Justiça concede liminar para que MEC inicie implantação de Faculdade de Medicina em Guanambi

BLOGDOPCO


A Faculdade Integrada Padrão, de Guanambi (Bahia) obteve uma liminar determinando ao MEC o prosseguimento do processo de implantação da Faculdade de Medicina. O processo estava suspenso atendendo a um pedido do deputado Arthur Maia (PPS-BA), único parlamentar o PPS que declara voto a favor de Temer. A contrapartida para esse apoio seria justamente beneficiando a Faculdade de Guanambi, protegida por ele e que não foi habilitada para ministrar o curso. A mantenedora da Faculdade Integrada Padrão, garante que ficará atenta ao deputado Arthur Maia, para que ele não consiga agir novamente para influenciar o MEC, prejudicando-a.

Investimentos de 5 milhões de reais
A demora nas providências para permitir o início das atividades da Faculdade de Medicina, impede que a cidade baiana possa ter um curso de medicina de qualidade, além dos investimentos no SUS, estimado em 5 milhões de reais, conforme o previsto na proposta vencedora. O projeto também prevê a implantação da residência médica em Saúde da Família, beneficiando estudantes e os moradores da região. O deputado Arthur Maia (foto) nega ter envolvimento na demora do MEC na continuidade do processo para o funcionamento da faculdade, mas demonstra conhecer bem todas as ações do ministro da Educação, Mendonça Filho, que conseguiu adiar o início das atividades da escola com a abertura de uma sindicância
Share:

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog