30 de jun de 2016

Operação da PF tem alvos em Salvador e investiga cartel em obras


BAHIA - POLÍTICA LIVRE


Foto: Divulgação

A operação Tabela Periódica, deflagrada na manhã desta quinta-feira, 30, tem alvos em Salvador: a Top Engenharia, localizada em Campinas de Pirajá; a Embratec – Empresa Brasileira de Terraplenagem e Construção Ltda. e a Pavotec Pavimentação e Terraplanagem Ltda. Na operação, serão cumpridos 44 mandados de busca e apreensão, 14 de condução coercitiva em Goiás e outros oito estados, incluindo São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Paraná, Minas Gerais. A Tabela Periódica é um desdobramento das investigações da Operação Lava Jato e uma nova etapa da Operação Lava Jato “O Recebedor”. A nova operação investiga os crimes de cartel, fraude em licitações, corrupção, peculato e lavagem de dinheiro, envolvendo obras das ferrovias Norte-Sul e Integração Oeste-Leste (Fiol). Estão nentre elas: Concorrência 004/2001 (Ferrovia Norte-Sul: Trecho Anápolis/GO – Porangatu/GO); Concorrência 008/2004 (Ferrovia Norte-Sul: Trechos entre Tocantins e Goiás), da Concorrência 004/2010 em seus lotes Lotes 01 a 04 (Ferrovia Norte-Sul: Trecho Ouro Verde/GO – Estrela do Oeste/SP) e da Concorrência 005/2010, nos lotes 01, 02, 04, 05 e 06 (Ferrovia de Integração Oeste-Leste: Trecho Ilhéus/BA – Barreiras/BA). Há também indícios preliminares de que os acordos tenham fraudado outros certames: as concorrências 002/2005 e 001/2007 (Ferrovia Norte-Sul: Trechos entre Tocantins e Goiás), os lote 5 da Concorrência 004/2010 (Ferrovia Norte-Sul: Trecho Ouro Verde/GO – Estrela do Oeste/SP) e o 3 e o 7 da Concorrência 005/2010 (Ferrovia de Integração Oeste-Leste: Trecho Ilhéus/BA – Barreiras/BA).