Bahia recebe mais 34 ambulâncias do Samu e Farmácia Popular

Fotos: Blog do Latinha

Entrega de ambulâncias do Samu e Encontro de Sensibilização de Gestores Municipais para o Controle da Dengue

Bahia recebe mais 34 ambulâncias do Samu e Farmácia Popular O governador Jaques Wagner e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, entregaram, no início da manhã desta sexta-feira (18), na Reitoria da Universidade Federal da Bahia (Ufba), mais 34 ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192). Juntamente com o secretário de Saúde da Bahia, Jorge Solla, eles fizeram a entrega simbólica de dois veículos aos prefeitos das cidades de Piritiba, Carlos Alberto Silva, e de Vitória da Conquista, Guilherme Menezes.

Logo após a entrega das ambulâncias, foi realizado o Encontro de Sensibilização de Gestores Municipais para o Controle da Dengue. Ainda na Reitoria, as autoridades apresentaram a campanha deste ano de combate à dengue. Logo em seguida, ocorreu a inauguração da Farmácia Popular, que vai funcionar também como farmácia-escola da Ufba, localizada na Rua João das Botas (Canela), próxima à Reitoria. Encerrando as atividades, foi inaugurada a sede da Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (Unasus-Ba), na Rua Cardeal da Silva, Nº 1339, Federação.

Samu

Das 34 ambulâncias, cinco são de suporte avançado, 11 de suporte básico e 18 para reposição da frota. O Ministério da Saúde investiu R$ 4,6 milhões nesta aquisição, cabendo ao Governo do Estado o custeio da frota. Os veículos vão para 22 municípios e possibilitarão a implantação do Samu Regional de Jacobina, beneficiando uma população estimada em 2,6 milhões de habitantes. Os municípios beneficiados são: Feira de Santana, Eunápolis, Camaçari, Ilhéus, Itabuna, Juazeiro, Vitória da Conquista, Itagimirim, Itabela, Catu, Jequié, Alagoinhas, Belo Campo, Cruz das Almas, Jacobina, Caldeirão Grande, Capim Grosso, Mairi, Morro do Chepéu, Ourolândia, Piritiba e Várzea do Poço.

Durante o evento, o ministro da Saúde assinou portarias que habilitam os municípios de Itanhém, Mucuri e Nova Viçosa a receberem o quantidade referente às unidades de suporte básico, bem como o munícipio de Ibotirama referente às unidades de suporte avançado e básico do Samu-192, totalizando R$ 930 mil anuais.

Dengue

O Encontro de Sensibilização reuniu prefeitos, secretários municipais e representantes dos conselhos municipais de Saúde dos 198 municípios com maior risco de epidemia de dengue neste ano. O objetivo é reverter este quadro e não deixar que a redução no número de casos registrados no começo de 2011 enfraqueça as medidas de prevenção. Neste ano, até a semana epidemiológica realizada em 5 de fevereiro, foram notificados 3.569 casos de dengue na Bahia. No mesmo período de 2010, foram contabilizados 4.332 casos, o que representa uma redução de 17,6%. Até o momento, 191 municípios notificaram a doença através do Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica, dentre eles destacam-se Barreiras, Irecê, São Gabriel, Salvador, Feira de Santana, Jussara, Gentil de Ouro, Ipibepa, Cristópolis, Marcionílio Souza, Porto Seguro e Ilhéus, por concentrarem 59,6% das notificações.

Jorge Solla disse que, até o momento, a participação da sociedade no combate à dengue é o melhor mecanismo para evitar a doença. "Não temos vacina e a ferramenta mais eficaz, até agora, é a mobilização social". Segundo Solla, nos últimos anos, a Secretaria Estadual de Saúde tem ampliado as parcerias com as prefeituras para aumentar a quantidade de agentes de endemias. "No ano passado fizemos a seleção de novos agentes em 80 municípios e distribuímos mais de 250 mil capas para proteger reservatórios de água". O secretário anunciou que, no mês de abril, a organização social Moscamed Brasil vai começar a realizar testes de campo para esterilizar os mosquitos para que eles não se reproduzam.
Share:

Nenhum comentário:

Acesse e Leia!

Seguidores

Mais Vistos da Semana

Arquivo do blog

Arquivo do blog