22 de jul de 2017

PRÉ-SAL, DESPREZADO POR PARENTE, FEZ DO BRASIL GIGANTE DO PETRÓLEO


Depois meses depois de o presidente da Petrobras, Pedro Parente, ter afirmado que a estatal é vítima do que considera ser um "endeusamento do pré-sal", o Brasil se consolida como o 10º maior produtor de petróleo do mundo e o maior da América Latina, ao atingir 2,6 milhões de barris por dia; segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), "entre os países que não fazem parte da Opep, o Brasil foi o responsável pelo maior crescimento da produção"; "Enquanto a Petrobrás bate recordes após recordes de produção no pré-sal, fica cada vez mais claro que de petróleo o presidente da empresa não entende nada", comentou a FUP (Federação Única dos Petroleiros). 247 BRASIL