29 de set de 2015

Bahia terá centro contra câncer em região de mina

Segunda, 28 de Setembro de 2015 - 21:30

Bahia Notícias

por André Borges | Estadão Conteúdo
Bahia terá centro contra câncer em região de mina
Foto: Divulgação/ Greenpeace
O governo baiano anunciou que vai implementar um centro especializado em tratamento de câncer no município de Caetité, na Bahia, onde está em atividade a única mina de exploração de urânio em toda a América Latina. A previsão, segundo a diretora da atenção especializada da Secretária de Saúde da Bahia, Alcina Romero, é de que a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) esteja em operação no ano que vem. Serão investidos cerca de R$ 2 milhões em equipamentos e o custo mensal da unidade é estimado em R$ 1 milhão. O local vai oferecer desde cirurgias até tratamento por quimioterapia. "A média de casos de câncer nesta região está acima da que vemos em toda a Bahia", disse Alcina Romero. "Enquanto o câncer é a terceira causa de óbitos no Estado, nessa região é a segunda causa. Temos de reconhecer que é o momento de ampliar o tratamento ao câncer". A mineração de urânio de Caetité ocorre a apenas 20 quilômetros do local onde foi detectada a presença de alto teor de urânio na água de um poço, no município vizinho de Lagoa Real, conforme denúncia publicada pelo jornal O Estado de S.Paulo em 22 de agosto. Desde então, o governo baiano tem se mobilizado para dar início a um programa de monitoramento constante da qualidade da água consumida pela população rural do município. Na reportagem, o secretário municipal de Meio Ambiente de Lagoa Real, Willike Fernandes Moreira, disse que os casos de câncer passaram a ser tão frequentes, que hoje absorvem a maior parte dos recursos da prefeitura para saúde. A estatal Indústrias Nucleares do Brasil (INB), que explora urânio na região, afirma que realiza os procedimentos de segurança necessários ao tratamento do metal e que não há nenhuma relação com os casos de contaminação e suas atividades na região.