Renova Energia inicia obras do Complexo Eólico Alto Sertão II


 
A Renova Energia (RNEW11), líder em energia eólica contratada no Brasil com 1.081MW, já iniciou a construção do Complexo Eólico Alto Sertão II, um conjunto de 15 parques com capacidade instalada de 386,10MW, energia suficiente para abastecer uma cidade com cerca de 1,9 milhão de habitantes, uma cidade maior do que Manaus. Localizado nos municípios de Caetité, Guanambi, Igaporã e Pindaí, no sudoeste da Bahia, o complexo terá investimentos de R$ 1,4 bilhão e vai gerar 1,3 mil postos de trabalho diretos durante o pico da construção.

Toda a energia do Alto Sertão II foi comercializada pela Renova em dois Leilões: LER (Leilão de Energia de Reserva) 2010 e do LEN (Leilão de Energia Nova) 2011. No LER 2010 são 6 parques (167,70 MW) e no LEN de 2011 são 9 (218,40MW), somando 15 parques que juntos terão 386,10MW de capacidade instalada. A Renova assinou um contrato com a GE para a aquisição dos 230 aerogeradores para o complexo, um negócio de R$ 800 milhões.

A previsão de entrega das obras acordada com o Governo é setembro de 2013 para os primeiros 6 parques do LER 2010, e março de 2014 para os 9 parques do LEN 2011."O início das obras é mais um marco importante na história do setor e da Renova e simboliza nosso compromisso de continuar investindo na Bahia e contribuindo para o desenvolvimento sustentável da região", afirma o diretor-presidente da Renova Energia, Mathias Becker.

O empreendimento faz parte dos planos de expansão da empresa, que em julho deste ano inaugurou o Complexo Eólico Alto Sertão I, empreendimento que teve investimentos de R$ 1,2 bilhão, composto por 14 parques com capacidade total instalada de 294MW. O Alto Sertão I teve sua energia comercializada para a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), no Leilão de Reserva de Energia (LER) de 2009.

Sobre a Renova

A Renova Energia é uma das maiores companhias de geração de energia por fontes renováveis do Brasil e inaugurou. A empresa é líder em energia eólica contratada com 1.081MW, sendo 681MW de capacidade contratada no mercado regulado e 400MW no mercado livre e desenvolve projetos de forma integrada, desde a prospecção até a implantação e operação de seu parque gerador. Nos seus 11 anos de existência, o Grupo Renova investiu na formação de uma equipe multidisciplinar e altamente capacitada formada por profissionais com grande experiência do setor de energia.
Share:

Um comentário:

Anônimo disse...

Os trabalhadores serão em sua maior parte de fora já que o governo do Estado não oferece cursos de qualificação e técnicos em Guanambi. Aqui somente cursos que não servem para nada como técnico em vendas, em comercio, administração. Afinal precisa de um curso técnico para ser vendedor numa loja? Não contamos com cursos técnicos em edificações, em eletrotécnica, agrimensura, mecânica, química que na Bahia só são oferecidos em algumas cidades privilegiadas da região de Salvador e do litoral que recebem todas as industrias. São Paulo cresceu porque lá o governo desconcentrou o ensino técnico e superior, investindo no interior do Estado.

Acesse e Leia!

Seguidores

Mais Vistos da Semana

Arquivo do blog

Arquivo do blog