FHC NÃO TEM UM NOME PARA ENFRENTAR LULA


Com o PSDB imerso na maior crise de sua história, por ter apoiado o golpe de 2016 e se associado a Michel Temer, rejeitado por mais de 90% dos brasileiros, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deixa claro, neste domingo, que os tucanos estão sem rumo e em busca de um nome para enfrentar o ex-presidente Lula, em 2018; "É tarde para chorar por impeachments perdidos ou por substituições que nada mudam", diz ele; "Penso que o polo progressista, radicalmente democrático, popular e íntegro, precisa se 'fulanizar' em uma candidatura que em 2018 encarne a esperança", afirma; "As dicotomias em curso já não preenchem as aspirações das pessoas: elas não querem o autoritarismo estatista, nem o fundamentalismo de mercado". 247 BRASIL

Share:

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog