ESTADO PRECISA RECUPERAR A CAPACIDADE DE PLANEJAR, DIZ LÍDICE




 


“Será que é possível nos dias atuais voltarmos a ter o planejamento sendo exercido de fato pelo Estado?”, questionou Lídice, em pronunciamento de encerramento do Seminário 100 Anos de Nascimento, organizado pela Sudene e realizado nesta quinta-feira, 15, no auditório da Fieb, em Salvador.

O desafio de resgatar o planejamento de forma criativa do futuro. Esta é, na opinião da senadora Lídice da Mata, a reflexão que as comemorações pelo centenário do baiano Rômulo Almeida deveriam inspirar para a Bahia e para o Brasil.

“Falo como representante da Bahia e é nessa condição que tenho a obrigação de fazer a população conhecer a dupla importância de Rômulo Almeida para o Brasil e para a Bahia, seja na contribuição marcante que deu para o nosso desenvolvimento econômico, seja no papel fundamental para a redemocratização do País”, justificou Lídice, para quem a iniciativa de resgatar a memória de Rômulo também deve ser cobrada dos órgãos públicos que ele idealizou e ajudou a criar, como a Petrobras, a Eletrobras, o Banco do Nordeste e o BNDES, entre outros.

A senadora lembrou Rômulo como um desbravador, ao ousar ser o primeiro líder oposicionista a tomar parte  do desfile do 2 de Julho, Dia da Independência da Bahia.
Share:

Nenhum comentário:

Acesse e Leia!

Seguidores

Mais Vistos da Semana

Arquivo do blog

Arquivo do blog