17 de jan de 2017

SENADORA CRITICA ACM NETO E DIZ SALVADOR É A CAPITAL QUE MENOS GASTA COM SAÚDE

17/01 - 07h34m
BAHIA ECONÔMICA

A senadora Lídice da Mata disse, em entrevista ao portal Bahia Econômica,  que embora a  esquerda tenha fama de aumentar  impostos para ter um Estado forte, a Prefeitura de Salvador, que, segundo ela,  tem um pensamento mais voltado à direita, prioriza a arrecadação sobrecarregando o contribuinte.

Lidice admitiu que a Prefeitura vem oferecendo intervenções importantes na Orla, mas deixa lacunas importantes nas questões sociais. “Para se ter uma ideia, Salvador é a capital que menos gasta, proporcionalmente, com a saúde pública de seus habitantes no país. Em 2014, foram investidos apenas R$ 215,96 para cada habitante, ou seja, apenas R$ 0,59 por dia. Na Bahia, foram R$ 1,08 e, no Brasil, os governos federal, estaduais e municipais aplicaram, no mesmo período, R$ 3,89 por dia (R$ 1.419,84 ao ano) para cobrir as despesas públicas com saúde dos 204 milhões de habitantes”, disse Lídice. E completou, criticando o Prefeito ACM Neto: “O cidadão comum está pagando para a construção da imagem de um governo perfeito, o que não é verdade.”

Lídice também afirmou que o excesso de candidatos da base do governo na disputa a presidência da Assembleia Legislativa não é bom. Para ela esse é um momento de diálogo para que a base do governador Rui Costa não seja desfeita.

A senadora elogiou o governador Rui Costa pela responsabilidade fiscal que teve desde cedo, garantindo os salários em dia e disse que, diante da crise econômica, ele tem se saído muito bem, mantendo projetos importantes nas áreas da Saúde e de Mobilidade Urbana. Veja a entrevista na íntegra.