MÚSICA: Josy Lélis

Nascida em Juazeiro-Ba, desde muito cedo atenta a tudo o que ocorre à sua volta, brota-lhe no íntimo a inevitável e forte inclinação a uma das mais belas expressões de arte: a música.

Guanambi: Espetáculo teatral com Matheus Boa Sorte acontece nos dias 05 e 06 de Agosto

Nos próximos dias 05 e 06 de Agosto, no Centro Cultural de Guanambi, o comunicador Matheus Boa Sorte, apresentador do Dendê na Mochila da TV Aratu/SBT e repórter do SBT Notícias para todo o Brasil, faz a estreia do "Sonhar não paga imposto".nião.

IV FÓRUM MUNICIPAL DE CULTURA DE GUANAMBI

Nos dias 28 e 29, na Câmara de Vereadores de Guanambi, aconteceu o IV Fórum Municipal de Cultura com a participação de ativistas das diversas áreas culturais de Guanambi. O tema central do fórum foi a Gestão Compartilhada e Participativa.

UMA VIAGEM NO TEMPO E NA HISTÓRIA DE CARINHANHA

No dia 27 de Julho de 2017, acompanhado de minha prima Claudete Lélis e Roberto Fernandes, fizemos uma viagem histórica à cidade de Carinhanha com o objetivo inicial de continuar o trabalho de resgata da memória da família de Belizária Leão Lélis (Vó Beli) e identificar o túmulo de Adalgísio de Castro Lélis.

Conselho da Cidade aprova regulamentação para implantação de loteamentos, condomínios e chácaras em Guanambi

Ontem (1), às 17 horas, na Prefeitura Municipal de Guanambi, aconteceu a reunião ordinária do Conselho da Cidade de Guanambi com o objetivo de debater e votar a proposta de revisão da Lei Municipal nº 706/2012, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano.

31 de mar de 2009

UNEB



UNEB: ALUNOS DESOCUPAM A REITORIA

Após receberem uma promessa do governo de que haverá reuniões semanais para discutir com os estudantes sobre a necessidade da contratação de novos docentes para a Universidade do Estado da Bahia (Uneb), os manifestantes que ocupavam a reitoria da escola superior decidiram deixar as dependências do local. A saída da reitoria será confirmada com um ato simbólico chamado pelos estudantes de “Lavagem da Reitoria” às 17h desta terça (31). De acordo com documento oficial da Secretaria Estadual de Educação enviado aos estudantes, o governo e as representações estudantis se reunirão toda semana com a Comissão de Educação da Assembléia Legislativa da Bahia para discutir o problema da falta de professores nos campi do interior. Os alunos retornarão às suas unidades, mas a movimentação e paralisação dos campi de Valença, Caetité, Brumado, Guanabi e Bom Jesus da Lapa permanecerão. De acordo com os alunos, há a possibilidade das unidades da Uneb em Alagoinhas e Santo Antônio de Jesus aderirem ao movimento na semana que vem para reforçar as cobranças ao governo. Caso o compromisso não seja cumprido, os manifestantes ameaçam impedir o início das aulas do semestre.

30 de mar de 2009

PESQUISA

CNT/Sensus: 50,1% dos eleitores dizem votar em candidato de Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva manteve o seu poder de transferência de votos à ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) na corrida pelo Palácio do Planalto apesar da queda de sua popularidade em março deste ano, como revela pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta segunda-feira. Segundo a pesquisa, 50,1% dos eleitores brasileiros votariam no candidato apoiado por Lula na sua sucessão. Em dezembro de 2008, o percentual era de 44,5%.

MÍDIA

Mídia retrata a grande confusão ideológica nos EUA diante da crise

Uma edição de fevereiro deste ano da revista Newsweek – semanário americano que foi a matriz editorial da revista brasileira Veja – traz a referência mais nítida da tremenda confusão ideológica que se estabeleceu nos Estados Unidos desde as eleições presidenciais de novembro do ano passado.

por Pedro de Oliveira

Newsweek e Veja: o mesmo espanto diante da crise

A edição cuja capa é reproduzida acima tem a seguinte manchete: We are all socialists now (Agora somos todos socialistas!). A linha fina que vem logo embaixo do título diz o seguinte: “The perils and promise of the new era of big government” (Os perigos e as promessas da nova era do Grande Estado), e que foi logo imitada pela sua “cópia” brasileira, a revista Veja que, na edição de 18 de março de 2009 trouxe uma capa onde a imagem do presidente Barack Obama imita uma pose do dirigente russo Vladimir Lênin em um quadro típico do realismo socialista, e a manchete diz “Camarada Obama”, tendo ao fundo uma foice e martelo numa bandeira vermelha.

Na Newsweek o texto que procura dar sustentação à reportagem de capa analisa os últimos acontecimentos e as medidas tomadas pelo governo de Barack Obama contra a crise econômica e financeira que teve origem no sistema de créditos podres nos EUA.

“Queiramos ou não, a América de 2009 está se transformando em um moderno estado europeu”, diz, explicando que os EUA continua sendo “uma nação de centro-direita de muitas maneiras, particularmente na esfera cultural (...) – mas objetivamente nacionalizamos boa parte do sistema bancário e da indústria de imóveis residenciais – o que é um sinal fortíssimo de socialismo...”
A revista britânica The Economist, em agosto de 2007, já havia estampado uma manchete interrogativa: “Será que a América está dando uma guinada à esquerda?”. Naquela edição o editorial da Economist acusava o então presidente George W. Bush de responsável por uma possível vitória democrata nas eleições que viriam a acontecer em novembro de 2008. E com os democratas, mesmo que a eleição sinalizasse à esquerda, continuaria a ser uma força eminentemente conservadora, principalmente em termos de política externa.

Os líderes do Partido Republicano desorientados pelas medidas reformistas de Barack Obama – e pela profundidade de algumas delas – tornou-se incapaz de oferecer uma resposta eficaz e de apresentar uma liderança conservadora que pudesse se apresentar como oposição ao atual Governo dos Estados Unidos.
Um radialista americano de extrema direita, ouvido diariamente por um público formado por mais de 13 milhões de ouvintes, Rush Limbaugh, participou ativamente da última Conferência de Ação Política Conservadora, ocorrida em Washington no começo de março, e sintetizou suas preocupações torcendo pelo fracasso do governo Barack Obama. “Claro, quero que fracasse”, sustentou. “Como não iria querer que fracasse uma política que pretende acabar com o capitalismo e com a liberdade, as idéias que sustentam a América?!”.
“Lênin e Stalin estariam felizes com o que está acontecendo”, declarou durante a reunião o ex-candidato a presidente conservador Mike Huckabee. Já o senador Jim Demint, referindo-se a um pronunciamento de Obama no Congresso, disse que “no começo da semana escutei o melhor vendedor de socialismo do mundo dirigindo-se à Nação”...
Ou seja, a confusão é grande! O fato é que a política imaginada por Barack Obama em seu início de governo, de tornar sua gestão uma administração bipartidária, foi por água a baixo. Segundo um editorial do insuspeito Wall Street Journal, o diário ligado à alta finança dos EUA, o que o presidente almeja mesmo não é apenas ganhar alguns votos de republicanos para aplicar sua política para conter a crise econômica: “O que ele quer é mover a política norte-americana para a esquerda”.
O texto se refere também ao período da presidência de Ronald Reagan – como se fosse o antípoda de Obama -- argumentado que naquela época o ex-ator de cinema havia capitaneado uma virada à direita. Foi o que se viu nos dois governos de Bush, quando os EUA conheceram a aplicação em toda a linha do que ficou conhecido como ultradireita. Agora, quando a orientação do governo democrata tenta voltar-se para o centro, os direitistas de todos os matizes procuram rotulá-lo de “esquerda”, de “socialista”, quando se sabe que os EUA são ainda a fonte maior de capitalismo no mundo e de sua expressão mais acabada que é o imperialismo.

Pedro de Oliveira é jornalista, membro do Comitê Central do PCdoB
Fonte: Portal Vermelho

MOBILIZAÇÃO


Centrais realizam atos em defesa do emprego e de direitos trabalhistas

Nesta segunda-feira (30), todas as centrais sindicais, em conjunto com os movimentos sindical, social e estudantil, realizam uma mobilização nacional contra a crise e as demissões, convocada pelas organizações sindicais internacionais. A manifestação ocorrerá em vários estados.
Fonte: PT Nacional

ENCONTRO REGIONAL DO PCdoB DA SERRA GERAL





Nos dias 27 e 28/03, foi realizado um seminário regional de planejamento do mandato deputado federal Daniel Almeida (PCdoB), na cidade de Caetité, na Serra Geral. O evento contou com as presenças de prefeitos, vices, vereadores, lideranças políticas e caravanas de mais de 15 cidades da região.

O ponto alto da programação aconteceu na sexta-feira(27) no auditório do campus da UNE, com uma palestra, aberta ao público de mais de 300 participantes que debateu sobre o tema “A Crise Financeira Mundial e seus Reflexos nos Municípios”, com a presença do deputado Daniel Almeida; do Secretário de Trabalho, do governo da Bahia, Nilton Vasconcelos; do representante da SESAB, Dr. Alfredo Boa Sorte Júnior; dos Prefeitos de Urandi, José Cardoso, de Caetité, Zé Barreiras e de Palmas de Monte Alto, Manoel Rubens; do representante da Agência Nacional do Petróleo - ANP/Nordeste, Francisco Nelson; do Diretor Financeiro da CAR, Emilson Piaú; da Presidente do PMDB de Guanambi, Ivana Bastos; do ex-Prefeito de Igaporã, Deusdete Fagundes; do Diretor da 30ª Dires, Dr. Edson Luis Lélis; de diversas lideranças políticas e sindicais, vereadores; e dos líderes estudantis da UNEB.

Na oportunidade, os estudantes da UNEB, que lutam por melhoria da qualidade da educação superior Na Bahia, usaram da palavra e reivindicaram das lideranças políticas o apoio e a intervenção no processo de negociação com o governo estadual.
Na manhã do sábado(28) o evento aconteceu no plenário da Câmara Municipal de Caetité onde foi feita uma avaliação da participação do PCdoB na gestão do Governo Wagner, bem como foi feita uma prestação de contas dos dois últimos anos do mandato do Deputado Daniel.

No sábado o parlamentar e o secretário visitam os municípios de Urandi, Matina e Guanambi. No domingo o deputado visitou a cidades de Rio do Pires e Correntina, onde aconteceram encontros com lideranças políticas e inaugurações de obras públicas.

Durante a viagem na Serra Geral, o deputado Daniel prestou contas sobre sua atuação na Câmara Federal e junto aos governos estadual e federal. O parlamentar é uma das lideranças mais reconhecidas em defesa da região. Seu escritório político em Salvador recebe semanalmente lideranças políticas, prefeitos e vereadores em busca de soluções para demandas dos municípios.
Daniel Almeida é autor de 30 emendas ao orçamento da União, para investimentos em infra-estrutura, esporte, saúde, e agricultura nas cidades da Serra Geral, somando um total de mais de R$ 3 milhões. Entre os municípios que beneficiados estão Guanambi, Caetité, Palmas do Monte Alto, Matina e Urandi.

O evento foi coordenado pela Vice-Prefeita de Caetité (PCdoB), Dra. Fátima, e pelo Assessor do Deputado, Paulo Costa.
Fonte: Assessoria do Deputado e do Vereador Latinha
Fotos: Karlo Dias

27 de mar de 2009

FESTA DE SÃO JOÃO NO INTERIOR




A Secretaria de Turismo busca projetos para a realização da festa de São João em todo o interior do estado. A iniciativa procura também estabelecer uma relação mais estreita com as manifestações ligadas à pasta estadual no restante do estado. Para isto, a Setur convoca prefeitos de toda a Bahia a elaborar projetos de festejos e entrega-los na sede do órgão, na Av. Tancredo Neves, em Salvador. Os interessados também devem deixar uma cópia da solicitação na Secretaria de Relações Institucionais (Serin), em nome do secretário Rui Costa. O prazo final para o envio dos projetos é 13 de abril.

CONVITE DO PCdoB


FERROVIA LESTE/OESTE





BA e Valec definem cronograma da Oeste-Leste

O cronograma de execução das obras da Ferrovia da Integração Oeste-Leste, que vai ligar os municípios de Luís Eduardo Magalhães/Figueirópolis, na região oeste, a Ilhéus, no litoral, foi definido em reunião na Governadoria. As obras começarão em junho de 2009.

No encontro entre representantes do Governo do Estado e da empresa federal Valec, responsável pela construção de ferrovias, também foi definido o lançamento, até o final deste ano, do edital de subconcessão da ferrovia na Bolsa de Valores de São Paulo, prevendo condições para exploração de trechos pela iniciativa privada.

A previsão é de que o primeiro trecho Ilhéus-Caetité seja concluído em julho de 2011. Já o término do trecho Caetité-Barreiras/São Desidério está previsto para julho de 2012. O trecho de Barreiras/São Desidério até Figueirópolis, no estado do Tocantins, deve ficar pronto em dezembro de 2012.

O investimento previsto é de, aproximadamente, R$ 6 bilhões para construir a ferrovia que terá extensão de 1.500 quilômetros – sendo que em solo baiano são 1.100 quilômetros. O objetivo é promover o escoamento das cargas do centro-oeste brasileiro e baiano (grande produtor agrícola e mineral), oferecendo um complexo logístico que também será complementado por ligações rodoviária e hidroviária, conforme prevê o projeto estadual de desenvolvimento da infra-estrutura de transportes.
Até a definição do cronograma, a Valec, com o apoio da equipe do governo estadual, já havia lançado o edital para a consultoria em projetos para a ferrovia e finalizado o levantamento aerofotogramétrico da área, dando andamento ao projeto. “Todas as ações vêm sendo feitas e definidas em parceria e em perfeita sintonia entre os governos estadual e federal”, afirmou Eracy Pereira, coordenador-executivo da Casa Civil do Governo da Bahia, que participou da reunião.
Participaram também da reunião, presidida pela secretária da Casa Civil da Bahia, Eva Chiavon, o presidente da Valec (empresa federal responsável pela construção de ferrovias), José das Neves- o “Juquinha”, além dos secretários de estado das pastas que estão acompanhando o andamento das obras pelo governo estadual. São elas: secretarias de Infra-estrutura (Seinfra), Indústria, Comércio e Mineração (Sicm), Planejamento (Seplan) e Meio Ambiente (Sema).
Uma das bandeiras de mobilização do governo baiano na busca de soluções de logística para o desenvolvimento, a Ferrovia da Integração Oeste-Leste faz parte do Plano Nacional de Viação. A proposta é fazer com que o estado seja integrado à malha ferroviária nacional em direção à Ferrovia Norte-Sul, promovendo também a integração regional entre Brasília, Goiás, Tocantins, Bahia, Sul do Piauí e rotas marítimas do Oceano Atlântico.
Entre as vantagens previstas para a Bahia estão a redução de custos sociais e privados dos transporte de insumos e produtos, o aumento da competitividade dos produtos do agronegócio com possibilidade de implantação de novos pólos agroindustriais, dinamização das economias locais, alavancando novos empreendimentos na região, aumento da arrecadação de impostos, conexão com a malha ferroviária nacional, além de geração de empregos.
A ferrovia deve fomentar ainda mais o desenvolvimento agrícola da região oeste do estado, cuja previsão é de uma produção de 6,7 milhões de toneladas em 2015. Os principais produtos a serem transportados são soja, farelo de soja e milho, além de fertilizantes, combustíveis e minério de ferro.

Fonte: Valec - Ministério dos Transportes

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA


Foto: Agecom
Governador afirma que não é "bravata"

WAGNER DIZ QUE PONTE SERÁ CONSTRUÍDA
O governador Jaques Wagner, que está em Washington, comentou nesta quinta-feira (26), em áudio cedido pela Agência Estadual de Comunicação (Agecom), as críticas em relação ao anúncio da construção da ponte Salvador-Itaparica. Para o líder baiano não há motivos para o ceticismo da oposição, que considerou o projeto eleitoreiro. “Eu não sou de fazer bravata, de bater bumbo e nem enganar a população. Alguns são céticos porque não tem vontade de ver a Bahia crescer, outros porque se mantém naquela postura de fazer oposição a qualquer preço e querem que esse preço seja o de prejudicar o futuro do nosso estado”, rebateu. De acordo com Wagner, o presidente Lula já estava ciente da pretensão do governo em realizar a obra desde agosto. “Existiam dois projetos já desenvolvidos que seriam entregues, mas o presidente pediu que eu lhe falasse publicamente”, esclareceu. O governador destacou a importância da ligação de 13 km com a Ilha para aproximar o sul baiano e o sudeste brasileiro, além de gerar desenvolvimento na Bahia. Segundo ele, a ponte levará mais do que três anos para ficar pronta e será realizada com as participações da iniciativa privada e dos governos municipais, estadual e federal. “A obra é difícil. Quem não pensa grande não tem o direito de governar um estado como a Bahia. A última grande obra urbana feita no estado foi a Avenida Paralela há trinta anos”, concluiu.
(Evilásio Júnior)


Vários projetos considerados pelo governo como estruturantes para o estado, dentre eles a ponte que ligará Salvador à Ilha de Itaparica, foram tratados em reunião ocorrida esta semana entre o secretário estadual Walter Pinheiro (Planejamento) e um grupo de empresários espanhóis ligados ao setor de infraestrutura e construção civil. Eles vieram conhecer as oportunidades de negócios no Estado. E tomaram conhecimento de projetos como o Porto Sul, a Ferrovia Oeste-Leste, a BA 030 e a Via Expressa, dentre outros. Para Pinheiro, o interesse dos espanhóis pela Bahia se dá em um momento bastante propício diante do cenário de crise econômica mundial, em que é importante a atração de recursos. “Além do mais, investimentos em infraestrutura e logística estão entre as prioridades do governo do Estado para o desenvolvimento econômico da Bahia”, disse.

PCdoB - BAHIA


Juazeiro: PT oficializa apoio ao governo de Isaac Carvalho

Em coletiva aberta à imprensa na tarde desta quinta-feira (26/03), no Grande Hotel de Juazeiro, o Partido dos Trabalhadores formalizou apoio oficial à frente política liderada pelo PCdoB no município ao norte do estado. “Esse é um ato de grandeza entre os dois partidos; uma decisão madura, pensada e sem imposições, que demonstra preocupação do governo com um projeto de desenvolvimento para Juazeiro”, destacou o prefeito Isaac de Carvalho. “O PT veio para somar”, completou.
No evento, que reuniu cerca de 100 pessoas, dentre as quais militantes de esquerda, o presidente municipal do PT, Antônio Marcos, representou Jonas Paulo, presidente do partido na Bahia, e que não pôde comparecer ao evento em função de um compromisso com o governador. “O PT entende que esse governo precisa dar certo para que, a mudança que desejamos, efetivamente aconteça”, pontuou Marcos.

O discurso foi endossado pelo presidente estadual do PCdoB, Péricles de Souza, que ratificou o apoio do Partido dos Trabalhadores como um reencontro de aliados naturais no plano nacional e estadual. “Embora diferenças locais, por vezes, provoquem reações exaltadas, o que deve nortear a posição dos dois partidos é o projeto geral liderado por Lula e Wagner”, declarou, apoiado pelo deputado federal Daniel Almeida (PCdoB).

De fato, nas eleições municipais de 2008, PCdoB e PT assumiram lados distintos, polarizando a disputa pela prefeitura entre Carvalho e Joseph Bandeira. “Agora, este reencontro torna-se ainda mais importante face às eleições de 2010, quando o que está em jogo é a continuidade do projeto nacional e estadual. E Juazeiro, dada a sua importância política e econômica, precisa oferecer apoio de maneira unificada”, frisou Souza.

Confirmando que a parceria está mesmo fortalecida, amanhã Jonas Paulo desembarca na cidade para um almoço ao lado do prefeito e do presidente estadual do PCdoB.

De Salvador,
Camila Jasmin

26 de mar de 2009

UNEB


Estudantes da Uneb fazem protesto

Manuela Matos

No final da tarde de hoje (26) alunos da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) fizeram uma manifestação em frente ao Campus do Cabula, na Rua Silveira Martins.
O objetivo é chamar a atenção do Governo do Estado para as dificuldades que a instituição passa como a falta de professores, mais investimentos em infraestrutura, aumento do orçamento destinados as Universidades Estaduais, além da revogação da Lei 7176/97, que restringe a autonomia das universidades.
O ato se repetirá amanhã nos horários de maior movimento no local. Pelo menos 50 estudantes ocupam a reitoria da Uneb desde a última terça-feira (24).
Foto: Romildo de Jesus

MOBILIZAÇÃO ESTUDANTIL DA UNEB (GUANAMBI, CAETITÉ E BOM JESUS DA LAPA) EM SALVADOR

Ocupações de campi da Uneb no interior chegam ao 10º dia

A TARDE On Line

A ocupação nos 24 campi da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) localizados no interior completou dez dias nesta quinta-feira, 26. Segundo Jackson Ministro, componente do movimento estudantil Alto Sertão, responsável pelos protestos, a intenção dos estudantes é manter a ocupação até que as negociações com a Secretaria de Educação (SEC) e a universidade sejam concluídas.

De acordo com Ministro, o protesto continuará até que a SEC e a Uneb estabeleçam uma data definitiva para realização de concurso público de contratação de professores, completando o quadro docente das unidades do interior, principal reivindicação dos alunos. Na quarta-feira,25, representantes do movimento estudantil se reuniram com o reitor da universidade, Lourisvaldo Valentim, e o secretário de educação, Adeum Sauer, para resolver o impasse, mas não foi determinada uma data para lançamento do edital de contratação. O encontro foi mediado pelo Ministério Público.

Em nota, A SEC informou que reconhece a carência de professores na instituição e argumenta que o problema é consequência de uma expansão desordenada, sem o devido planejamento e capacidade orçamentária compatível. A Uneb respondeu à nota informando que já foi solicitada a contratação de 525 professores, o que resultaria em um impacto financeiro de R$ 22 milhões no orçamento do Estado, apenas em 2009. A viabilidade dessa solicitação deverá ser avaliada numa reunião a ser agendada entre as secretarias da Educação, da Administração, das Relações Institucionais, da Fazenda e a Casa Civil. Somente após essa definição deverá ser feito um novo encontro com o movimento estudantil para continuar com as negociações para desocupação dos campi.

Como solução temporária, na última sexta-feira, 20, foi liberada a realização de seleção pública via Reda de mais 200 vagas de docentes para a universidade.

MOBILIZAÇÃO ESTUDANTIL DA UNEB (GUANAMBI, CAETITÉ E BOM JESUS DA LAPA) EM SALVADOR

UNEB: ESTUDANTES VÃO FECHAR SILVEIRA MARTINS

Estudantes da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) que ocupam a reitoria da instituição há três dias prometem interditar a Avenida Silveira Martins, que margeia parte do Campus do Cabula, às 17h30. A decisão saiu após o governo do estado cancelar a participação dos alunos em uma reunião entre secretarias para decidir sobre as reivindicações do movimento estudantil quanto a concursos públicos para a contratação de professores na tarde desta terça. Considerando-se excluídos do processo, os alunos resolveram apelar e vão fechar a avenida perto do horário de pico. Outra reunião do governo está marcada para a manhã de sexta, e a manifestação serviria para que os estudantes voltassem a ter acesso às negociações, que agora estão fechadas para as representações universitárias.
(Lucas Esteves)

INFORMATIVO ESPECIAL DO DEPUTADO ESTADUAL JAVIER ALFAYA



EDITORIAL





Pacote habitacional: o governo no rumo certo
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem dito, repetidamente, que é preciso coragem e ousadia para enfrentar a crise econômica mundial. Atitudes que, agora, se mostram também em sua própria administração com o anúncio, na quarta-feira (25), do programa ''Minha Casa, Minha Vida'', que prevê investimentos de R$ 34 bilhões para a construção de 1 milhão de moradias populares para famílias com renda de até 10 salários mínimos.

É um projeto que responde à necessidade de diminuição do déficit habitacional do país - que poderá ser reduzido em 14%. É também um projeto de desenvolvimento nacional, capaz de movimentar a roda da economia. Segundo o ministro da Fazenda, Guido Mantega, este é um dos grandes programas anticrise, servindo para impedir a interrupção do ciclo de crescimento virtuoso recente. De acordo com ele, a construção de 1 milhão de moradias pode gerar 1,5 milhão de empregos e gerar um PIB adicional de 2% na economia.

Diante de tamanha iniciativa do governo, era esperado que a oposição e setores da mídia tentassem desmerecê-la, apontando falhas. Assim, não faltam observadores para dizer que o cronograma de construção é uma incógnita, que a burocracia vai impedir que o plano se cumpra e, a velha ladainha neoliberal: de que o Estado está gastando demais. O senador e presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra, foi mais longe ainda e disse que programa não passa de um “pactóide habitacional”.
A ironia do senador tucano mal esconde a inveja de ver um governo democrático e popular fazer aquilo que seus antecessores e mesmo os governadores atuais nunca ousaram propor, pois estavam - e continuam, mesmo com a crise - apegados a uma lógica neoliberal e elitista que vê os investimentos públicos destinados à população de baixa renda apenas como gastos desnecessários.
É sempre bom lembrar que acesso à moradia digna é um direito constitucional do cidadão brasileiro e uma conquista que interfere diretamente na melhoria da qualidade de vida, com impactos positivos na saúde, educação, renda e auto-estima dos trabalhadores e suas famílias.
A divisão de casas por regiões não sofreu interferência política e foi feita de acordo com cálculos do IBGE. Além disso, o presidente Lula solicitou a criação de um comitê para a gestão do programa habitacional, com a participação de empresários, governadores, prefeitos, representantes do Congresso, movimentos populares e arquitetos para detectar em ''tempo real'' problemas para a execução das obras.

Enfim, desenvolvimento, inclusão social, controle e democratização serão as marcas do programa que já pode ser batizado de o maior projeto habitacional da história brasileira.
Resta agora estender esta ousadia para outras áreas como saúde, educação, transporte, segurança e saneamento básico, ampliando o direito à moradia para um direito mais amplo, o direito à cidade, reivindicação antiga dos movimentos sociais.

PROJETO DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO DE GUANAMBI

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO - ETE


LAGOA FACULTATIVA


LAGOA MATURAÇÃO


O Governo Lula, através do PAC - Programa de Aceleração do Crescimento, liberou a verba de R$ 34.870.163,76 para a implantação do Projeto do Sistema de Esgotamento Sanitário de Guanambi. A obra é uma parceria do Governo Federal, Estadual e Municipal, visando melhorar a qualidade de vida da população da cidade.

O início das obras foi anunciado pelo Gerente de Operações do Escritório da Embasa de Guanambi, Alain Machessini e o Engenheiro Civil Eduardo Jorge de Lima da MRM, empresa que irá executar as obras, em audiência realizada no dia 23/03, com o Prefeito Nilo Coelho.

A Embasa informa que o cronograma de execução dos trabalhos terá início com as obras da região da feira livre e da Casa de Dona Dedé, drenando o Riacho Belém, destacando principalmente a questão ambiental e a contemplação dos bairros mais carentes. A Estação de Tratamento de Esgoto - ETE será construída paralelamente a drenagem do Riacho Belém, tendo como objetivo a coleta do esgotamento já existente e fazer funcionar a estação de tratamento de esgoto e em seguida beneficiar os bairros que ainda não dispõem do esgotamento. Também será feita a substituição das redes onde houver defasagem.
Veja acima os componentes do projeto de sistema de esgotamento sanitário de Guanambi que prevê a construção da Estação de Tratamento de Esgoto - ETE, que contém lagoa facultativa, lagoa de maturação, rede coletora e estações elavatórias em alguns bairros. O destino final será o lançamento de água tratada no Rio carnaíba de Dentro, garantindo a preservação ambiental.
Missão da Embasa
“Assegurar o abastecimento de água e esgotamento sanitário, garantindo a satisfação dos clientes, acionistas, colaboradores e poder concedente, interagindo com fornecedores, buscando o equilíbrio econômico-financeiro, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da sociedade e a preservação do meio ambiente”.
“O sistema de esgotamento sanitário é a solução adotada para controlar os potenciais impactos à saúde coletiva e ao meio ambiente, relacionados ao descarte de efluentes domésticos nas localidades com significativa concentração populacional”.
Fonte: Escritório Local da Embasa

25 de mar de 2009

PESQUISA

Taxa de aprovação do governo Wagner (PT) vai para cima

Em novembro de 2007, a taxa de aprovação do governo Wagner, medida pelo Datafolha, era de 30%. Na última pesquisa, agora em março de 2009, saltou para 44%. A rejeição que em novembro de 2007 era de 24% caiu agora em março para apenas 15%. Tem mais: Se 44% dos baianos consideram a gestão Wagner como ótima e boa, outros 41% consideram o governo como regular. Apenas 15% acham o governo ruim. A pesquisa está hoje (25) na Folha de S. Paulo. Ninguém segura Jaques Wagner na arrancada pelo segundo mandato. E olha que a publicidade dos feitos governamentais está apenas começando. Quem vai lucrar com um sólido palanque será a ministra Dilma Roussef, em sua campanha para a presidência da República.

Fonte: Blog Bahia de Fato

MORADIA POPULAR

Plano de habitação de Lula prevê construção de 1 milhão de moradias

O deputado Raul Carrion (PCdoB) participou, nesta quarta-feira (25) do lançamento do programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal, em Brasília.

O novo plano de habitação prevê um aporte de R$ 34 bilhões para a construção de 1 milhão de moradias no Brasil. Carrion coordena a Frente Nacional de Deputados Estaduais pela Reforma Urbana e é membro do Comitê Técnico de Habitação do ConCidades (Conselho das Cidades). Também presidiu a Comissão Especial de Habitação Popular e Reforma Urbana e relatou a Subcomissão de mesmo nome na Assembléia Legislativa.

Do total a ser investido, R$ 16 bilhões serão destinados à redução do déficit habitacional da população com renda familiar de zero a três salários mínimos, segundo anúncio feito pelo Presidente Lula e pela ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff.

A intenção do governo é construir 400 mil moradias para a população nessa faixa de renda, que pagará uma prestação mínima de R$ 50. Para as famílias com renda entre três a seis salários mínimos, o pagamento da prestação prevê o comprometimento de até 20% da renda. O total de moradias para essa faixa também será de 400 mil unidades, com a previsão de investimento de R$ 10 bilhões. Para essa faixa de renda haverá aumento do subsídio parcial em financiamentos com redução dos custos do seguro e acesso ao Fundo Garantidor.

As demais 200 mil moradias serão destinas às famílias com renda entre seis e dez salários mínimos. Para essa faixa haverá estímulo à compra, com redução dos custos do seguro e acesso ao Fundo Garantidos.

“Segundo o último censo, há uma carência habitacional de mais de 20 milhões de unidades, sendo 7 milhões de déficit quantitativo (falta absoluta de moradias) e 13 milhões de sub-habitações no Brasil. Esses anúncios são importantes para derrubar esses números vergonhosos”, disse Carrion.

Isabela Soares

PCdoB NA TV


Nesta 5ª feira, PCdoB vai à TV falar da crise e do socialismo

A crise econômica internacional que nasceu no centro do capitalismo e se espalhou por todo o mundo colocou em cheque as políticas neoliberais. O presidente do PCdoB, Renato Rabelo é taxativo: “A crise é de todo sistema capitalista. Por isso é nossa convicção de que a saída para valer, para a defesa da própria nação e do avanço da civilização, é o socialismo”.

Esse é o recado que o Partido Comunista do Brasil vai levar para milhões de brasileiros no próximo dia 26 de março, quinta-feira, às 20h10 no rádio e às 20h30 na televisão, quando será veiculado seu programa partidário gratuito em cadeia nacional.

Apresentado pelo vereador paulistano Netinho de Paula, o programa do PCdoB vai falar de socialismo, cunhando o bordão “onde tem socialismo, tem solidariedade, tem coisa boa. Onde tem PCdoB tem coisa muita boa”.

O objetivo é mostrar aos telespectadores que o PCdoB é o partido que, de fato – desde a sua fundação em 25 de março de 1922 até hoje – sempre defendeu o Brasil, seu povo e as principais questões que envolvem a luta pelo progresso da nação, como a distribuição de renda, o fim das desigualdades sociais, a defesa dos trabalhadores, o combate às ações da elite brasileira e por um projeto nacional de desenvolvimento. Além disso, o programa mostrará a atuação prática dos comunistas que exercem cargos públicos e em organizações dos movimentos sociais.

Por isso, o programa de 10 minutos contará com a participação dos prefeitos Edvaldo Nogueira, de Aracaju, e Renildo Calheiros, de Olinda, que vão apresentar um pouco das conquistas obtidas pelas administrações do PCdoB.

O ministro do Esporte, Orlando Silva, também marca presença falando dos projetos sociais do governo Lula e, em particular, na área esportiva que geram emprego e renda e contribuem para superar a crise e melhorar a vida das pessoas.

Também participam do programa o líder da bancada do PCdoB na Câmara dos Deputados, Daniel Almeida (PCdoB/BA), o presidente da CTB, Wagner Gomes, a presidente da UNE, Lúcia Stumpf e como convidado o economista Marcio Pochmann, da Unicamp.

Da redação

Comissão de Justiça da Câmara promove encontro com Bahia Mineração


A Comissão de Justiça e Redação da Camara de Vereadores, presidida pelo Vereador Carlos Jackson (Loló) e composta pelos vereadores Agostinho Paes e Vitor Bonfim realizou na manhã desta quarta feira dia 25, reunião com o Gerente Regional da Bahia Mineração Amauri Ipec para discutir os impactos sócio econômicos do projeto da empresa em Guanambi e região. O encontro contou com as presenças do Presidente da Camara Elder Guimarães, Vereadora Eponina Góes, Vandilson Medeiros, Edilmar Ladeia, José Carlos (Latinha), Adão Oliveira, Agostinho Paes, Vitor Bonfim. Amauri na sua explanação elogiou a iniciativa da comissão e agradeceu pela oportunidade de falar do projeto “a construção começa em 2010 e entra em operação 2012 com geração de empregos em Guanambi, Caetité e Pindaí, além de impactos com a construção da adutora que vai puxar a outra para abastecimento humano”.
A Bahia Mineração vai realizar parceria com a Prefeitura de Guanambi para realizar cursos de capacitação de mão de obra. O Presidente da Comissão de Justiça Carlos Jackson (Loló) considerou importante o encontro “na medida em que a casa fica informada para votar os projetos ligados ao empreendimento e deixou claro que trata-se de um projeto importante para Guanambi e a região destacando se a parceria e o empenho do Prefeito Nilo Coelho com a empresa”.

24 de mar de 2009

DEPUTADO DANIEL ALMEIDA VISITA MUNICÍPIOS DA SERRA GERAL NESTE FINAL DE SEMANA

Uma extensa programação marca a agenda do deputado federal Daniel Almeida (PCdoB), este final de semana, na Serra Geral. O roteiro de compromissos do parlamentar inicia na noite da próxima sexta-feira, 27, em Caetité e prossegue até a segunda-feira, 30, no município de Correntina.

O ponto alto da programação será a realização do seminário regional de planejamento do mandato que acontece na sexta-feira e no sábado no auditório do campus da UNEB, em Caetité.
O seminário será iniciado às 19h30, com uma palestra, aberta ao público sobre o tema “A Crise Financeira Mundial e seus Reflexos nos Municípios”, com a presença do deputado Daniel e do secretário de Trabalho, do governo da Bahia, Nilton Vasconcelos. A expectativa dos organizadores é reunir cerca de 20 municípios da região, com uma expectativa de público de mais de 300 pessoas.

Na manhã do sábado o evento prossegue com prestação de contas dos dois últimos anos do mandato e à tarde o parlamentar e o secretário visitam os municípios de Urandi e Guanambi. No domingo o deputado segue para Rio do Pires e na segunda-feira para Correntina, onde acontecem encontros com lideranças políticas e inaugurações de obras públicas.

Durante a viagem na Serra Geral, o deputado Daniel prestará contas sobre sua atuação na Câmara Federal e junto aos governos estadual e federal. O parlamentar é uma das lideranças mais reconhecidas em defesa da região. Seu escritório político em Salvador recebe semanalmente lideranças políticas, prefeitos e vereadores em busca de soluções para demandas dos municípios.
Daniel Almeida é autor de 30 emendas ao orçamento da União, para investimentos em infra-estrutura, esporte, saúde, e agricultura nas cidades da Serra Geral, somando um total de mais de R$ 3 milhões. Entre os municípios que beneficiados estão Guanambi, Caetité, Palmas do Monte Alto, Matina e Urandi.

23 de mar de 2009

PREFEITO DE JUAZEIRO FALA EM EVENTO COM LULA


Isaac Carvalho vai representa os prefeitos do país

O prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho (PCdoB), vai discursar nesta segunda-feira durante o evento que vai lançar a segunda etapa do programa federal Territórios da Cidadania, a partir das 16h, no Teatro Castro Alves, em Salvador. O comunista falará antes do governador Jaques Wagner e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Isaac Carvalho estará representando todos os prefeitos do pais.

PESQUISA ELEITORAL NA BAHIA

DataFolha: Confira os cenários sobre a eleição na Bahia

Confira agora os cenários avaliados pela pesquisa DataFolha divulgada hoje no jornal Folha de S. Paulo sobre a eleição na Bahia:

Primeiro cenário:
Jaques Wagner (PT) - 36%
Paulo Souto (DEM) - 19%
César Borges (PR) - 10%
Raimundo Varela (PRB) - 7%
Geddel Vieira Lima (PMDB) - 7%
Lídice da Mata (PSB) - 4%
Hilton Coelho (PSOL) - 2%
Brancos/ nulos e nenhum - 8%
NS/NR - 6%
Segundo cenário:
Jaques Wagner (PT) - 36%
ACM Neto (DEM) - 17%
César Borges (PR) - 12%
Geddel Vieira Lima (PMDB) - 8%
Raimundo Varela (PRB) - 7%
Lídice da Mata (PSB) - 5%
Hilton Coelho (PSOL) - 2%
Brancos/ nulos e nenhum - 8%
NS/ NR - 6%
Terceiro cenário:
Jaques Wagner (PT) - 38%
Paulo Souto (DEM) - 18%
César Borges (PR) - 14%
Raimundo Varela (PRB) - 7%
Lídice da Mata (PSB) - 6%
Hilton Coelho (PSOL) - 2%
Brancos/ nulos e nenhum - 9%
NS/ NR - 6%
Quarto cenário:
Jaques Wagner (PT) - 37%
ACM Neto (DEM) - 17%
César Borges (PR) - 14%
Raimundo Varela (PRB) - 8%
Lídice da Mata (PSB) - 6%
Hilton Coelho (PSOL) - 2%
Brancos/ nulos e nenhum - 10%
NS/NR - 6%
A pesquisa ouviu 991 pessoas e a margem de erro é de 3%.

Fonte: Blog Política Livre

22 de mar de 2009

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO


Mandato planeja ações para 2009

O mandato do deputado Daniel promoverá uma série de seminários com o objetivo de aprofundar os efeitos da crise do mercado mundial e planejar as ações para 2009.

Por: Karlo Dias

O ponto de partida será dado na próxima sexta-feira, 27, às 19hs, no auditório do campus da UNEB, em Caetité. O seminário da Serra Geral reunirá cerca de 20 municípios da região, com uma expectativa de público de mais de 300 pessoas. O convidado deste evento será o secretário Nilton Vasconcelos, do Trabalho.
Na manhã do sábado o evento prossegue com prestação de contas dos 2 últimos anos do mandato e à tarde o parlamentar e o secretário visitam os municípios de Urandi e Guanambi. No domingo o deputado segue para Rio do Pires e na segunda-feira para Correntina, onde acontecem encontros com lideranças políticas e inaugurações de obras públicas.

Os seminários regionais reunirão lideranças políticas de diversos municípios baianos. O primeiro dia do evento sempre acontecerá uma palestra aberta ao público, com especialistas convidados. No segundo dia, apenas para os convidados, seguirá uma metodologia de planejamento estratégico tendo em vista a ação do mandato para o ano de 2009.
Outro evento com data já marcada é o da Região Metropolitana de Salvador; previsto para acontecer nos dias 17, o seminário da RMS será em Salvador e contará com a presença do deputado federal paulista, Aldo Rebelo, do PCdoB..
Além destes dois seminários, haverá ainda nas cidades de Juazeiro, reunindo os municípios da região Norte, em Itaberaba, com as cidades da Chapada Diamantina, no município de Capela do Alto Alegre o na região Sul, em local a ser confirmado.

SERRA GERAL


Vereador é um dos principais parceiros do mandato em Guanambi

Deputado será titulado cidadão guanambiense

Câmara Municipal de Guanambi aprovou o projeto de resolução, de autoria do vereador José Carlos Lélis Costa – Latinha, que concede o Título de Cidadão Guanambiense ao deputado federal Daniel Almeida.

Por: Karlo Dias

Na justificativa do projeto o vereador ressalta os relevantes serviços prestados pelo deputado não apenas à cidade de Guanambi, mas aos municípios que compõe a Serra Geral.
Em Guanambi, Daniel atuou decisivamente para a conclusão da Barragem do Poço do Magro, a inclusão da região no zoneamento agrícola do feijão macassá e a discussão da renegociação das dívidas agrícolas, entre outros projetos de grande repercussão social.

Fonte: Com informações do Blog do Latinha

UNEB ABRE SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO DE 200 PROFESSORES

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB) publicou, neste sábado (21), edital de processo seletivo simplificado para contratação de 200 professores substitutos, em caráter emergencial para o início do ano letivo.

Segundo a assessoria da UNEB, as vagas estão disponíveis em Salvador e em 23 municípios, onde existem campi da instituição. Os novos docentes terão contratos temporários.

Inscrições

Os interessados devem realizar a inscrição entre os dias 25 de março a 6 de abril, nos departamentos da UNEB em todo estado.

Confira o edital no site da UNEB.

Fonte: Correio da Bahia/Farol da Cidade

21 de mar de 2009

O DESESPERO DA MÍDIA


Datafolha mostra queda insignificante da aprovação governo de Lula

Segundo o Datafolha a aprovação do GOVERNO de Lula cai de 70% para 65%, entre a última pesquisa e esta.Perdeu 5%, e para onde foram esses 5%?4% passaram a considerar regular (o que não é propriamente desaprovação).1% passaram a considerar ruim ou péssimo (o que é de fato desaprovação).

A pesquisa anterior foi em novembro. Esta foi em agora em março, quando os piores números da crise internacional que afetou a economia brasileira no 4o. trimeste e de janeiro foram divulgados.

Em fevereiro já houve geração de empregos, e os indicadores mostram que os tempos são difíceis perto da calmaria que tínhamos no ano passado, mas o pior já passou.

Resumindo:

A popularidade do governo oscilou de bom/ótimo para regular em percentual bastante pequeno. Continua acima da penúltima pesquisa em setembro/2008.

O presidente Lula e a ministra Dilma não devem estar perdendo um minuto de sono por causa disto, pelo contrário, devem estar satisfeitos e honrados com a percepção e compreensão do povo brasileiro.

Lula e Dilma estão preocupados é em trabalhar para gerar empregos e desenvolvimento, para honrar esta confiança depositada pelo povo brasileiro.

Os demo-tucanos é que devem estar desesperados e sem dormir, pois com tudo isso, com todo o alarmismo do PIG, era de se esperar uma queda bem maior na popularidade.

Quando os resultados positivos da economia e do emprego, deste ano forem publicados mais à frente, o governo beirará a unanimidade.

Leia outras notícias no blog "Os amigos da presidente Dilma"