3 de set. de 2022

Mel de Ibotirama vai ampliar produção com nova unidade certificada para venda em território nacional

 

O mel da nova unidade de beneficiamento de produtos das abelhas da Cooperativa Agropecuária dos Agricultores e Apicultores do Médio São Francisco (Coopamesf), localizado no Assentamento Olhos D’Agua dos Tanques, zona rural do município de Ibotirama, já pode ser vendido em todo território nacional.  

Isso porque a cooperativa conquistou, nesta semana, o registro do Serviço de Inspeção Federal (SIF), concedido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).  

A unidade foi inaugurada em junho deste ano pelo projeto Bahia Produtiva do Estado da Bahia, que destinou R$ 3,1 milhões para a construção do entreposto e também para a aquisição de equipamentos, kits de produção apícola, além da implementação de identidade visual.   


A capacidade de processamento é de 350 Toneladas de mel por ano, cera de abelhas, própolis e compostos apícolas. O empreendimento beneficia e comercializa a produção de apicultores e apicultoras de toda a região.  

De acordo com a diretora administrativa e comercial da CoopamesfLidiane Oliveira, a maior parte da venda é o mel in natura. “Com a nova indústria, iremos conseguir ampliar a venda do mel fracionado, pois nossa logística de produção irá melhorar com equipamentos automatizados, o processo é mais rápido”.  

Lidiane conta que em 2021 passou pela cooperativa cerca de 160 toneladas, onde a capacidade atual de envase (mel fracionado) é na média de 3 toneladas por mês. “Com a nova estrutura, com o registro, podemos ampliar as vendas, fechar novas parcerias, novos contratos, sabendo que teremos capacidade de atender a demanda, devido a melhoria na logística de produção”.  

O Bahia Produtiva é um projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinanciamento do Banco Mundial.  

 

Assessoria de Comunicação SDR/CAR 

Nenhum comentário: