19 de ago. de 2022

PALMAS DE MONTE ALTO: Grupo de mulheres lança polpa de uva no Sertão Produtivo

A produção de polpa de frutas da Associação de Mulheres Camponesas da Agricultura Familiar e Solidária (Amcafs), localizada no município de Palmas de Monte Alto, no território Sertão Produtivo, está a todo vapor. A unidade de beneficiamento de polpa de frutas tem a participação de mais 60 agricultoras e agricultores familiares associados, que entregam as frutas na unidade.  

Agora, além dos tradicionais sabores de goiaba, acerola, tamarindo, cajá e caju, já se encontra no mercado o novo sabor de uva. Quem conta sobre a novidade é a presidente da Associação, Selma Porto. “Eu soube da produção de uva em Ceraíma, em Guanambi, fiz contato, visitei a propriedade e começamos a produzir. A aceitação está sendo muito boa, visto que, apesar da uva ser um produto mais caro, estamos conseguindo passar para os clientes com o mesmo valor das outras frutas”.  



Os investimentos, atualmente, em R$ 171 mil, do Estado da Bahia, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural, para fortalecer a produção das polpas na Associação, vão ser ampliados, já que a Amcafs vai receber recursos provenientes do edital de Dinamização Produtiva de Empreendimentos Solidários Liderados por Mulheres, uma parceria entre a SDR e a Secretaria de Política para Mulheres (SPM).  

Entre os novos equipamentos que serão adquiridos pela Associação com o novo edital, estão a lavadora de frutas automática, envasadora e dosadora e um refrigerador de descongelamento rápido, que vai aumentar a produção e diminuir o esforço físico das mulheres que integram o grupo de manipulação.  

Atualmente, a Amcafs já comercializa as polpas de frutas em seis supermercados locais e acessa mercados institucionais, por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). A renda das cooperadas chega até R$ 1.500,00 por mês, em média.  


Assessoria de Comunicação da SDR/CAR

Nenhum comentário: