6 de abr. de 2022

PROFESSORES E DEMAIS SERVIDORES MUNICIPAIS DE GUANAMBI LUTAM POR VALORIZAÇÃO SALARIAL E RESPEITO À CARREIRA

Centenas de Servidores Públicos Municipais de Guanambi, mobilizados em torno do Reajuste Salarial e da Pauta da categoria, estiveram na tarde desta segunda-feira (28) mobilizados em frente a Prefeitura Municipal de Guanambi, quando aguardavam o resultado da negociação entre a Gestão Municipal e o SISPUMUR, que ocorria nas dependências da prefeitura. Estiveram presentes os secretários de Planejamento, Administração, Assessor Jurídico e contador da atual gestão, o vereador Pretinho, em apoio a pauta dos servidores, o Sr. Raimundo Calixto - presidente da FETRAMEB, a assessoria jurídica do SISPUMUR (Rodrigo Pina) e dirigentes sindicais.


A pauta principal do encontro foi o Piso Salarial do Magistério (33,24%), que é lei em todo o país e o município recebeu recursos para garanti-lo; o Piso Nacional dos Agentes de Saúde e Endemias, que era de R$ 1.550,00 e agora R$ 2.424,00, conforme PEC 22/11 e, por fim, o reajuste dos demais servidores (23%), que estão com salários defasados, achatados ao mínimo, registrando perdas de mais de 30%. Mesmo diante deste quadro deplorável, de desvalorização salarial dos Servidores Municipais, o prefeito Nilo Coelho, sem nenhum diálogo com o sindicato da categoria, enviou projeto de reajuste à Câmara de Vereadores com percentual linear, de apenas 10,16%, o que não representa ganho real para nenhuma categoria, estando desproporcional ao que estabelece as leis e à realidade de desvalorização acumulada.


Ademais, quando a prefeitura discutia o percentual na tarde desta segunda-feira (28) com os representantes do SISPUMUR, parecia ser verdadeira a intensão de juntos, SISPUMUR e Prefeitura, chegarem a um percentual consensual, mas ao contrário, através de decisão unilateral, o Executivo já havia enviado à Casa Legislativa, projeto de correção inflacionária (10,16%), inclusive sem nenhuma consideração à data - base dos servidores municipais, que por Lei, é o mês de janeiro. E, numa clara tentativa de transparecer que houve negociação, a reunião entre SISPUMUR e prefeitura, concluiu-se sem registro de avanços para a política salarial dos servidores municipais.

Para demonstrarem a sua insatisfação com o tratamento que vem recebendo da atual gestão municipal, os servidores/professores ocuparam o auditório da Câmara de Vereadores na noite desta segunda-feira(28), através da fala da professora Anita Magalhães, que fez uso da Tribuna Livre, para mais uma vez, levar esclarecimentos aos vereadores sobre a situação dos servidores e conclamar a todos maior atenção, para que a causa destes trabalhadores, para que não continuem somando tantos prejuízos. Alguns vereadores declararam apoio à luta dos servidores e, neste sentido, o vereador Pretinho compôs a mesa de negociação, chamando a atenção da administração municipal para o cumprimento dos direitos dos Servidores Municipais e o vereador Paulo Costa, que de forma contundente falou da importância do sindicato para os servidores, da necessidade de participação popular para o acompanhamento das ações da gestão pública e, reforçando a continuidade do seu mandato para a nobre causa dos que fazem o serviço público no município de Guanambi.








Nenhum comentário: