ONG PRISMA - Projeto de Revitalização e Recuperação do Riacho do Belém



A ONG Prisma (Proteção e Revitalização Integrada da Serra de Monte Alto) vai realizar uma importante CAMPANHA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL, visando o lançamento do Projeto de Revitalização e Recuperação do Riacho do Belém.

A meta é estabelecer uma parceria com o poder público municipal, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, tendo como objetivo a recuperação do riacho, limpeza e recolhimento do lixo e plantio de mudas de espécies nativas no trecho do Parque da Cidade até  a Ponte de Dona Dedé.

O Riacho do Belém atravessa na zona urbana de Guanambi,e  representa um importante área do patrimônio natural, ambiental, histórico e cultural da cidade, que envolve áreas de preservação e proteção, conforme Lei Nº 223 de 04 de dezembro de 2007.

O riacho banha a zona urbana e atravessa a cidade desde o Parque da Cidade até a Ponte de Dona Dedé, desaguando no afluente do Rio Carnaíba de Dentro, bem como no Rio das Rãs, São Francisco e Rio Carinhanha. Situado num trecho de exploração de comércios, feira livre e moradias, aumentando seus riscos de destruição, principalmente nos períodos chuvosos, a exemplo do que aconteceu recentemente, significando risco de vida. Além disso, o riacho recebe uma imensa carga de poluentes e se transformou em verdadeiro esgoto a céu aberto, que provoca problemas de saúde pública e poluição dos rios Carnaíba de Dentro, Rio das Rãs, Rio São Francisco e Rio Carinhanha.

Embora o riacho já tenha sofrido alterações significativas, ele pode ser considerado como um importante afluente prioritário para preservação e recuperação ambiental, existindo ainda nas suas proximidades do Parque da Cidade e da UNEB uma reserva florestal com importantes exemplares de fauna e flora característica do sertão.

A área sofre constantes agressões, com desmatamentos, muito lixo, uso e ocupação desordenados do solo e construções nas proximidades dos seus leitos, principalmente porque a maioria dos lotes na região do Bairro Brindes e da Ponte de Dona Dedé estão em mãos de particulares, e portanto com dificuldade de controle público.

A ONG Prisma conclama a população para participar do mutirão de plantio de mudas, limpeza da área e da preservação e recuperação do riacho  com a  realização de palestras. trabalhos de educação ambiental e conscientização da população para não jogar lixo na região. Conclamamos aos moradores do bairro Brindes a cuidarem e adotarem as árvores que serão plantas no entorno do Riacho do Belém.

FOTOS DA DEGRADAÇÃO DO RIACHO DO BELÉM



















Share:
Postar um comentário

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog