7 de mar. de 2022

Estudantes da UniFG Ânima em Guanambi manifestam em defesa do retorno das aulas 100% presencial

 


Aos gritos de “educação não é mercadoria, não queremos ensino híbrido”, com apitos e nariz de palhaço, estudantes do Centro Universitário (UniFG/Ânima) realizaram manifestação na manhã desta segunda-feira (7), em frente ao Campus da UniFG, em Guanambi, no Sudoeste da Bahia.

Eles se mobilizaram contra em defesa do retorno das aulas 100% presencial, além disso, cobram diálogo por parte da instituição de ensino. No dia 23 de fevereiro, estudantes emitiram uma Nota de Repúdio exigindo o retorno das aulas.

De acordo com os estudantes, 40% das aulas são no formado híbrido aplicados pelo Grupo Ânima, enquanto outros 60% o estudante precisar comparecer a cada 15 dias na instituição. “Queremos 100% presencial essas aulas, estamos pagando por uma coisa que não temos”, disse os estudantes.

 Ainda de acordo com os estudantes, não existe protocolos que proíbam o ensino híbrido em Guanambi, inclusive a rede municipal de ensino já retornou com aulas 100%presencia. “Não ao ensino híbrido”, disse um estudante.

Em contato coma UniFG/Ânima, a assessoria respondeu que emitirá uma nota até o início da tarde desta segunda.

Estudantes da UniFG Ânima em Guanambi manifestam em defesa do retorno das aulas 100% presencial.

Folha do Vale

Nenhum comentário: