bairro Santo Antônio

Hoje (31), o Vereador José Carlos Latinha (PCdoB) visitou as obras da Unidade Básica de Saúde - UBS do bairro Santo Antônio, conforme solicitação dos moradores. As obras da unidade foram iniciadas em 27.09.2012 com um investimento de R$ 199.800,00 e deveria ser concluída em 27 de Março de 2011. O vereador assumiu o compromisso de realizar uma audiência com o Secretário de Saúde para saber o porque da paralisação das obras desta importante unidade de saúde.



Também o vereador visitou a Avenida Deolinda Martins e a Praça Benedito Primo (Praça do CETEP) no bairro Santo Antônio. Os moradores  estão circulando com um abaixo-assinado onde reivindicam a urbanização do canteiro central da Avenida Deolinda Martins com a criação de Academia de Rua, bem como a pavimentação da Praça do CETEP, conforme compromisso assumido no período eleitoral.


Parabéns Bruninha!



Sensibilidade e intuição na tela: O Solar dos Barros, a Lagoa da Espera e a Serra de Mutãs

O  artista plástico Paulo Sérgio Pereira Teixeira Júnior revela toda a sua sensibilidade na pintura do Solar dos Barros, a Lagoa da Espera e a Serra de Mutãs. A inspiração do trabalho de Paulo Pereira vem do gosto pela harmonia e pela observação  da natureza, o que é particularmente perceptível quando  a artista retrata esta linda paisagem com tinta e pincel. O quadro foi adquirido por Haroldo Barros, descendente da família Barros, e um lutador pela restauração deste importante prédio público que representa a história do distrito de Mutãs.



História do Solar dos Barros



Artigo: Altair Barros, Dauréia Barros e Haroldo Barros

O arraial da Lagoa da Espera, tem sua origem em uma fazenda de propriedade da família Rodrigues Lima de Caetité e, seu nome Lagoa da Espera, veio de seus primeiros habitantes constituídos de índios semi-civilizados que ali se instalaram a espera da caça e da pesca às margens da lagoa existente. Era também ponto de encontro de tropeiros que transportavam mercadorias naquela região.

Em 1911, o Sr. João Barros Lima e Silva, descendente dos proprietários da fazenda, nela chegou, trazendo consigo sua esposa Herculina Gomes de Brito Barros, natural de Ituaçu, e três dos seus onze filhos.

Com sua chegada, o pequenino povoado tomou novo impulso não só comercial como religioso.

Os encontros religiosos e as missas, eram feitos embaixo de um frondoso juazeiro, à porta da casa do Sr. João Barros, o qual liderou o desbravamento de uma parte da região, onde hoje, é o centro de Mutans bem como a construção de uma pequena capela de estilo colonial. Hoje, essa capela foi demolida e construída outra capela no local.

Em 1929, também ali chegou o Sr. Osvaldino José de Souza, natural de Brejinhos das Ametistas, distrito de Caetité, casando-se com a Sra. Maura Gomes de Barros, filha do referido João de Barros. Mais tarde, foi instalada a Agência dos Correios e Telégrafos, trazida por um político influente da região, o Sr. Joaquim Prates Rodrigues, tendo como agente postal, uma das suas cunhadas a Sra. Maura Gomes de Barros, que durante trinta anos foi funcionária dessa agência, sendo mais tarde transferida para a agência de Guanambi.

SOLAR DOS BARROS, assim chamado, foi construído no alvorecer dos anos sessenta, por seu primeiro proprietário o Sr. Osvaldino José de Souza que ali residiu com sua família composta de nove filhos, por muitos anos.

Mais tarde, foi vendida para o Sr.Sinfrônio da Silva Mendes e sucessivamente para outros donos, até chegar as mãos da Prefeitura Municipal de Guanambi, na gestão da Sra. Prefeita, Sizaltina Donato.

maio 30, 2013

Nove em dez cidades baianas estão com o 'nome sujo'


Bahia Notícias

A larga maioria dos municípios baianos está com o “nome sujo” no Cadastro Único de Convênios (Cauc) do governo federal, portanto, impossibilitada de firmar convênios com as administrações estadual e federal, assim como viabilizar financiamentos com instituições financeiras. Segundo reportagem do jornal A Tarde, 393 das 417 cidades do estado estão em tal situação, o que representa 95% dos municípios baianos. Logo, somente 24 municípios da Bahia encontram-se adimplentes e com a documentação em dia. Uma série de fatores é responsável pelo cenário. O principal problema não está no setor financeiro e sim no administrativo. Logo, a falta de prestação de contas por parte dos municípios desempenha papel muito mais relevante do que a escassez de recursos.

Criação da Universidade do Oeste da Bahia é aprovada no Senado

Portal Vermelho



O Senador Federal aprovou, na última terça-feira (28/5), o Projeto de Lei 2204/11, do Executivo, que cria a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), com sede no município de Barreiras. A proposta segue, agora, para a sanção da presidenta Dilma Rousseff.


A votação do projeto aconteceu direto no plenário do Senado, a partir de um pedido de urgência feito pelo senador Walter Pinheiro (PT-BA), que mobilizou a Casa em prol do projeto. Aprovado na Câmara dos Deputados, o texto chegou ao Senado no dia 17 de abril.

A sessão, que aconteceu durante a noite, foi acompanhada, de Salvador, pela deputada estadual Kelly Magalhães (PCdoB), representante da região Oeste na Assembleia Legislativa do Estado (AL-BA). A comunista, que atuou na defesa da criação da instituição, comemorou o resultado.

“É uma notícia muito positiva pra nós, uma vitória, e representa um avanço muito grande. Eu participei de todo esse processo e estou feliz por essa conquista. A ampliação da universidade vai, com certeza, transformar a região e consolida o desenvolvimento do Oeste”, afirmou Kelly.

Com a sanção presidencial, a instituição se desmembra da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e terá quatro campi nos municípios de Bom Jesus da Lapa, Santa Maria da Vitória, Barra e Luís Eduardo Magalhães. Serão oferecidos 35 cursos de graduação a, aproximadamente, 8 mil estudantes da região.

Para criação da UFOB, serão necessários 765 novos cargos públicos efetivos, além de outros postos de direção e funções gratificadas, que terão um impacto orçamentário estimado em R$ 9,67 milhões no exercício de 2013.

A previsão do senador Pinheiro é de que as atividades da nova universidade iniciem já no próximo ano.


De Salvador,
Erikson Walla


maio 28, 2013

Álvaro destaca universidades estaduais


Deputado conduziu audiência pública na Alba

DO BAHIA TODO DIA | 28/05/13| 17h39

Uma audiência pública realizada nesta terça (28) na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) debateu a autonomia e o financiamento das universidades estaduais baianas. O evento realizado pela Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviços Públicos envolver professores, estudantes, técnicos administrativos e deputados.

O presidente do Colegiado, deputado Álvaro Gomes (PCdoB), abriu o evento esclarecendo o objetivo da audiência. “A intenção é aprofundarmos o debate sobre qual a melhor lei para garantir, de fato, a autonomia das universidades e o financiamento que assegure uma educação de nível superior com maior qualidade”, afirmou.

Gomes destacou o papel das instituições para o desenvolvimento do Estado e a importância da assistência estudantil. “Temos realizado debates temáticos e convidado os secretários das pastas relativas à comissão. O Legislativo tem que dar sua contribuição ouvindo a sociedade e encaminhando suas demandas junto aos poderes públicos”, ressaltou.

Representando o Fórum de Reitores, a reitora da Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz), Adélia Pinheiro, reiterou que o fórum tem a autonomia como um valor essencial das universidades públicas. “Somos responsáveis pela definição de caminhos a partir das demandas da sociedade. Mas, não existe autonomia sem financiamento e o orçamento atual é insuficiente para garantir educação de qualidade em instituições responsáveis por 54% das matrículas públicas de graduação na Bahia e estão presentes em 22 dos 26 territórios de identidade”, declarou.

A professora Zózima Almeida, do Movimento dos Docentes, denunciou que os sucessivos governos descumprem a Constituição Federal no que se refere à autonomia. “O conhecimento e a educação tem sido tratados como mercadorias, onde interesses privados estão se sobrepondo aos interesses públicos, num processo de privatização através das PPPs (Parcerias Público-Privada)”, denunciou, lembrando que o governador Jaques Wagner prometeu rever a lei instituída no governo Paulo Souto, que fere a autonomia das universidades.

PLANO ESTADUAL

O representante do Conselho Estadual de Educação, professor Sérgio Guerra, ressaltou a importância da Assembleia Legislativa em formular políticas e não apenas homologar os atos do Executivo. “Os deputados precisam pensar na construção do Plano Estadual de Educação, levando em conta as necessidades da sociedade e da educação superior na Bahia”, defendeu.

Falando em nome do Andes (Sindicato Nacional dos Docentes do Ensino Superior), Jean Santana afirmou que o projeto de lei que trata o assunto não foi debatido com os professores e alunos. “O governo petista repetiu práticas carlistas e traiu a classe. Chegou ao poder e abandonou bandeiras históricas dos movimentos sociais. Aliás, não há muita diferença entre os estados. Os governadores têm colocado o financiamento da educação para a iniciativa privada”, denunciou.

UVERMIG: CD DE QUALIFICAÇÃO DO VEREADOR

Nova diretoria da UVERMIG.
A Diretoria da UVERMIG - União dos Vereadores da Microrregião de Guanambi está enviando para os(as) vereadores(as) um CD que contém 9 publicações de grande importância para a orientação dos trabalhos legislativos das 20 câmaras municipais da região, envolvendo diversos temas: LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias, As funções dos Vereadores, Funcionamento do Poder Legislativo, Manual do Vereador - INTERLEGIS, Catalogo dos Programas Federais, Vereador e a Fiscalização - CGU, Dicionário do Vereador, Lei Geral da MPE, entre outros temas. Este CD destina-se a auxiliar os vereadores que não dispõem de assessoria técnica para o pleno desenvolvimento de suas atividades. 


PRESTAÇÃO DE CONTAS DA UVERMIG - GESTÃO 2009/2011


Ascom da UVERMIG

INAUGURAÇÃO DE SEDE DO CORPO DE BOMBEIROS EM BARREIRAS


Caetité: Câmara convida população para participar de audiência sobre segurança pública



Foto: Google
A Câmara de Vereadores de Caetité está convidando a população para comparecer à Casa Legislativa nesta quarta-feira (24), ocasião em que ocorrerá uma Audiência Pública que debaterá a segurança pública no município. A audiência está marcada para às 9 horas.

Território do Sertão Produtivo ganha Centro Público de Economia Solidária



A realização de uma feira marcou a inauguração, nesta segunda-feira (27), do Centro Público de Economia Solidária (Cesol) – Território do Sertão Produtivo, em Guanambi, distante 800 quilômetros de Salvador. Composta por empreendimentos solidários, os estandes foram montados no pátio do imóvel onde funciona o Cesol.

Presente à feira, a Associação de Artesãos de Guanambi é um dos empreendimentos que já vêm recebendo o apoio do Cesol.  “Recebemos a assessoria jurídica do Cesol, agora já podemos vender nossos produtos de forma mais ágil e segura”, comemora a presidente da Associação, Ana Fiúza Caires, que espera, com o apoio do equipamento público, “vencer um grande gargalo dos artesãos, que é o escoamento da produção”.

Para o secretário Nilton Vasconcelos, presente à inauguração, “o Cesol vai ser o ponto central para que se possa convergir as ações e políticas públicas para o segmento de economia solidária na região”.

Também participaram da solenidade de inauguração, o prefeito de Guanambi, Charles Fernandes; o deputado federal, Daniel Almeida, a deputada estadual, Ivana Bastos; osuperintendente de Economia Solidária da Bahia, Milton Barbosa; o coordenador do eixo urbano do Programa Vida Melhor pela Casa Civil do Estado, André Santana, dentre outras autoridades da região.

Sexto Centro Público de Economia Solidária inaugurado em 2013, o Cesol - Sertão Produtivo é gestado pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável Baiano - IDSB, uma organização social selecionada através do Edital 09/2012, lançado pela Setre.

O Cesol oferecerá microcrédito, capacitação, orientação jurídica, administrativa, contábil e financeira, além de espaço para divulgação e comercialização dos produtos. Serão disponibilizados também serviços de assistência técnica; transferência de equipamentos e insumos produtivos, além de apoio à incubação de empresas e projetos que se enquadram no universo da economia solidária.

Além de Guanambi, o Cesol do Sertão Produtivo atenderá a mais 18 municípios do Território de Identidade do Sertão Produtivo: Brumado, Caculé, Caetité, Candiba, Contendas do Sincorá, Dom Basílio, Ibiassucê, Ituaçu, Iuiú, Lagoa Real, Livramento de Nossa Senhora, Malhada de Pedras, Palmas de Monte Alto, Pindaí, Rio do Antônio, Sebastião Laranjeiras, Tanhaçu e Urandi.

Bancos desrespeitam lei dos 15 minutos


Tribuna da Bahia
Foto: SXC/Creative Commons
52 minutos foi o maior tempo de espera para atendimento encontrado pelos fiscais do Procon-BA, órgão da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH), durante a “Operação Fila de Bancos”, realizada ao longo da semana passada. O balanço final foi divulgado nesta segunda-feira (27), na sede da SJCDH.
A ação foi feita para apurar se as instituições bancárias estão respeitando a lei municipal nº 5.978 de 2001, que estipula o prazo máximo de 15 minutos para que o consumidor seja atendido, em dias normais. A operação foi dividida em quatro fases, e resultou na autuação de oito dos 34 estabelecimentos visitados.
Os estabelecimentos que apresentaram irregularidades foram: Caixa Econômica Federal (Canela, Shopping Barra e Largo do Tanque), Bradesco (Rio Vermelho, Centro Empresarial  Iguatemi), Itaú Unibanco (Imbuí), HSBC (Avenida Sete), Banco do Brasil (Salvador Shopping). Além de descumprirem a lei dos 15 minutos, alguns estabelecimentos não possuíam a máquina de distribuição das senhas que comprovam o momento da chegada do consumidor à agência.
Segundo o Superintendente do órgão, Ricardo Maurício Freire Soares, os consumidores devem ficar atentos sempre o tempo de atendimento e, caso os estabelecimentos ultrapassem o prazo estipulado pela lei, em dias normais, a população poderá denunciar a prática ao Procon. O contato é denuncia.procon @sjcdh.ba.gov.br. 
Últi

Enem bate recorde de inscrições


7,1 milhões se inscreveram para o exame

BAHIA TODO DIA | 28/05/2013 | 10h44

O Ministério da Educação encerrou na noite desta segunda (28) as inscrições para o Exame Nacional de Cursos (Enem) de 2013. Foi registrado um recorde de 7.105.903 inscritos até 19h45, o maior da história, segundo o balanço do MEC. 

A correria do último dia provocou lentidão no sistema e muitos estudantes que tentaram se inscrever reclamaram. O próprio site ficou fora do ar por 15 minutos. 

Os inscritos devem ficar atentos para o prazo de pagamento da taxa de inscrição de R$ 35,00, que vai até quarta (29). O pagamento deve ser efetuado somente no Banco do Brasil, por meio da GRU Simples (Guia de Recolhimento da União). Só com o pagamento, a inscrição do candidato estará confirmada. 

Bahia pode ter mais 50 cidades caso Câmara aprove projeto de petebista


Bahia Notícias



Com atualmente 417 municípios, a Bahia pode ganhar mais 50 cidades, caso seja aprovado na Câmara Federal um projeto de lei complementar que devolve às assembleias legislativas o poder de criar municípios. De autoria do deputado José Augusto Maia (PTB-PE), a proposta deve ser votada no próximo dia 4 de junho. Se a matéria tiver o apoio da maioria na Câmara Federal, o deputado estadual João Bonfim (PDT) poderá tentar a aprovação do seu Projeto de Lei Complementar 100/2011, referente a critérios para a formação de novas cidades. Presidente da Comissão de Assuntos Territoriais da Assembleia baiana, o pedetista defende que, na maior parte dos casos, os distritos que desejam o status de municípios recebem pouca assistência. Na Bahia, cerca de 50 distritos desejam a mudança.

Coluna A Tarde: Enigma baiano decifrado


Bahia Notícias

O governador Jaques Wagner seguramente já conhecia o pensamento do prefeito ACM Neto a respeito da sucessão nacional e baiana do próximo ano. Mas não negou a si próprio uma risada de orelha a orelha, como se costuma dizer, quando lhe foi dito que, em entrevista semanal ao site “Bahia Notícias”, o prefeito abriu o jogo. Ele nega o que muitos imaginavam ser possível: disputar o governo do Estado abrindo uma campanha no primeiro semestre de 2014. Se o fizesse, deixaria os seus eleitores de Salvador órfãos da esperança que nele depositaram. Em segundo, e tão importante quanto à revelação anterior, Neto afirmou que nada é impossível em termos de sucessão presidencial. Inclusive oferecer apoio a Dilma Rousseff, acompanhando-a em seu palanque em Salvador. Clique aqui para ler na íntegra a coluna de Samuel Celestino publicada no jornal A Tarde desta terça-feira (28).

Polemica em Guanambi: Precariedade na Biblioteca Municipal de Guanambi

Biblioteca Municipal de Guanambi

A Biblioteca Municipal de Guanambi já passou por três mudanças, de mal a pior a biblioteca foi mudando.

Abaixo algumas fotos das mudanças:

1° Biblioteca 
Uma ótima localização.

2° Biblioteca 
Uma biblioteca maior e também com uma ótima localização, banheiros masculinos e femininos, 
computadores e cantina.

3° Biblioteca

Biblioteca atual.

Pouco espaço, sem ventilação, má localização, sem luminosidade, banheiro não funciona.



PARA ONDE FOI O DINHEIRO DA VENDA DA 1° BIBLIOTECA ?
POIS NÃO TEVE RETORNO.
Prefeito Charles Fernandes por favor resolva esse problema.

ASS: alguns alunos                     

Fonte: Polemica Guanambi





Ultima Postagem

SEM VOTO E REJEITADO POR 92%, TEMER PODE TER A MAIOR GREVE DA HISTÓRIA

Protagonista do capítulo mais vergonhoso da história do País, Michel Temer, que chegou ao poder por meio de uma conspiração de político...