20 de mar. de 2022

Comitiva de Guanambi visita SPM-BA em busca de apoio para ampliação da rede de atenção à mulher no município



Uma comissão formada por parlamentares e integrantes do Movimento Luto com Luta de Guanambi, no sudoeste baiano, visitou a Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA) no fim da manhã desta quinta-feira (17). Na pauta da reunião, pedido de apoio para o fortalecimento da rede de enfrentamento à violência de gênero no município e também para a celeridade do processo que investiga o duplo feminicídio de Alcione Malheiros e Ana Júlia Malheiros,

 “Um dos autores foi preso, mas há testemunhas que afirmam que havia mais alguém com ele”, pontuou a representante do Movimento Luto com Luta, a jornalista Neide Lu. A comissão entregou a titular da SPM, Julieta Palmeira, um documento com reivindicações, entre elas uma delegacia especializada no atendimento à mulher.

CRAM de Guanambi

A secretária da SPM se colocou à disposição para colaborar no que for possível e informou que em abril próximo, a secretaria assinará um Termo de Cooperação com a Prefeitura de Guanambi para instalação do Centro de Referência no Atendimento à Mulher (CRAM) no município. A iniciativa é fruto de Emenda Parlamentar do deputado Charles Fernandes (PSD).

“A luta contra a violência de gênero não é apenas das mulheres, mas de toda a sociedade. Por isso é uma luta suprapartidária que envolve os governos em todas as esferas”, disse Julieta Palmeira, exaltando a pluralidade das representações presentes na comissão. A gestora defendeu a união de esforços para a ampliação da rede de atenção às mulheres em Guanambi, buscando integrar iniciativas estaduais e municipais.

O município de Guanambi dispõe apenas da Ronda Maria da Penha, voltada para o atendimento de mulheres com medida protetiva decretada pela Justiça. A representante da SPM-BA orientou os vereadores presentes a apresentarem projetos na Câmara Municipal propondo a criação da Patrulha Maria da Penha pelo município e uma Casa de Passagem para o acolhimento temporário de mulheres em situação de violência doméstica e familiar e se comprometeu em dialogar com a Secretaria de Segurança Pública para ver a viabilidade de implantação de uma DEAM ou um NAM (Núcleo de Atendimento à Mulher).

Integraram a comissão a deputada estadual Ivana Bastos (PSD); o presidente da Câmara Municipal de Guanambi, Zaqueu Rodrigues (DEM); as vereadoras Edmira Paes (DEM) e Maria Silva (DEM); os vereadores Paulo Costa (PCdoB), Hélio Pereira (PSD) e Tião Nunes (PSD), além de representantes do Movimento Luto com Luta.

Nenhum comentário: