21 de fev de 2017

GERAÇÃO DE ENERGIA EÓLICA NA BAHIA CRESCE 54% EM 2016

20/02 - 17h21m
BAHIA ECONÔMICA
 
A produção de energia eólica no estado da Bahia cresceu 54% em 2016. Com 693 MW médios, o desempenho das usinas baianas em operação no Sistema Interligado Nacional – SIN foi 243,2 MW médios superior ao registrado em 2015, quando a geração alcançou um total de 449,8 MW médios.
 
A capacidade das usinas movidas pela energia do vento no estado teve incremento de 21% ao passar de 1.441 MW para 1.750 MW, segundo as informações do Boletim InfoMercado da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE.
 
O Rio Grande do Norte permanece como principal produtor de energia eólica no Brasil. As usinas potiguares produziram 1.206 MW médios no período, aumento de 50% em relação a 2015.O levantamento aponta o estado da Bahia na segunda colocação com 693 MW médios (+54%), seguido pelo Ceará que alcançou 668 MW médios (+29%) e o Rio Grande do Sul com 519 MW médios (+39%) produzidos no primeiro semestre.