TCA 50 anos: Fabíola Mansur reivindica 1,5% do orçamento para Cultura

FOTO - BAHIA JÁ.

A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) aproveitou a sessão especial da Alba em celebração aos 50 anos do Teatro Castro Alves (TCA) para defender que o Governo da Bahia destine 1,5% de seu orçamento anual para o setor cultural, em consonância com a PEC 150/2003.

“Progredimos muito, mas precisamos ter um horizonte de no mínimo 1,5% da receita para a Cultura mesmo no momento de crise, precisamos descontingenciar o orçamento e democratizar a gestão e as políticas culturais”, declarou a deputada, lembrando que mesmo sendo o principal complexo cultural do Estado da Bahia, e do Norte-Nordeste, o TCA ressente-se da falta de recursos e de autonomia para gerir seus corpos estáveis, residentes, programas e projetos.

A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) foi a proponente da cerimônia realizada na Sala Principal do TCA realizada na noite desta quarta-feira à noite e que foi encerrada com a apresentação aberta ao público do espetáculo Lub Tub pelos bailarinos do BTCA. Osba e Neojibá executaram conjuntamente o Hino Nacional e o Hino da Bahia, que foram respondidos pela plateia com aplausos e com o côro 'Fora Temer' e 'Diretas Já'.

A mesa foi presidida pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Ângelo Coronel e teve ainda como oradores o  secretário estadual de Cultura, Jorge Portugal, que representou o governador Rui Costa, o líder da maioria na Alba, deputado Zé Neto. Além deles, a presidente da Funceb, Fernanda Tourinho, e o diretor geral do TCA, Moacyr Gramacho, receberam da Alba uma placa comemorativa aos 50 anos do maior complexo cultural do Norte-Nordeste. “É a energia que existe entre o palco e  plateia que faz o TCA funcionar”, destacou o diretor geral do TCA, Moacyr Gramacho, lembrando que diariamente circulam pelas instalações do espaço mais de mil pessoas.

Marcaram presença ao evento ainda a deputada estadual Maria Del Carmen, os secretários estaduais de Ciência e Tecnologia, Vivaldo Mendonça, da Promoção da Igualdade Racial, Fábia Reis, e do Trabalho Renda e Esporte, Olívia Santana, além do diretor do Irdeb, Flávio Gonçalves, do presidente do Ilê Aiyê, Vovô do Ilê, entre outras personalidades.

História - A proponente explicou que a sessão especial em homenagem ao cinquentenário do TCA pela Alba era, na verdade, uma retomada das origens do teatro. Embora oficialmente inaugurado em 1967, o complexo foi originalmente concebido em 1948, a partir de um projeto de lei do então deputado estadual Antônio Balbino, que inauguraria o espaço como governador em 1958 não fosse um grande incêndio que destruiu a Sala Principal.  “O TCA celebra o casamento entre a politica e a arte. Se o artista tem de ir aonde o povo está, a Assembleia Legislativa também tem”, completou.

“Fico feliz que a Assembleia Legislativa se oxigenou, que os deputados saiam de seus gabinetes e que a Alba fale e ouça a voz das ruas. Esse é o novo tempo que a a gente defende”, elogiou o presidente da Alba, Ângelo Coronel. O deputado Zé Neto também saudou Fabíola pela iniciativa de homenagear o teatro e principalmente pela “sacada” de celebrar a homenagem no próprio TCA. “Não tem como alguém com 53 anos ter vivido na Bahia e ter andado em Salvador sem conhecer o Teatro Castro Alves. Este é o espaço da reconstrução da cultura e da nossa identidade”, declarou.

“Fabíola não está conosco hoje, ela está conosco desde o inicio de seu mandato na luta por um percentual maior para a cultura, na emenda para requalificação da escola de dança da Funceb. Fabíola ter proposto essa sessão no TCA se reveste de um simbolismo muito grande, é como se trouxesse a Alba aqui para fazer sua reverencia à nossa casa de arte”, pontuou Fernanda Tourinho.

Ao reverenciar Fabíola Mansur pela “ideia genial” de trazer a Alba para dentro do TCA, o secretário de Cultura Jorge Portugal anunciou uma novidade para além da segunda etapa do projeto Novo TCA, iniciado com a reforma da Concha Acústica e que será completado com a inauguração da nova Sala do Coro. “Estamos acertando os detalhes para retomar o projeto Sua Nota é um show, que juntamente com o projeto Domingo no TCA irão promover uma explosão de inclusão social neste espaço maravilhoso”, finalizou Portugal.

BAHIA JÁ
Share:

Acesse e Leia!

Mais Vistos da Semana

Total de visualizações

Arquivo do blog

Google+ Followers

Arquivo do blog