3 de out. de 2022

PT NACIONAL - Lula: “A luta continua até a vitória final!”

 

Após ser o grande vencedor do primeiro turno, com mais de 48% dos votos válidos, Lula mostra garra e avisa: “Nós vamos ganhar essas eleições”


“A luta continua até a vitória final! Esse é o nosso lema”, afirmou Lula, na noite deste domingo (2), após a Justiça Eleitoral confirmar que ele foi o grande vitorioso do primeiro turno das eleições presidenciais, merecendo mais de 48% dos votos válidos em todo o país.

Em pronunciamento à imprensa, em São Paulo (assista abaixo), antes de seguir para a Avenida Paulista, onde era aguardado por uma multidão (leia abaixo), Lula contou que sempre entra em uma eleição com vontade de ganhar no primeiro turno. Mas, se o desejo não se realiza, ele não se desanima, pelo contrário.

“Uma coisa na vida que me motiva, me estimula e me faz renascer a cada dia é a crença de que nada acontece por acaso. E quero dizer a vocês que nós vamos ganhar essas eleições”, afirmou, antes de agradecer o profissionalismo da imprensa e parabenizar todos os eleitos, “independentemente do partido a que pertencem”. 

“Obrigado ao povo brasileiro”

O maior agradecimento, porém, foi à população. “Obrigado ao povo brasileiro, por mais este gesto de generosidade”, disse. “Há quatro anos, eu era tido como fora da política. E eu disse que a gente retornaria, e retornaria com mais força, mais vontade, mais disposição. Porque a única razão da gente lutar é para que o povo brasileiro conquiste aquilo que precisa”, completou.

Tendo ao lado seu companheiro de chapa, Geraldo Alckmin (PSB); Fernando Haddad (PT), que disputa o segundo turno para o governo de São Paulo; a esposa, Janja; e lideranças do PT e de todos os partidos que formam a Coligação Brasil da Esperança, Lula brincou que, “para a desgraça de alguns”, ele ganhou mais quatro semanas para fazer campanha.

“E eu adoro fazer campanha, adoro ir para a rua, fazer comício, subir em caminhão, adoro discutir com a sociedade brasileira. E vai ser importante, porque vai ser a primeira chance da gente fazer um debate com o presidente da República, para saber se ele vai continuar contando mentiras ou se vai, pelo menos uma vez na vida, falar a verdade para o povo brasileiro”, afirmou.

Ele ressaltou que está claro que o Brasil piorou muito nos últimos anos e que o segundo turno é a oportunidade de um candidato amadurecer suas propostas e sua conversa com a sociedade. “É para você mostrar para o povo o que vai acontecer, quem vai governar este país. Vamos nessa, que dia 30 está muito perto. Um beijo no coração de vocês”, encerrou.

Nenhum comentário: