13 de nov de 2015

Conferência da SPM debate políticas estaduais para mulheres

Sexta, 13 de Novembro de 2015 - 13:40

BAHIA NOTÍCIAS


Conferência da SPM debate políticas estaduais para mulheres
Foto: Daniele Silva / Ascom SPM-BA

Em conferência estadual, Fabíola defende organização das mulheres 
contra “onda conservadora”


A 4ª Conferência Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia (CEPM) teve início nesta quarta-feira (11), no Gran Hotel Stella Maris, em Salvador, e contou com uma Solenidade de Abertura com a presença de diversas autoridades e representações de mulheres de diversos segmentos, municípios e territórios da Bahia. Durante a tarde, foi realizada a leitura e a aprovação do Regulamento da Conferência, dando início às atividades desta edição. Em seguida, foi iniciada a Solenidade de Abertura, que teve grande aderência não apenas das autoridades, mas do público que compareceu e lotou o Salão Principal do evento. Uma das falas mais significativas na abertura desta conferência foi a de Maria Aparecida Bertozo, representante da sociedade civil de Teixeira de Freitas, que sofreu violência do seu ex-companheiro. Em seu pronunciamento, ela revelou ao numeroso público a sua história em detalhes, deixando como reflexão a necessidade de combater a violência contra a mulher, ajudar outras mulheres e ter sempre a vida como o maior bem. Em seu momento de fala, a Secretária de Políticas para as Mulheres da Bahia, Olívia Santana, agradeceu a presença das autoridades por terem prestigiado este importante evento do Estado da Bahia e a todas as mulheres participantes. Ela também comentou a sua emoção em ouvir a história de Maria Aparecida, que representa tantas outras mulheres do país que necessitam de ajuda para combater a violência de gênero e que são atuantes nos processos democráticos em busca dos direitos da mulher. A Secretária Olívia lembrou que a 4ª Conferência Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia é um espaço para o debate aberto e a apresentação de ideias, apontando caminhos e contribuindo para o avanço das mulheres nos espaços de poder. Confira aqui a programação da conferência.