PSDB ROMPE COM CUNHA, QUE HOJE ATRAPALHA O GOLPE



247 BRASIL

Depois de uma longa aliança, ancorada no objetivo comum de derrubar a presidente Dilma Rousseff, o PSDB deve formalizar nesta quarta-feira seu rompimento com o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ); “A defesa é fantasiosa, de uma fragilidade absoluta. Falta consistência. Aquelas entrevistas foram desastrosas”, disse ontem o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), que até recentemente era um dos principais aliados de Cunha; o que motiva o rompimento, no entanto, não é questão ética, mas sim a fragilidade de Cunha para levar adiante o processo de impeachment que havia sido tramado contra a presidente Dilma; hoje, os tucanos estão com Cunha e sem o golpe, mas ainda tentarão inverter a equação.
Share:
Postar um comentário

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog