18 de mar de 2017

“A reforma significa perda de direitos para todos, especialmente para as mulheres”, diz Fabíola em encontro da APLB

A presidente da Comissão de Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Serviço Público da Assembleia Legislativa da Bahia, Fabíola Mansur (PSB), participou na manhã desta quinta-feira (16), no município de Amélia Rodrigues do Encontro da Regional Metropolitana da APLB Sindicato.


A convite da diretora regional, Maria Raimunda, a parlamentar participou de um debate sobre a Reforma da Previdência. Fabíola fez duras críticas a reforma como está apresentada, chamando atenção para o fato de as mulheres serem as mais prejudicadas, em função do aumento da idade mínima, desconsiderando o fato de que, em função da dupla jornada, as mulheres trabalham em média 7h a mais que os homens.

“A obrigatoriedade de 49 anos de contribuição para o trabalhador ter direito a totalidade do valor da aposentadoria, bem como a equiparação da idade mínima de 65 anos para homens e mulheres é um grave retrocesso em direitos adquiridos. Esta reforma, do jeito que está não pode acontecer, precisamos de um profundo debate com a sociedade”, disse ela que convocou todos a lutarem pela manutenção de seus direitos.