R$ 35 por cabeça para encher a platéia da convenção de Serra

Blog Amigos do Presidente Lula

A cachê pago por pessoa para ser figurante na platéia da convenção demo-tucana que oficializou a candidatura de José Serra (PSDB/SP) foi de R$ 35,00 (segundo o jornal Agora São Paulo).

Eram 11h15 quando militantes do PSDB, impacientes, perguntavam sobre o jogo da Argentina. "Tá demorando demais, podiam ter colocado um telão aqui, né?", afirmou um dos jovens.

No mesmo horário chegou um grupo de 80 supostos militantes do DEM -cada um recebeu R$ 35 para estar ali.

José Serra não quis ser fotografado ao lado de sua "militância". Para que ninguém fosse pra casa sem uma lembrancinha de José Serra, o PSDB, providenciou uma tenda, com uma maquininha que materializava em foto a presença de José Serra. Uma recepcionista com a camisa azul "Serra presidente" ajustava os rostos de militantes dentro da maquininha, ao lado de um risonho Serra.

"Vou usar na campanha", disse o prefeito de Itaetê (BA), Adimar Matos Souza (PSDB). Ao lado, sua mulher já entoava o jingle tucano. Em 2009, a oposição tachou de eleitoreiras montagens similares feitas por petistas em encontro de prefeitos. Esse ano, tanto o partido de José Serra, como o próprio Serra, não acharam eleitoreiro. Copiaram

Ironicamente, no discurso, Serra disse:

"Não tenho esquemas, não tenho máquinas oficiais, não tenho patotas, não tenho padrinhos, não tenho esquadrões de militantes pagos com dinheiro público".

Foram pagos por quem?

A assessora de imprensa da campanha de Serra foi paga pelo governo de São Paulo no mês passado e, aparentemente, continua recebendo dinheiro do governo paulista através da Imprensa Oficial S.A.



Share:

Nenhum comentário:

Acesse e Leia!

Seguidores

Mais Vistos da Semana

Arquivo do blog

Arquivo do blog