Guanambi promove o 1º Encontro LGBT neste sábado 5 de agosto


“Ele disse que uma pessoa morre no Brasil à cada 25 horas, vítima de homofobia”, comentou o professor.

Publicado em 04/agosto/2017 - 07:01

Divulgação


Cerca de 5 mil  de pessoas são esperadas no 1º Encontro LGBT de Guanambi, neste sábado(5).O evento de visibilidade LGBT-Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros,vai acontecer às 19:00,na Praça do Feijão.
Ao portal Folha do Vale, Laiane Cotrim, uma das organizadoras falou sobre o evento. “A população LGBT, não apenas imagina como sente na pele todos os dias a violência física e verbal e a discriminação. Nosso objetivo é justamente esse”, disse.
Para o professor Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, Campus Guanambi, Daniel Reis, existem dados que aponta que o Brasil é responsável por 50% das mortes transexual do mundo. “Ele disse que uma pessoa morre no Brasil à cada 25 horas, vítima de homofobia”, comentou o professor.
Para  Bernardo Badaró,que também faz parte da organização, 82% dos travestis e transexuais não concluem o ensino médio no Brasil. Outro dado assustador é que 72% dos alunos LGBTT’s, já sofreram ou sofre violência na escola. “Precisamos falar sobre LGBTFOBIA”, finalizou Badaró.
Redação www folhadovale.net
EDIÇÃO: 
Share:

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog